Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

Preparando um Povo

Preparando um Povo

Os dois aspectos mais importantes da missão da Igreja de Deus Unida são a pregação do evangelho e a preparação de um povo. As duas ordens de Jesus Cristo são interdependentes.

A missão global da Igreja se estende muito além de sua responsabilidade inicial de pregar o evangelho e fazer novos discípulos, como Jesus ordenou em Mateus 28:19 Mateus 28:19Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;
Almeida Atualizada×
. Como explica o versículo 20, a Igreja também deve ensinar esses discípulos—alunos—"a guardar todas as coisas que [Jesus] mandou . . . até o fim dos tempos". De fato, a Igreja de Deus tem que ser uma fonte contínua de nutrição espiritual àqueles que foram chamados por Deus para Sua família.

Uma das principais admoestações que Jesus deu aos Seus apóstolos era a seguinte: "Apascenta as minhas ovelhas" (João 21:17 João 21:17Perguntou-lhe terceira vez: Simão, filho de João, amas-me? Entristeceu-se Pedro por lhe ter perguntado pela terceira vez: Amas- me? E respondeu-lhe: Senhor, tu sabes todas as coisas; tu sabes que te amo. Disse-lhe Jesus: Apascenta as minhas ovelhas.
Almeida Atualizada×
). Ele deu à Sua Igreja pastores adicionais—ministros humanos—para guiar, alimentar e incentivar o crescimento daqueles que Deus chama ao Corpo de Cristo. Como podemos ver a partir de instruções de Paulo a Tito e a Timóteo, Deus nomeia ministros com base em critérios vitais para o bem-estar dos outros membros da Igreja.

O próprio Jesus, explicou ao apóstolo Paulo que "designou alguns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres, com o fim de preparar os santos para a obra do ministério, para que o corpo de Cristo seja edificado, até que todos alcancemos a unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, e cheguemos à maturidade, atingindo a medida da plenitude de Cristo" (Efésios 4:11-13 Efésios 4:11-13 [11] E ele deu uns como apóstolos, e outros como profetas, e outros como evangelistas, e outros como pastores e mestres, [12] tendo em vista o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo; [13] até que todos cheguemos � unidade da fé e do pleno conhecimento do Filho de Deus, ao estado de homem feito, � medida da estatura da plenitude de Cristo;
Almeida Atualizada×
, NVI).

A igreja edificada por Jesus recebeu a missão de apascentar suas ovelhas, como Ele ordenou, e também de preparar esses seguidores para a grandiosa obra de serviço a Deus, suas famílias, suas comunidades e seus semelhantes. Jesus colocou grande ênfase no serviço ao próximo (Mateus 20:26-28 Mateus 20:26-28 [26] Não será assim entre vós; antes, qualquer que entre vós quiser tornar-se grande, será esse o que vos sirva; [27] e qualquer que entre vós quiser ser o primeiro, será vosso servo; [28] assim como o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir, e para dar a sua vida em resgate de muitos.
Almeida Atualizada×
).

Por estas razões, a Igreja de Deus Unida, embora pequena em números, se esforça para estabelecer congregações ao redor do mundo em que o povo de Deus possa se reunir e receber orientação para uma vida piedosa e de serviço. Estas congregações são servidas por pastores ordenados e treinados para ensinar e explicar com precisão as Escrituras e para aconselhar aqueles que peçam orientação pessoal. Esses pastores são muitas vezes auxiliados por outros homens e mulheres dedicados a ajudar as congregações a atingirem seu pleno potencial em servir aos demais—conforme a necessidade, a oportunidade e os recursos permitirem.

Nossas congregações se reúnem em várias cidades ao redor do mundo. Os escritórios regionais nas Américas, Europa, África, Ásia e no Pacífico Sul servem os membros da Igreja e operações de apoio em suas respectivas áreas. Eles também são responsáveis ​​pela distribuição de publicações da Igreja e da administração de outros pedidos e consultas em suas regiões.

Um escritório próximo a Cincinnati, Ohio, serve como centro de suporte às operações nos Estados Unidos e todas as operações associadas da Igreja em todo o mundo. A partir deste local o presidente da Igreja e os gerentes de departamento, com suas equipes, dão suporte às operações diárias da Igreja.

Nossos serviços de culto

Muitas vezes as pessoas nos perguntam: "Como é o serviço de culto na sua Igreja? Se eu decidir participar, o que devo esperar? Eu preciso trazer alguma coisa? Existem programas que atendam às necessidades de minha família?”

