Esta é a Igreja de Deus Unida

Declaração de nossa Visão
 
Uma Igreja liderada pelo Espírito Santo de Deus, bem ajustada e ligada pelo auxílio de todos os membros, em que cada um coopera a sua parte, e crescendo em amor para cumprirem o grande propósito de Deus para a humanidade para trazer muitos filhos à glória (Efésios 4:16; Hebreus 2:10).
 
Declaração de nossa Missão
 
A missão da Igreja de Deus é de pregar (proclamar) o evangelho de Jesus Cristo e do vindouro Reino de Deus a todo o mundo, como uma testemunha, e ensinar todas a nações a observar o que Cristo ordenou fazendo discípulos e cuidando desses discípulos em todas as nações (Mateus 24:14; 28:19-20).
 
Quem Somos
 
A literatura neste site é publicada pela Igreja de Deus Unida, uma Associação Internacional, que tem ministros e congregações em muitos países ao redor do mundo. Nós traçamos a nossa origem desde a Igreja que Jesus fundou no início do primeiro século. Seguimos os mesmos ensinamentos, doutrinas e práticas estabelecidas nessa era.
 

Nós acreditamos que a Igreja de Deus é um corpo espiritual do qual Jesus Cristo é a Cabeça (Efésios 5:23). Os membros são chamados para a Igreja, e Deus está preparando-nos para o Reino de Deus através da obra da Igreja. Conforme Jesus Cristo decide, Ele coloca alguns membros em posições de liderança, Seus ordenados ministros, para a edificação e união na Igreja (João 6:44; 15:16; 1 Tim 1:12; Efésios 4:11-13).

A Igreja de Deus Unida, uma Associação Internacional, é uma organização física fundada por Cristo para que os membros do Corpo espiritual e Seus ministros possam fazer a Sua Obra neste mundo. 

Nós, na Igreja de Deus Unida, não afirmamos que todos os Cristãos estão na nossa irmandade. Também não pretendemos ser a única organização através da qual Deus pode estar trabalhando. No entanto, temos uma identidade distinta e esforçamos-nos na função de pregar o Evangelho do Reino de Deus para todo o mundo como uma testemunha (Mat 24:14), fazendo discípulos e ensinando a guardar o que Jesus nos ordenou (Mat 28:18-20), de acordo com os princípios de união e organização encontrados nas Escrituras.

Em soma breve, nós cremos: 

  • na justificação pela graça e fé de Jesus Cristo, mediante a redenção que há em Cristo Jesus, independente de obras de lei (Romanos 3:21-31);
  • na santificação do Espírito (Rom 15:16), o qual Deus dá aos que Lhe obedecem (Atos 5:32) e através do qual Jesus vive em nós e andamos em novidade de vida (Romanos 6:4, 12-14);
  • na necessidade da perseverança dos santos até ao fim, os que guardam os mandamentos de Deus e a fé de Jesus, incluindo a guarda do Sábado do Sétimo Dia e dos Dias Santos de Deus (Apocalipse 2:26; 14:12; 17:14). 
 
Para mais detalhes acerca das nossas crenças leia a publicação "Crenças Fundamentais da Igreja de Deus Unida".  
 
Aconselhamento Pessoal Disponível
 
Jesus ordenou os Seus seguidores a apascentar Suas ovelhas (João 21:15-17). Para cumprir este comando, a Igreja de Deus Unida tem congregações em vários locais à volta do mundo. Crentes se reúnem nestas congregações para serem instruídos das Escrituras e para conviverem uns com os outros.
 
A Igreja de Deus Unida está empenhada em entender e praticar o Cristianismo do Novo Testamento. Desejamos compartilhar o estilo de vida de Deus com aqueles que buscam adorar e seguir o nosso Salvador, Jesus Cristo. Os nossos ministros estão disponíveis para aconselhar, esclarecer dúvidas e explicar a Bíblia.
 
Se você gostaria de entrar em contato com um ministro você pode-o fazer usando a nossa aba de Contato ao cimo desta página.
 
Gratuitamente
 
Jesus Cristo disse: "De graça recebestes, de graça dai" (Mateus 10: 8). A Igreja de Deus Unida oferece as publicações neste site (e pelo correio) de forma gratuita. Somos gratos pelos generosos dízimos e ofertas dos membros da Igreja e de outros apoiantes, que contribuem voluntariamente para apoiar esta obra. Não solicitamos o público em geral para doações.
 
No entanto, doações espontâneas, de qualquer valor, para nos ajudar a compartilhar esta mensagem de esperança com os outros são bem-vindas. Para detalhes de como ajudar esta obra, use a nossa aba de Doações ao cimo desta página.
  
Breve história da Igreja de Deus Unida
 

A verdadeira Igreja que Jesus edificou é o corpo coletivo de indivíduos, chamados dos caminhos deste mundo, que se entregaram totalmente à regra de Deus, e que através do Espírito Santo, se tornam filhos gerados de Deus (Romanos 8:9). Jesus comprou esta Igreja, derramando o Seu próprio sangue por ela (Atos 20:28). Para mais detalhes consulte o nosso guia de estudo da Bíblia "A Igreja que Jesus Edificou."

