Ajuda para hoje, esperança para amanhã 

O que é exatamente o Reino de Deus?O que é exatamente o Reino de Deus?

Você está aqui

O que é exatamente o Reino de Deus?O que é exatamente o Reino de Deus?

Login or Create an Account

With a UCG.org account you will be able to save items to read and study later!

Sign In | Sign Up

×

É notável que entre os dois bilhões de pessoas em todo o mundo, identificados como cristãos, poucos pensam no conceito do Reino de Deus — e menos ainda têm a menor ideia do que realmente se trata. Isto é notável porque de acordo com o fundador da fé cristã, Jesus Cristo, isso deveria ser a prioridade número um de cada cristão. Como Ele mesmo disse: “Buscai primeiro o reino de Deus e a sua justiça” (Mateus 6:33 Mateus 6:33Mas buscai primeiro o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.
Almeida Atualizada×
).

Jesus falou do Reino em uma parábola instrutiva após outra, explicando que nada tem mais valor e importância (ver Mateus 13:44-45 Mateus 13:44-45 44 O reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido no campo, que um homem, ao descobrí-lo, esconde; então, movido de gozo, vai, vende tudo quanto tem, e compra aquele campo. 45 Outrossim, o reino dos céus é semelhante a um negociante que buscava boas pérolas;
Almeida Atualizada×
). Este Reino era o tema do evangelho — ou boa nova — que Jesus pregou (Marcos 1:14-15 Marcos 1:14-15 14 Ora, depois que João foi entregue, veio Jesus para a Galiléia pregando o evangelho de Deus 15 e dizendo: O tempo está cumprido, e é chegado o reino de Deus. Arrependei-vos, e crede no evangelho.
Almeida Atualizada×
).

Em Sua orientação de como orar, Ele ensinou que devemos expressar esse desejo ardente a Deus: “ Venha o teu reino ” (Mateus 6:10 Mateus 6:10venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu;
Almeida Atualizada×
, ênfase do autor).

Então o que é o Reino de Deus — e onde ele está? Será que ele existe hoje em dia? Ou ainda é para o futuro? E por que ele é tão importante?

A esperança do céu ou do fim dos tempos?

Tem havido certa confusão em relação ao termo “reino dos céus”, que se encontra em várias passagens do Evangelho de Mateus. Alguns entenderam que isso é uma referência a ir para o céu após a morte — um mal entendimento e equívoco comum (Peça ou baixe nosso livro gratuito O Que Acontece Após A Morte? ).

As passagens paralelas de Marcos e Lucas usam a expressão “reino de Deus”. Portanto, os termos são sinônimos. O Evangelho de Mateus foi escrito principalmente para um público judeu, entre os quais era comum evitar dizer diretamente o nome de Deus à parte de uma ocasião de reverência. Assim Mateus substituiu a expressão “Reino de Deus” por “Reino dos céus” — simplesmente o céu onde está Deus.

Os profetas bíblicos se referiram à realeza de Deus, assim como Seu domínio sobre o céu e a terra — e Seu futuro reinado sobre todas as nações da Terra. Muitos judeus do primeiro século estavam, como José de Arimatéia, “esperando o reino de Deus” (Marcos 15:43 Marcos 15:43José de Arimatéia, ilustre membro do sinédrio, que também esperava o reino de Deus, cobrando ânimo foi Pilatos e pediu o corpo de Jesus.
Almeida Atualizada×
) — isto é, esperando que ele venha no futuro.

Na época, muitos judeus buscavam impor uma derrota militar a seus governantes romanos e o estabelecer um reino israelita independente e restaurado sob um Messias enviado por Deus. Como eles viram na profecia bíblica, este reino terrestre iria subjugar todos os inimigos no fim da presente época e ser um governo supremo numa época gloriosa do futuro. Para alguns isso era sinônimo do tempo de julgamento divino e da ressurreição dos mortos.

Apenas aceitação interior na Igreja?