Os membros da Igreja de Deus Unida descansam (abstêm-se do trabalho e recreação normal) e se reúnem no Sábado semanal em conformidade com o quarto mandamento (Êxodo 20:8-11 Êxodo 20:8-11 [8] Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. [9] Seis dias trabalharás, e farás todo o teu trabalho; [10] mas o sétimo dia é o sábado do Senhor teu Deus. Nesse dia não farás trabalho algum, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o estrangeiro que está dentro das tuas portas. [11] Porque em seis dias fez o Senhor o céu e a terra, o mar e tudo o que neles há, e ao sétimo dia descansou; por isso o Senhor abençoou o dia do sábado, e o santificou.
Almeida Atualizada×
; Deuteronômio 5:12-15 Deuteronômio 5:12-15 [12] Guarda o dia do sábado, para o santificar, como te ordenou o senhor teu Deus; [13] seis dias trabalharás, e farás todo o teu trabalho; [14] mas o sétimo dia é o sábado do Senhor teu Deus; nesse dia não farás trabalho algum, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu boi, nem o teu jumento, nem animal algum teu, nem o estrangeiro que está dentro das tuas portas; para que o teu servo e a tua serva descansem assim como tu. [15] Lembra-te de que foste servo na terra do Egito, e que o Senhor teu Deus te tirou dali com mão forte e braço estendido; pelo que o Senhor teu Deus te ordenou que guardasses o dia do sábado.
Almeida Atualizada×
) e com os exemplos bíblicos expressos de Jesus e dos primeiros cristãos, que se reuniam nesse dia para adorar, dar e receber instruções da Palavra de Deus (ver Lucas 4:16 Lucas 4:16Chegando a Nazaré, onde fora criado; entrou na sinagoga no dia de sábado, segundo o seu costume, e levantou-se para ler.
Almeida Atualizada×
; Atos 13:42 Atos 13:42Quando iam saindo, rogavam que estas palavras lhes fossem repetidas no sábado seguinte.
Almeida Atualizada×
, 44; 17:2; 18:4).

Algumas pessoas ficam surpresas quando descobrem que nossas congregações se reúnem no Sábado para os serviços regulares semanais da Igreja. O motivo, claro, é que Deus define o Sábado do sétimo dia bíblico como o periodo desde o pôr-do-sol de sexta-feira ao pôr-do-sol do Sábado, em vez de ser no domingo, o primeiro dia da semana. Assim como Jesus e os primeiros cristãos das congregações da Igreja de Deus fizeram, nós observamos o dia e a hora que Deus ordenou.

A Bíblia descreve o Sábado semanal em Isaías 58:13 Isaías 58:13Se desviares do sábado o teu pé, e deixares de prosseguir nas tuas empresas no meu santo dia; se ao sábado chamares deleitoso, ao santo dia do Senhor, digno de honra; se o honrares, não seguindo os teus caminhos, nem te ocupando nas tuas empresas, nem falando palavras vãs;
Almeida Atualizada×
como "santo dia do Senhor" e em Levítico 23:2 Levítico 23:2Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: As festas fixas do Senhor, que proclamareis como santas convocações, são estas:
Almeida Atualizada×
como uma das "festas do Senhor". A palavra hebraica para "festa" é moed, que significa "encontro" ou "reunião". O versículo 3 descreve o Sábado semanal como uma "santa convocação" ou "assembleia sagrada" (NVI). É, portanto, uma assembleia ordenada (ver também Hebreus 10:24-25 Hebreus 10:24-25 [24] e consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e �s boas obras, [25] não abandonando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia.
Almeida Atualizada×
).

Ao juntar esses versículos, podemos ver que Deus ordena seu povo a comparecer diante dEle para uma reunião, como um compromisso semanal regular. (Para saber mais sobre o fundamento bíblico do Sábado do sétimo dia, por que os cristãos devem guardá-lo e como observá-lo, certifique-se de baixar ou solicitar sua cópia gratuita do nosso livro O Sábado: de Pôr-do-sol a Pôr-do-sol, o Dia do Descanso de Deus).