As Igrejas de Deus que Paulo levantou na Ásia Menor estiveram subsequentemente sob a supervisão geral do apóstolo Pedro. Pedro escreveu às Igrejas na Ásia e na Galácia (1 Pedro 1:1). A Igreja de Deus em Roma, que foi estabelecida pelo ensino de Paulo, foi severamente perseguida por Nero em 64 dC. Nero acusou falsamente os cristãos com a queima da cidade. Talvez três ou mais anos após o incêndio de Roma, Paul foi apreendido perto de Trôade (2 Timóteo 4:13) e levado a julgamento em Roma, onde foi martirizado. Eventos agora estavam se movendo rapidamente.

Enquanto a Igreja no Oriente foi mantida através de Pella e Antioquia, a Igreja Romana ― com a maioria dos seus principais membros martirizados ― se tornou a rapina dos professores falsos. Assim que Pedro foi martirizado, provavelmente antes de 70 dC, eventos acelararam-se para um clímax. Já não havia Tiago nem Pedro nem Paulo. Somente João estava no comando. A apostasia estava em franco desenvolvimento ― especialmente no Ocidente. Muitas pessoas que davam ouvidos aos falsos mestres começaram a procurar novos líderes e nova sede. Eles não olharam para Cristo, o Cabeça da Igreja!

Agora tornou-se uma luta para batalhar “pela fé que um vez por todas foi entregue aos santos” (Judas 3). A Igreja tinha “abandonado o seu primeiro amor” (Apocalipse 2:4), como Jesus descreveu na história profética da Igreja (Apocalipse 2 e 3).

Registros históricos autoritários claramente confirmam que uma série de práticas não bíblicas foram introduzidas na igreja primitiva dentro de um século após a morte e ressurreição de Jesus Cristo.

Depois do Concílio de Nicéia (325 dC), a grande Igreja falsa começou 1260 anos de Tribulação (Apocalipse 12:6) com força total. A verdadeira Igreja fugiu para os vales e montanhas da Europa e da Ásia Menor. Depois desses 1260 anos, a partir de cerca de 1585 a Igreja de Deus começou a se espalhar com membros guardando o Sábado e os Dias Santos.

Jesus profetizou acerca da Igreja de Deus imediatamente antes do tempo do fim: "Eu sei as tuas obras; eis que diante de ti pus uma porta aberta, e ninguém a pode fechar; tendo pouca força, guardaste a minha palavra e não negaste o meu nome” (Apocalipse 3:8).

Aqui se vê uma Igreja com pouca força, poucos em número, mas que mantêm a palavra de Deus; uma que não nega a verdade, “que guarda os mandamentos de Deus e tem o testemunho de Jesus Cristo” (Apocalipse 12:17). Aqui está uma Igreja que está pregando o evangelho com poder, porque Jesus promete abrir uma porta até que a obra da Igreja esteja concluída.

Este versículo retrata uma Igreja que está a proclamar o evangelho pouco antes do grande tempo final de angústia que vai engolir todo o mundo. Esta é a missão da Igreja de Deus Unida! A Igreja de Deus Unida, tem congregações em mais de 50 países, e foi estabelecida formalmente como uma organização em 1995.

Reconhecendo esse fato, a Igreja de Deus Unida esforça-se para refletir as crenças e práticas dos ensinamentos de Jesus e dos apóstolos do primeiro século. Por essa razão a Igreja de Deus Unida não participa em práticas de culto comum que foram adicionadas sem mandato bíblico, tais como a guarda do Natal e o Domingo de Páscoa.

Muitos dos nossos ministros e membros foram membros da Igreja de Deus Mundial (Worldwide Church of God), uma corporação sem fins lucrativos, que estava sob a liderança de Herbert W. Armstrong até sua morte em 1986. No início de 1990, a liderança da Igreja de Deus Mundial começou a desviar-se abertamente de muitas das crenças e práticas da Igreja de Deus. Pelo fim de 1994, os líderes da Igreja de Deus Mundial começaram ativamente para impor a sua mudança de crença sobre toda a Igreja. Centenas de anciões e milhares de membros que não aceitaram esta apostasia, foram desassociados da Igreja de Deus Mundial.

Subseqüentemente cerca de 150 anciãos se reuniram em maio de 1995, jejuando e pedindo a Deus a Sua guia de como proceder. Daí se formou a Igreja de Deus Unida, uma Associação Internacional. Temos, agora, cerca de 450 anciãos e cerca de 17.000 pessoas que participam nos nossos cultos semanais da Igreja. 

A estrutura administrativa da Igreja de Deus Unida é de um Conselho de Anciãos com 12 ministros, submissos a Cristo, o Cabeça da Igreja. Esse Conselho debaixo da guia do Espírito de Cristo, elege o Presidente da Igreja e tem a responsibilidade de dar direções estratégicas ao Presidente da Igreja.


Índíce deste guia

 


X
You may login with either your assigned username or your e-mail address.
The password field is case sensitive.
Loading