No entanto, alguns começaram a concentrar-se no Reino em um sentido mais pessoal, uma interpretação rabínica, eventualmente, que os levava ao significado de aceitar a Deus como um Rei. Esta e algumas declarações de Jesus, às vezes traduzida incorretamente como “o reino de Deus está dentro de vós” (Lucas 17:21 Lucas 17:21nem dirão: Ei-lo aqui! ou: Eí-lo ali! pois o reino de Deus está dentro de vós.
Almeida Atualizada×
, ARA — Almeida Revista e Atualizada) [a tradução correta é “o reino de Deus está entre vós” (Lucas 17:21 Lucas 17:21nem dirão: Ei-lo aqui! ou: Eí-lo ali! pois o reino de Deus está dentro de vós.
Almeida Atualizada×
, ARC — Almeida Revista e Corrigida)], tem levado muitos a concluir que Jesus usou a expressão “Reino de Deus” para se referir principalmente à aceitação interior e submissão pessoal a Deus como Soberano, hoje.

Esta noção ainda tem levado muitos a ter um ponto de vista errôneo sobre a Igreja — o corpo coletivo dos verdadeiros crentes cristãos — como sendo o Reino. Deste ponto de vista, o Reino de Deus já chegou. E como cada vez mais pessoas tornam-se parte da Igreja e aceitam o governo de Deus em suas vidas, assim arrazoam, o Reino de Deus tem avançado na Terra.

Muitos tem ido ainda mais longe ao proclamar que a responsabilidade da Igreja para assumir o mundo atual e instalar o governo bíblico em toda parte como o Reino de Deus. Alguns até já defenderam a conquista pelas armas, enquanto outros preveem alcançar isso através do processo político. Essas ideias são opostas aos ensinamentos de Jesus sobre o Reino.

No entanto, devemos entender que, como examinaremos mais claramente, Jesus falou do Reino de Deus como um verdadeiro governo que virá numa época futura — embora Ele também deixou claro que era muito mais do que isso.

A definição e o Rei de toda a criação

Em busca de definir o Reino de Deus, faz sentido começar com a definição da própria palavra reino . O termo refere-se tanto ao reino quanto ao governo de um monarca ou à esfera de sua autoridade — o domínio.

Em ambos os casos, existem quatro elementos: 1) o próprio governante; 2) o reino sobre o qual o monarca governa; 3) pessoas dentro do reino e 4) um sistema de leis e de governo para administrar o reino. Assim, a terminologia “Reino de Deus” essencialmente deve se referir a um governo ou governo de Deus.

Por esta definição, o Reino existe agora, já que o Deus Criador é soberano sobre toda a criação, pois tudo está sujeito a Ele por lei. “O SENHOR reina”, proclamam os Salmos (93:1; 96:10; 97:1; 99:1). No entanto, a Escritura também vislumbra a expectativa de um tempo em que o governo de Deus será aceito universalmente, que não é o caso de hoje.

O atual governante deste mundo

Antes da criação do homem, houve uma grande rebelião contra Deus de um terço dos anjos celestes, sob a liderança de um arcanjo agora conhecido como Satanás, um nome que significa Adversário (comparar Isaías 14, Ezequiel 28). Satanás foi expulso para a Terra junto com seus cúmplices, agora conhecidos como demônios (ver Lucas 10:18 Lucas 10:18Respondeu-lhes ele: Eu via Satanás, como raio, cair do céu.
Almeida Atualizada×
, Apocalipse 12:4 Apocalipse 12:4a sua cauda levava após si a terça parte das estrelas do céu, e lançou-as sobre a terra; e o dragão parou diante da mulher que estava para dar � luz, para que, dando ela � luz, lhe devorasse o filho.
Almeida Atualizada×
). Atualmente, eles é que têm o domínio da Terra.

Nossos primeiros pais humanos escolheram ceder à tentação de Satanás no Jardim do Éden e pecaram contra Deus (Gênesis 3). Desde então, a civilização humana tem estado sob o des governo de Satanás e seus demônios.

A Escritura nos diz que Satanás engana todo o mundo (Apocalipse 12:9 Apocalipse 12:9E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, que se chama o Diabo e Satanás, que engana todo o mundo; foi precipitado na terra, e os seus anjos foram precipitados com ele.
Almeida Atualizada×
) e espiritualmente “emite” sua índole e atitudes erradas para uma humanidade receptiva (ver Efésios 2:2). Jesus o chamou de “ príncipe deste mundo” (João 12:31, 14:30, 16:11) e reconheceu que ele tem um “reino” (Mateus 12:26 Mateus 12:26Ora, se Satanás expulsa a Satanás, está dividido contra si mesmo; como subsistirá, pois, o seus reino?
Almeida Atualizada×
, Lucas 11:18 Lucas 11:18Ora, pois, se Satanás está dividido contra si mesmo, como subsistirá o seu reino? Pois dizeis que eu expulso dos demônios por Belzebu.
Almeida Atualizada×
). Mais tarde, o apóstolo Paulo o chamou de “ deus deste século” (2 Coríntios 4:4).