Todos os que quiserem assistir aos serviços de Sábado conosco em paz, como ordenado na Bíblia, são bem-vindos. Por acreditarmos e ensinarmos que a Bíblia é a Palavra inspirada de Deus (2 Timóteo 3:15-17 2 Timóteo 3:15-17 [15] e que desde a infância sabes as sagradas letras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela que há em Cristo Jesus. [16] Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça; [17] para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente preparado para toda boa obra.
Almeida Atualizada×
), os nossos ministros e outros oradores durante o serviço de culto vão se concentrar no que diz a Bíblia. Os membros são instados a buscar e ler por si próprios as escrituras citadas. Muitos tomam notas para uma análise posterior. A instrução dada em nossos cultos de adoração não é baseada em filosofia humana ou qualquer especulação, mas nos ricos ensinamentos da Palavra de Deus e como devemos aplicá-los em todos os aspectos de nossas vidas.

E assim seguimos as instruções do apóstolo Paulo, que escreveu ao jovem ministro Timóteo: "Conjuro-te, pois, diante de Deus e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu Reino, que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina" (2 Timóteo 4:1-2 2 Timóteo 4:1-2 [1] Conjuro-te diante de Deus e de Cristo Jesus, que há de julgar os vivos e os mortos, pela sua vinda e pelo seu reino; [2] prega a palavra, insta a tempo e fora de tempo, admoesta, repreende, exorta, com toda longanimidade e ensino.
Almeida Atualizada×
). Portanto, as mensagens apresentadas em nossos serviços são elaboradas para serem instrutivas, úteis, práticas e inspiradoras.

Quando nos reunimos diante de Deus, entramos em uma atitude de adoração e gratidão por aquilo que Ele tem realizado em nossas vidas. Depois de abrir o culto com hinos de louvores, oramos pedindo a presença e a orientação de Deus.

Depois dessa oração de abertura, vem a parte falada do serviço, que normalmente inclui duas mensagens. A primeira, designada como sermãozinho, é curta e entregue caracteristicamente com um item de compreensão bíblica ou encorajamento.

Depois de mais um hino de louvor, geralmente dedicamos um breve espaço de tempo do serviço para anúncios relativos a eventos e atividades das congregações locais e internacionais. Às vezes, os músicos da congregação podem fazer uma apresentação musical curta e apropriada.

O próximo passo é o sermão principal, geralmente com cerca de uma hora de duração. Os sermões explicam sobre uma variedade de temas espirituais, tais como a vida cristã na prática, explicações sobre doutrinas bíblicas ou, ocasionalmente, as aclarações sobre eventos da atualidade à luz da profecia bíblica. Depois do sermão, os nossos serviços são concluídos com um hino e uma oração de encerramento.

Atenção às necessidades especiais

Reconhecemos que as necessidades das pessoas variam e muitas aprendem de forma mais eficaz em grupos menores ou mais focados, algumas das nossas congregações também oferecem, a quem desejar, estudos bíblicos ou aulas para adultos, adolescentes, crianças, jovens adultos e pessoas de meia-idade e da terceira idade. Alguns desses estudos podem ser realizados antes, durante ou após o serviço semanal no Sábado, e às vezes os membros podem se reunir para um estudo bíblico no meio da semana. A Igreja oferece estas opções como oportunidades de aprendizagem extra, incentivo e companheirismo para os cristãos.

Os membros da Igreja interagem e trabalham juntos também de outras maneiras. Muitas vezes, as congregações organizam atividades especiais para atender diversas necessidades. E isso pode incluir eventos sociais, oportunidades de companheirismo em refeições compartilhadas, atividades esportivas, viagens para crianças e adolescentes a acampamentos, clubes de liderança e de oratória para homens e mulheres e eventos ocasionais para ajudar aos membros e pessoas carentes nas nossas comunidades ou até mesmo ao outro lado do mundo.

Ajudando aos necessitados

O foco da Igreja Unida de Deus é proclamar a Boa Nova do vindouro Reino de Deus para toda a humanidade. Mas isso não nega a necessidade de ajudar as pessoas agora.

Jesus Cristo curava os doentes e confortava os aflitos, e Ele ordena que sejamos compassivos com os outros. Do ponto de vista econômico, não temos oportunidades iguais neste mundo, e alguns, reconhecendo esta disparidade, querem ajudar a fazer a diferença na vida dos outros.

Reconhecer o sofrimento e a pobreza é um primeiro passo importante. Mas não é nada até que façamos algo para aliviar aquels que Deus tomou conhecimento. Jesus advertiu que simplesmente dizer "aquentai-vos e fartai-vos" não é uma ação completa (Tiago 2:16 Tiago 2:16e algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito há nisso?
Almeida Atualizada×
; Mateus 25:34-46 Mateus 25:34-46 [34] Então dirá o Rei aos que estiverem � sua direita: Vinde, benditos de meu Pai. Possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo; [35] porque tive fome, e me destes de comer; tive sede, e me destes de beber; era forasteiro, e me acolhestes; [36] estava nu, e me vestistes; adoeci, e me visitastes; estava na prisão e fostes ver-me. [37] Então os justos lhe perguntarão: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? ou com sede, e te demos de beber? [38] Quando te vimos forasteiro, e te acolhemos? ou nu, e te vestimos? [39] Quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos visitar-te? [40] E responder-lhes-á o Rei: Em verdade vos digo que, sempre que o fizestes a um destes meus irmãos, mesmo dos mais pequeninos, a mim o fizestes. [41] Então dirá também aos que estiverem � sua esquerda: Apartai- vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o Diabo e seus anjos; [42] porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber; [43] era forasteiro, e não me acolhestes; estava nu, e não me vestistes; enfermo, e na prisão, e não me visitastes. [44] Então também estes perguntarão: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou forasteiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos? [45] Ao que lhes responderá: Em verdade vos digo que, sempre que o deixaste de fazer a um destes mais pequeninos, deixastes de o fazer a mim. [46] E irão eles para o castigo eterno, mas os justos para a vida eterna.
Almeida Atualizada×
).

A Igreja de Deus Unida estabeleceu oficialmente o programa Boas Obras, em 2004. Para ser mais eficaz, a igreja firmou uma parceria com LifeNets, uma instituição de caridade altamente eficiente estabelecida por membros da Igreja, na qual muitos membros da igreja estão envolvidos, e aonde uma percentagem muito grande de todos os valores doados vai para as pessoas que estão sendo auxiliadas. Ambos os programas têm projetos de forma independente ou em parceria, dependendo das necessidades.

Encorajando a porem as mãos à obra, e não somente a estenderem as mãos

A LifeNets desenvolve programas que oferecem assistência prática que promove o bem-estar e autossuficiência de pessoas desfavorecidas. Estes programas tem se expandido fortemente e tem incentivado aqueles que recebem a assistência para "retribuir adiante", assim ajudando a outros.

Através do apoio da LifeNets na agricultura e pecuária temos visto enormes mudanças na vida de pessoas paupérrimas em vários países ao redor do mundo.

Há vários anos, uma doença na região central da Zâmbia dizimou rebanhos inteiros de bovinos. As pessoas ficaram sem o leite para seus filhos, sem animais de tração para arar os seus campos, causando assim pobreza e fome inimaginável. Comunidades inteiras ficaram sem medicamentos básicos. Com o passar do tempo, as crianças morriam de malária e outras doenças.

No ano 2000, a LifeNets iniciou um programa para restaurar o rebanho bovino nas comunidades carentes. Era necessário ensinar as pessoas noções de veterinária e de cuidados com os animais para minimizar o risco de perdas futuras de animais por causa da doença.

A perfuração de poços de água tornou-se um projeto regular da LifeNets. A água potável é vital para a sobrevivência humana, mas é um recurso escasso em muitos países pobres. Em muitas áreas, as pessoas, a maioria mulheres, passava grande parte do dia buscando água em grandes açudes e em fontes distantes. A perfuração de poços nas comunidades trouxe água fresca e limpa para beber, cozinhar e lavar.

Nos Estados Unidos, um programa sem igual de cadeiras de rodas já existe há mais de uma década. Através do site da LifeNets (www.LifeNets.org) temos usado a internet para associar os doadores de cadeiras de rodas com aqueles que necessitam delas, beneficiando muito a vida de centenas de pessoas.

A educação vence a pobreza

A educação é um caminho para sair da pobreza. A LifeNets e o programa Boas Obras têm apoiado bolsas de estudo para jovens obterem educação ou formação especializada na Guatemala, El Salvador, Peru, Chile, Brasil, África do Sul, Malaui, Zâmbia, Zimbábue, Ucrânia e Filipinas.

Estas bolsas têm trazido benefícios ao longo da vida desses jovens que, caso contrário, poderiam ser relegados ao flagelo do desemprego e da pobreza. Isso também ajuda a suas comunidades, já que os bolsistas nestes países pobres podem, então, tornarem-se pilares na estrutura de sua sociedade.