Assim, o mundo atual é efetivamente o reino de Satanás . No entanto, Deus permitiu isso para que as pessoas possam aprender as lições advindas de escolher o caminho errado de vida e o que significa viver afastado dEle.

Definitivamente, Deus mantém o domínio sobre toda Sua criação (ver Salmo 29:10; 89:9, Jó 38:8, 11). E às vezes Ele intervém para corrigir o curso das nações de acordo com Seu plano profetizado (ver Daniel 2:20-21 Daniel 2:20-21 20 Disse Daniel: Seja bendito o nome de Deus para todo o sempre, porque são dele a sabedoria e a força. 21 Ele muda os tempos e as estações; ele remove os reis e estabelece os reis; é ele quem dá a sabedoria aos sábios e o entendimento aos entendidos.
Almeida Atualizada×
; 4:17, 32, 34-37). Entretanto, muitos dos males que acontecem na vida de uma pessoa ou nação — e especialmente dentro do coração humano, que é “desesperadamente corrupto” (Jeremias 17:9 Jeremias 17:9Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o poderá conhecer?
Almeida Atualizada×
, ARA) é devido à forte influência do diabo.

Deus, o Rei de Israel

Desde a época de Moisés até o estabelecimento da monarquia sob o reinado de Saul, Deus, o Próprio, governou o povo por meio de um sistema de juízes e sacerdotes. O juiz e o profeta Samuel descreveram esse tempo para os israelitas como um período “que o SENHOR, vosso Deus, era o vosso rei” (1 Samuel 12:12 1 Samuel 12:12Quando vistes que Naás, rei dos filhos de Amom, vinha contra vós, dissestes-me: Não, mas reinará sobre nós um rei; entretanto, o Senhor vosso Deus era o vosso Rei.
Almeida Atualizada×
). Assim, a nação de Israel era, em certo sentido, o Reino de Deus na Terra naquela época.

Mas os corações das pessoas ainda estavam muito influenciados pelo rei deste mundo, Satanás, o Diabo. E rejeitaram o governo direto de Deus em favor de um monarca humano, como outras nações ao seu redor (1 Samuel 8:7 1 Samuel 8:7Disse o Senhor a Samuel: Ouve a voz do povo em tudo quanto te dizem, pois não é a ti que têm rejeitado, porém a mim, para que eu não reine sobre eles.
Almeida Atualizada×
).

A maioria dos reis israelitas foram governantes perversos — e até mesmo os mais justos não obedeciam completamente e nem representavam adequadamente a Deus.

A maior parte da lição da antiga Israel e sua monarquia era que, apesar de ter sido uma nação que tinha as leis de Deus e Sua presença real entre eles e os seus líderes, isso não foi nem um pouco suficiente para levar as pessoas à utopia que a humanidade tanto deseja. Uma miraculosa mudança tem que acontecer no coração humano. E o inimigo de Deus e do homem tem que ser retirado de cena.

Saiba que, certamente, esse dia está chegando. O plano de Deus sempre foi de estabelecer Seu reino sobre todas as nações — mas com uma mudança de coração dos líderes e do povo para que eles fossem um exemplo de retidão para o resto do mundo.

O Messias ou Cristo reinará no trono de Davi

Muitas profecias predisseram um futuro rei da linhagem de Davi, conhecido como o Messias ou Cristo, que iria dirigir e governar o mundo. Como o profeta Isaías escreveu: “Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros ; e o seu nome será: Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz; para que se aumente o Seu governo , e venha paz sem fim sobre o trono de Davi e sobre o Seu reino , para o estabelecer e o firmar mediante o juízo e a justiça, desde agora e para sempre” (Isaías 9:6-7, ARA) .

Da mesma forma, o arcanjo Gabriel anunciou a Maria, pouco antes da concepção de Jesus: “Este será grande e será chamado Filho do Altíssimo; e o Senhor Deus lhe dará o trono de Davi, seu pai, e reinará eternamente na casa de Jacó [Israel], e o Seu Reino não terá fim ” (Lucas 1:32-33 Lucas 1:32-33 32 Este será grande e será chamado filho do Altíssimo; o Senhor Deus lhe dará o trono de Davi seu pai; 33 e reinará eternamente sobre a casa de Jacó, e o seu reino não terá fim.
Almeida Atualizada×
).