A LifeNets também construiu clínicas e escolas na África e na Ucrânia e tem apoiado programas de crianças órfãos e de rua na Ucrânia.

O programa Boas Obras tem doado Bíblias, construído locais de reunião para as congregações da Igreja, adquirido veículos para o transporte necessário para as congregações distantes, bem como pessoal de apoio para auxiliar em programas de treinamento e educação na Zâmbia, Nigéria e Guatemala.

"Não nos cansemos de fazer o bem"

A Bíblia fala claramente de abrir nossos corações, compartilhar nossos recursos com os pobres e nos encoraja a ajudar os necessitados: "Quem, pois, tiver bens do mundo, e, vendo o seu irmão necessitando, lhe fechar o seu coração, como permanece nele o amor de Deus? Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obras e em verdade" (1 João 3:17-18 1 João 3:17-18 [17] Quem, pois, tiver bens do mundo, e, vendo o seu irmão necessitando, lhe fechar o seu coração, como permanece nele o amor de Deus? [18] Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obras e em verdade.
Almeida Atualizada×
).

O apóstolo Paulo fala de ajudar não os do nosso meio, mas também aqueles que nós sabemos que passam necessidades: "E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido. Então, enquanto temos oportunidade, façamos bem a todos, mas principalmente aos domésticos da fé" (Gálatas 6:9-10 Gálatas 6:9-10 [9] E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido. [10] Então, enquanto temos oportunidade, façamos bem a todos, mas principamente aos domésticos da fé.
Almeida Atualizada×
).

Capacitando e desenvolvendo os nossos jovens

Há muito tempo, o sábio Rei Salomão admoestou os jovens, "Lembra-te do teu Criador nos dias da tua mocidade" (Eclesiastes 12:1 Eclesiastes 12:1Lembra-te também do teu Criador nos dias da tua mocidade, antes que venham os maus dias, e cheguem os anos em que dirás: Não tenho prazer neles;
Almeida Atualizada×
). Com esse imperativo bíblico em mente, buscamos capacitar nossos jovens para uma vida de caráter forte e boas obras. Nós fornecemos programas destinados a complementar os esforços de seus pais para ajudá-los a serem bons alunos em suas escolas, a serem membros valorosos em suas comunidades, exemplos virtuosos em seus futuros trabalhos e bons cidadãos que continuarão respondendo ao chamado de Deus à medida que amadurecem.

A Igreja de Deus Unida realiza um extenso programa de acampamento para jovens em diversos locais ao redor do mundo. Durante o verão ou as férias escolares, nossos jovens podem se unir para desenvolver relacionamentos mais profundos com Deus e participarem do desafio de novas experiências. Os programas de acampamento são destinados a incentivar e desenvolver traços de caráter ao longo da vida, como coragem, dedicação e perseverança. Eles também constroem um companheirismo entre os campistas e uma jovem equipe de conselheiros, ministros e outros cooperadores do acampamento—formando vínculos que podem durar toda a vida.

Os jovens adultos que desejam ir além do voluntariado para ajudar os outros podem se inscrever para esse serviço no Corpo de Juventude Unida [United Youth Corps]. Aqui os jovens, homens e as mulheres, ganham a oportunidades de viajar e servir as pessoas em distintas partes do globo. Nos meses do verão, um jovem pode se encontrar longe de casa, em lugares como Chile, Jordânia, Gana e África do Sul. Esse serviço pode incluir trabalhos com residentes da área em um programa de ensino de idioma, um curso de uso do computador ou uma escavação arqueológica. Esses jovens não apenas dão de si mesmo, mas também se sentirão gratificados com experiências inesquecíveis por toda a sua vida.

Passar a verdade de Deus de uma geração para a outra é uma grande prioridade da Igreja. Portanto, para um aprofundamento espiritual na instrução bíblica e espiritual para a próxima geração, a Igreja de Deus Unida também apoia e mantem o Centro Bíblico Embaixador (Ambassador Bible Center―ABC), localizado em nosso complexo no escritório de Cincinnati. Este local foi projetado para o estudante de idade universitária ou mais que deseja participar de um programa intensivo de estudo e ensinamentos relacionados à Bíblia, que tem a duração de nove meses.

Além de seu próprio corpo docente, a equipe do Centro Bíblico Embaixador é complementada por palestrantes convidados, que trazem conhecimentos adicionais sobre determinados assuntos para os estudantes. Muitos moços e moças decidem entrar neste programa, imediatamente antes ou após o seu curso universitário.

Para atender o objetivo específico de "preparar um povo" em relação à nossa juventude, a Igreja de Deus Unida tem desenvolvido uma série de programas para a juventude. Sua finalidade não é apenas manter nossos jovens unidos, mas, ainda mais importante, é ajudá-los a desenvolver e fortalecer uma relação de amor com Deus. Também desejamos educá-los e prepará-los para o serviço em suas congregações e para o mundo em geral.

Cuidando da família de Deus

Devemos ter em mente que a igreja edificada por Jesus não é um impressionante edifício com janelas de vidro colorido. Não tem nenhuma torre nem sinos que tocam uma antiga melodia religiosa.

A palavra igreja no Novo Testamento significa um grupo de pessoas, não um edifício. A igreja que Jesus edificou é composta de pessoas que são seus membros. Eles são a Igreja!

Por que essa distinção é importante?

A palavra grega ekklesia, traduzida ao português como igreja, simplesmente significa "aqueles que são chamados" ou uma "assembleia dos chamados". Originalmente, ela se referia a uma assembleia de cidadãos numa cidade—convocados para uma reunião para discutir os assuntos da comunidade. Visto que seu significado está muito próximo à correspondente palavra hebraica para "congregação", tornou-se a palavra grega usada para a "congregação” de Deus no Novo Testamento, a assembleia de pessoas,  que é referida em português como a Igreja.

Os apóstolos de Cristo descrevem a Igreja como aqueles que, tendo entregado suas vidas a Deus em sincera obediência, receberam o Espírito Santo (Atos 8:32 Atos 8:32Ora, a passagem da Escritura que estava lendo era esta: Foi levado como a ovelha ao matadouro, e, como está mudo o cordeiro diante do que o tosquia, assim ele não abre a sua boca.
Almeida Atualizada×
; Romanos 8:9 Romanos 8:9Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de Deus habita em vós. Mas, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele.
Almeida Atualizada×
). Na verdade, os membros da Igreja são muitas vezes comparados a partes individuais de um edifício de pedra. O apóstolo Pedro escreveu: "Vós também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdócio santo, para oferecerdes sacrifícios espirituais, agradáveis a Deus, por Jesus Cristo" (1 Pedro 2:5 1 Pedro 2:5vós também, quais pedras vivas, sois edificados como casa espiritual para serdes sacerdócio santo, a fim de oferecerdes sacrifícios espirituais, aceitáveis a Deus por Jesus Cristo.
Almeida Atualizada×
). Chamados de todas as nacionalidades e etnias, todos os membros da Igreja "não são estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos Santos e da família de Deus" (Efésios 2:19 Efésios 2:19Assim, pois, não sois mais estrangeiros, nem forasteiros, antes sois concidadãos dos santos e membros da família de Deus,
Almeida Atualizada×
).

As pessoas na Igreja de Deus são, portanto, membros da família de Deus, embora ainda não glorificados. Na verdade, os membros da Igreja compreendem que ainda são seres humanos falíveis e imperfeitos. No entanto, eles se esforçam para fazer o melhor que podem para servir a seu Pai celestial. E isso eles fazem, sabendo que Deus já deu o Seu melhor para eles —Seu Filho unigênito como Salvador. E em Sua grande misericórdia, Ele vem nos preparando continuamente para que possamos assumir um cargo no Seu Reino vindouro.

Nesta presente era de preparação, o povo de Deus busca força e conforto tanto dEle como de uns com os outros. Por essa razão Hebreus 10:24-25 Hebreus 10:24-25 [24] e consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e �s boas obras, [25] não abandonando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia.
Almeida Atualizada×
diz: "E consideremos uns aos outros para nos incentivarmos ao amor e às boas obras. Não deixemos de reunir-nos como igreja, segundo o costume de alguns, mas procuremos encorajar-nos uns aos outros, ainda mais quando vocês vêem que se aproxima o Dia [do retorno de Cristo]" (NVI).

A Igreja de Deus Unida se esforça diligentemente para cumprir a ordem bíblica de "preparar os santos"—isto é, preparar os membros do "corpo de Cristo" para cumprir sua vocação como servos de Deus agora e como Sua família eterna no Reino de Deus (Efésios 4:12 Efésios 4:12tendo em vista o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo;
Almeida Atualizada×
).