A Escritura fala claramente de um trono verdadeiro, uma dinastia verdadeira, um reino verdadeiro — o Reino de Deus israelita tornando-se o Reino que governa sobre todo o mundo.

Quando o governador romano Pôncio Pilatos perguntou a Jesus, durante Seu julgamento, se Ele era um rei, então Jesus respondeu: “Tu dizes que eu sou rei. Eu para isso nasci e para isso vim ao mundo” (João 18:37). Jesus não estava falando de um simbolismo sentimental de liderar pessoas. Mas, como muitas passagens demonstram, Ele estava se referindo a uma reformulação completa da ordem mundial, estendendo Seu domínio sobre todas as nações!

Os reinos humanos terão seu fim com o Reino de Deus

Na antiguidade, Israel caiu muitas vezes sob o domínio de reinos gentios, dominados por Satanás. No entanto, a profecia predisse que uma sucessão de grandes impérios gentios seria seguida por outro reino, o de Deus.

Conforme registrado em Daniel 2, Deus deu ao imperador babilônico, Nabucodonosor, um sonho vívido de uma grande estátua humana composta por uma sucessão de metais da cabeça aos pés. Ela foi atingida na parte inferior por uma pedra, que a reduziu a pó, e se transformou em uma grande montanha, que se espalhou por toda a Terra (versículos 31-36).

As diferentes partes representavam uma sucessão de quatro grandes impérios ao longo da história. O primeiro foi identificado como o reino babilônico de Nabucodonosor, enquanto os outros seguiriam ordenadamente — o Império Medo-Persa, o Império Greco-Macedônio e, em seguida, o Império Romano. Este último continuaria existindo de alguma forma até o fim dos tempos, passando por ressurgimentos, até ser governado por um grupo de dez reis. Esta sucessão é apresentada numa visão que Daniel teve de quatro animais, em Daniel 7.

É importante ficar claro que essas profecias são literais, falam de reinos terrenos. Em seguida, surge um quinto reino. Vemos isso em Daniel 2, na pedra que cresce até encher a Terra. Veja a interpretação dada por Deus: “Mas, nos dias desses reis [os dez que compõem o renascimento final do Império Romano], o Deus do céu levantará um reino que não será jamais destruído ; e esse reino não passará a outro povo [como eram os anteriores], esmiuçará e consumirá todos esses reinos e será estabelecido para sempre ” (versículo 44).

Este quinto reino que aumenta e enche a Terra é o Reino de Deus — e é um reino muito real que tomará o lugar dos antigos reinos terrenos. Isso é confirmado em Daniel 7, que mostra os domínios dos reinos anteriores sendo tomado e dado a “um como o Filho do Homem [o Messias]… E foi-lhe dado o domínio, e a honra, e o reino, para que todos os povos, nações e línguas o servissem; o seu domínio é um domínio eterno, que não passará, e o seu reino, o único que não será destruído ” (versículos 13-14).

Isto se refere a Jesus, o Messias vindo do céu para tomar o controle do mundo. Esta é uma boa e maravilhosa notícia — a única esperança para um mundo que corre para a destruição!

O mundo transformado da era vindoura

O atual governo do rei do mundo, Satanás, então, chegará ao seu fim. Ele será banido por mil anos (Apocalipse 20:1-3 Apocalipse 20:1-3 1 E vi descer do céu um anjo, que tinha a chave do abismo e uma grande cadeia na sua mão. 2 Ele prendeu o dragão, a antiga serpente, que é o Diabo e Satanás, e o amarrou por mil anos. 3 Lançou-o no abismo, o qual fechou e selou sobre ele, para que não enganasse mais as nações até que os mil anos se completassem. Depois disto é necessário que ele seja solto por um pouco de tempo.
Almeida Atualizada×
), um período muitas vezes chamado de milênio (que é simplesmente a palavra para um período de mil anos).

Muitas profecias falam da incrível transformação que o mundo irá experimentar quando Satanás foi removido e Jesus Cristo é, finalmente, o Rei governante do mundo.

Jerusalém será a capital do planeta — então, chamada “O Trono do SENHOR” (Jeremias 3:17 Jeremias 3:17Naquele tempo chamarão a Jerusalém o trono do Senhor; e todas as nações se ajuntarão a ela, em nome do Senhor, a Jerusalém; e não mais andarão obstinadamente segundo o propósito do seu coração maligno.
Almeida Atualizada×
). A Lei e a Palavra de Deus vai sair dali para o resto das nações, a medida que as pessoas busquem ser ensinadas por Deus (Isaías 2:2-3). Elas deixarão de guerrear, pois todos aprenderão a viver em paz uns com os outros (versículo 4).

Até mesmo a natureza dos animais será alterada, de modo que não poderão ferir ou destruir nada neste futuro reino santo (Isaías 11:6-9). Isso também significa seres humanos vivendo juntos pacificamente — pois é o resultado da Terra se encher de “o conhecimento do SENHOR, como as águas cobrem o mar” (versículo 9).

As áreas estéreis e os desertos serão transformados e se tornarão como o Éden (Isaías 35:1-2, 7; 51:3). E a agricultura será extremamente produtiva (Amós 9:13). As pessoas vão ser curadas — tanto física como espiritualmente. O cego vai enxergar, os surdos ouvirão, os coxos irão saltar e o mudo vai falar (Isaías 35:5-6).

Alguns veem tudo isso meramente como figurativo de um mundo melhor com a propagação da fé cristã. Porém, isso é negar o sentido claro de muitas passagens. Pode até haver algumas aplicações figurativas ou espiritualizadas de algumas dessas passagens, mas isso é com o entendimento de que a sua ideia principal é bastante literal.

Os seguidores de Cristo reinarão com Ele

Também é espantoso aprender que o Messias vai compartilhar Seu domínio sobre a Terra com Seus seguidores nessa época — que, ao Seu retorno, eles serão ressuscitados ou transformados para receberem a imortalidade (1 Coríntios 15:50-53, 1 Tessalonicenses 4:16 1 Tessalonicenses 4:16Porque o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, � voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.
Almeida Atualizada×
-17).

Como a profecia de Daniel 7 afirma sobre o quinto reino, que virá após os quatro impérios gentios desta época: “E o reino, e o domínio, e a majestade dos reinos debaixo de todo o céu serão dados ao povo dos santos [pessoas apartadas] do Altíssimo ; o Seu reino será um reino eterno, e todos os domínios o servirão e lhe obedecerão” (versículo 27).

O livro de Apocalipse mostra ainda que os santos, os seguidores de Cristo a partir dessa era, reinarão com Ele na era porvir como reis e sacerdotes (20:04, 6) e que “reinarão sobre a terra ” (5:10) — novamente, não no céu.

O próprio Jesus falou desta recompensa futura aos Seus discípulos, dizendo: “Eu afirmo a vocês que isto é verdade: quando chegar o tempo em que Deus vai renovar tudo e o Filho do Homem se sentar no seu trono glorioso, vocês, os meus discípulos, também vão sentar-se em doze tronos para julgar as doze tribos do povo de Israel” (Mateus 19:28 Mateus 19:28Ao que lhe disse Jesus: Em verdade vos digo a vós que me seguistes, que na regeneração, quando o Filho do homem se assentar no trono da sua glória, sentar-vos-eis também vós sobre doze tronos, para julgar as doze tribos de Israel.
Almeida Atualizada×
, BLH).

E note esta descrição paralela: “E eu lhes designo um Reino , assim como meu Pai o designou a mim, para que vocês possam comer e beber à minha mesa no meu Reino e sentar-se em tronos, julgando as doze tribos de Israel” (Lucas 22 :29-30).

Esta passagem é bastante instrutiva, pois identifica o Reino de Deus como um governo real a ser estabelecido no futuro — e estar “no” Reino é identificado com essa época. Está claro que a referência ao Reino aqui não significa apenas aceitar o reinado de Deus em seu coração no presente (ver também Lucas 22:16 Lucas 22:16pois vos digo que não a comerei mais até que ela se cumpra no reino de Deus.
Almeida Atualizada×
, 18; 19:11-27; 21:31).

Uma mensagem vital e de profundo interesse

O Reino de Deus é um tema central e unificador em toda a Escritura. Vemos isso no papel de Deus como Rei sobre toda a criação e como o Rei de Israel. Vemo-Lo em Seu governo em nossas vidas pessoais agora e depois quando Cristo vier para governar todas as nações em uma época maravilhosa no futuro. Vemos isso na mudança do nível de existência que devemos experimentar ao reinarmos para sempre com Deus em Sua família divina e no crescimento perene do governo de Deus e da paz ao longo do tempo e na eternidade.

Todos estes elementos são importantes para se entender. Alguns cristãos se concentram apenas nos aspectos futuros do Reino de Deus, de modo que qualquer pensamento de sua realidade atual é ignorado ou negado. Normalmente, porém, o problema é exatamente o oposto. As pessoas se concentram no estado atual, afirmando que o Reino está aqui agora, dando pouca atenção à futura vinda do Reino — e talvez nem mesmo saibam nada sobre a futura vinda do Reino. No entanto, o aspecto futuro é o conceito principal da Bíblia.

Isso é o que Jesus quis dizer quando disse que o Reino de Deus é, em primeiro lugar, o governo de Deus sendo estabelecido sobre todas as pessoas para guiar todas as nações aos caminhos de Deus e à futura glória divina.

Esta é a maneira que os apóstolos de Jesus entendiam Sua mensagem, mesmo depois de suas instruções e aparições depois da ressurreição. Quando estava prestes a ascender ao céu, a última pergunta que lhe fizeram foi: “Senhor, restaurarás Tu neste tempo o reino a Israel?” (Atos 1:6 Atos 1:6Aqueles, pois, que se haviam reunido perguntavam-lhe, dizendo: Senhor, é nesse tempo que restauras o reino a Israel?
Almeida Atualizada×
). Isto é como eles entenderam Sua mensagem do Reino, e Ele não contradisse essa percepção — Ele apenas disse-lhes que não era para eles saberem o tempo [isto é, quando é que Ele viria], pois estava sob a autoridade do Pai (versículo 7).

Então, por quê uma compreensão futura do que é o Reino é tão importante? Por que devemos nos importar? O fato é que nossa vida deve ser guiada por uma meta — uma visão do futuro. Sem uma visão guia ou reveladora de Deus, vamos circular longe de Deus e, por fim, perecer (Provérbios 29:18).

Como Paulo disse: “Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens” (1 Coríntios 15:19). E nós não teríamos nenhuma motivação para nos esforçarmos em segui-Lo (comparar versículos 30-34). A verdade é que tudo o que fazemos é para o futuro que Deus trará ou tudo é em vão.

No entanto, a compreensão do sentido presente do Reino de Deus também é vital. Para alcançar o futuro predito, devemos estar alinhados e submetidos às normas do Reino hoje.

Aceitando o Reino agora

Não podemos entrar no Reino agora (leia “ O Reino Dentro de Você — e Agora Vindo Para Você? ” na página XX), mas podemos recebê-lo no sentido de aceitá-lo e, humildemente, submetermos a ele. E nós temos que fazer isso — caso contrário, não entraremos nele no futuro. Observe o que Jesus disse: “Em verdade vos digo que qualquer que não receber o Reino de Deus como uma criança de maneira nenhuma entrará nele” (Marcos 10:15 Marcos 10:15Em verdade vos digo que qualquer que não receber o reino de Deus como criança, de maneira nenhuma entrará nele.
Almeida Atualizada×
). Devemos recebê-lo — aceitá-lo — agora mesmo para entrar nele depois. E devemos fazê-lo com a confiança e humildade de uma criança.

Agora mesmo, nós podemos ter as leis do Reino escritas em nossos corações e podemos ter o Rei desse Reino vivendo em nossos corações para nos ajudar a obedecer essas leis (Hebreus 8:10 Hebreus 8:10Ora, este é o pacto que farei com a casa de Israel, depois daqueles dias, diz o Senhor; porei as minhas leis no seu entendimento, e em seu coração as escreverei; eu serei o seu Deus, e eles serão o meu povo;
Almeida Atualizada×
, Gálatas 2:20).

Nós podemos viver o futuro hoje — a era futura envolvendo nossas vidas agora, tal como aconteceu quando Cristo veio ensinando e realizando milagres há dois mil anos. A Bíblia descreve aqueles que são convertidos com o Espírito Santo de Deus como os que “provaram a boa palavra de Deus e os poderes do mundo vindouro” (Hebreus 6:5 Hebreus 6:5e provaram a boa palavra de Deus, e os poderes do mundo vindouro,
Almeida Atualizada×
, ARA).

Quando oramos a Deus diariamente dizendo “venha o teu reino” (Mateus 6:10 Mateus 6:10venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu;
Almeida Atualizada×
), nós estamos efetivamente torcendo por seu estabelecimento sobre todas as nações. Mas também estamos pedindo que seu governo comece conosco aqui e agora. Pois, se realmente desejamos o futuro que Deus proclama, vamos começar a viver por seus termos hoje.

Em seguida, dizemos: “Seja feita a tua vontade, tanto na terra como no céu”, assim reconhecemos que o Reino de Deus governa agora mesmo no céu, onde anjos realizam a Sua vontade em perfeita obediência. E pedimos que seja assim também na terra para o bem de todos — é claro, começando por nós.

E, finalmente, buscar primeiro Reino de Deus (Mateus 6:33 Mateus 6:33Mas buscai primeiro o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.
Almeida Atualizada×
) significa fazer tudo o que ele representa a nossa razão principal de existir. E, de fato, o Reino de Deus é realmente a razão da nossa existência!

Saiba mais

O Reino de Deus foi o âmago e o núcleo do ensinamento de Jesus Cristo. É um tema encontrado em toda a Escritura. Deve ser a meta de todo cristão. Mas quanto você sabe sobre isso? E como você pode ser parte dele? Para saber mais, solicite ou baixe sua cópia gratuita do livro O Evangelho do Reino e Qual é o Seu Destino? Hoje mesmo!

Caixa: O Reino Dentro de Você — e Agora Vindo Para Você?

Como devemos entender a afirmação de Jesus Cristo em Lucas 17:21 Lucas 17:21nem dirão: Ei-lo aqui! ou: Eí-lo ali! pois o reino de Deus está dentro de vós.
Almeida Atualizada×
, às vezes incorretamente traduzida como “O reino de Deus está dentro de você”? (ARA - Almeida Revista e Atualizada). Muitos tomam isso como significando que o Reino é algo criado nos corações dos homens. No entanto, devemos entender que Jesus estava falando aqui aos fariseus, que se opunham a Ele (versículo 20). Então, o governo de Deus estava realmente nos corações deles? As palavras “ dentro de você” seriam mais bem traduzidas como “no vosso meio” ou “ entre vós ” ou “aqui convosco”, como traduzem outras versões da Bíblia [como por exemplo a Almeida Revista e Corrigida (ARC)].

O Reino estava entre eles, porque Jesus estava entre eles — o Rei de toda a criação e o futuro Rei de Israel e de todas as nações estava bem ali no meio deles, trazendo uma antecipação das instruções e do milagroso poder do Reino ainda por vir.

Isso também explica a declaração de Jesus em Mateus 12:28 Mateus 12:28Mas, se é pelo Espírito de Deus que eu expulso os demônios, logo é chegado a vós o reino de Deus.
Almeida Atualizada×
: “Mas, se eu expulso os demônios pelo Espírito de Deus, é conseguintemente chegado a vós o Reino de Deus”.

Expulsão de demônios é uma característica do futuro Reino de Deus, quando Satanás e seus demônios serão banidos. No entanto, Jesus não estava impedido de intervir até certo ponto, quando Ele veio — nem está agora. Por meio do ministério e da obra de Cristo houve uma penetração dessa era futura na era atual, como alguns têm descrito — e essa penetração ainda pode ser sentida pelo povo de Deus hoje.

Na verdade, embora o uso que Jesus fez do termo “reino de Deus” normalmente estava no sentido de fim dos tempos, existem alguns casos onde é comprovada a existência de uma forma preliminar hoje — em comparação com um grão de mostarda que começa pequeno, mas cresce para se tornar uma planta enorme, ou como um pouco de fermento que acaba permeando e levedando toda a massa do pão (Mateus 13:31-33 Mateus 13:31-33 31 Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante a um grão de mostarda que um homem tomou, e semeou no seu campo; 32 o qual é realmente a menor de todas as sementes; mas, depois de ter crescido, é a maior das hortaliças, e faz-se árvore, de sorte que vêm as aves do céu, e se aninham nos seus ramos. 33 Outra parábola lhes disse: O reino dos céus é semelhante ao fermento que uma mulher tomou e misturou com três medidas de farinha, até ficar tudo levedado.
Almeida Atualizada×
).

Claro, quem será coroado com o governo do mundo na era futura são aqueles que têm se submetido ao reino de Deus durante esta era, embora possam parecer pequenos e insignificantes agora. E eles podem ser vistos, em certo sentido, como o reino de Deus em forma embrionária (comparar Romanos 8:22-23 Romanos 8:22-23 22 Porque sabemos que toda a criação, conjuntamente, geme e está com dores de parto até agora; 23 e não só ela, mas até nós, que temos as primícias do Espírito, também gememos em nós mesmos, aguardando a nossa adoração, a saber, a redenção do nosso corpo.
Almeida Atualizada×
).

No entanto, não é correto considerar que os seguidores de Cristo desta era já “entraram” no Reino, como se estivessem “dentro” do Reino agora.

Como o apóstolo Paulo disse aos que já eram crentes cristãos: “Por muitas tribulações nos importa entrar no Reino de Deus” (Atos 14:22 Atos 14:22confirmando as almas dos discípulos, exortando-os a perseverarem na fé, dizendo que por muitas tribulações nos é necessário entrar no reino de Deus.
Almeida Atualizada×
). Eles ainda não tinham entrado. E o apóstolo Pedro deixou isso ainda mais claro, dizendo aos membros da Igreja para permanecerem fiéis: “Porque assim vos será [no futuro] amplamente concedida a entrada no Reino eterno de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo” (2 Pedro 1:11 2 Pedro 1:11Porque assim vos será amplamente concedida a entrada no reino eterno do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.
Almeida Atualizada×
) .

De fato, entrar no Reino é sinônimo de herdar o Reino. Isso ocorrerá “ quando o Filho do Homem vier em sua glória, e todos os santos anjos” e “dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o Reino que vos está preparado desde a fundação do mundo” (Mateus 25:31 Mateus 25:31Quando, pois vier o Filho do homem na sua glória, e todos os anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória;
Almeida Atualizada×
, 34).

Paulo deixa bem claro que os cristãos não conseguiriam entrar ou herdar o Reino de Deus naquele tempo, afirmando: “E, agora, digo isto, irmãos: que carne e sangue não podem herdar o Reino de Deus , nem a corrupção herda a incorrupção” (1 Coríntios 15:50, ESV). Enquanto somos humanos, não podemos herdar o reino. Devemos ter nossa carne transformada, de corpos mortais para seres espirituais imortais.

É importante compreender que entrar no Reino de Deus exige uma mudança no nível de existência. Devemos ser levantado em glória divina para ser como Deus nosso Pai e Jesus Cristo, de modo a governar sob as ordens dEles em Seu reino. (Veja nosso livro gratuito Qual é o Seu Destino? para entender melhor esse assunto).

Uma passagem frequentemente usada para argumentar que os cristãos já estão no Reino hoje é Colossenses 1:13 Colossenses 1:13e que nos tirou do poder das trevas, e nos transportou para o reino do seu Filho amado;
Almeida Atualizada×
, que afirma que Deus “nos tirou da potestade [ou domínio] das trevas e nos transportou [ou transferiu] para o Reino do Filho do seu amor”. Este versículo está falando de uma transferência de autoridade do reino de Satanás para o reino de Deus.

Para muitos, o uso da palavra “para” aqui significa que agora estamos “no” Reino de Deus. Mas a palavra grega traduzida “para” não tem significado de que foram colocados dentro do Reino. Mas o uso de “para o”, é como se passasse de uma autoridade para outra. Estávamos sujeitos às regras de Satanás e agora estão sujeitos às regras do Reino de Deus.

Sem dúvida, como vimos, o Reino de Deus existe hoje já que Deus é o Soberano do universo. E Ele vai governar pessoalmente aqueles que se submetem a Ele hoje. No entanto, isso não significa colocá-los no Reino — mas os pôe sob as regras desse reino, assim como as nações da Terra durante o milênio não estarão no Reino, no sentido pleno, mas estarão sob suas regras.

Sim, há um sentido no qual somos capazes de ter experiência do Reino hoje. Vivemos em submissão a ele agora. O seu Rei vive dentro de nós para nos levar para fora das trevas — trazendo o poder da vida futura para nossas vidas no presente. Mas ainda estamos em território ocupado pelo inimigo — não apenas o mundo, mas até mesmo a nossa própria carne. Esperamos por um reino que ainda não está aqui — o Reino que Jesus trará quando retornar, onde nos irá transformar completamente e começará a transformar o mundo inteiro.