Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

O Privilégio e o Poder da Oração

Você está aqui

O Privilégio e o Poder da Oração

"E [Jesus] contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre e nunca desfalecer" (Lucas 18:1 Lucas 18:1Contou-lhes também uma parábola sobre o dever de orar sempre, e nunca desfalecer.
Almeida Atualizada×
).

Os pais querem ouvir seus filhos porque os ama. Deus quer ouvir seus filhos pela mesma razão, porque Ele nos ama.

O que significa orar? Significa estar conversando e arrazoando com nosso Criador. Todos podem e deveriam fazer isso. O que é mais inspirador é saber que Deus ouve, Ele está interessado em nossas orações e as responde! A oração é eficaz — ou seja, a oração de pessoas sinceras diante de Deus obtém resultados.

Deus nunca está dormindo ou ocupado demais para nos ouvir. Nunca há uma conexão ruim ou um mau momento. Você nunca vai receber um sinal de ocupado ou ser colocado em espera. Você tem minutos de acesso ilimitado — até horas. Então, você não tem desculpas!

O homem mais poderoso da história

Até mesmo Jesus Cristo, que era Deus na carne (João 1:1-5 João 1:1-5 [1] No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. [2] Ele estava no princípio com Deus. [3] Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e sem ele nada do que foi feito se fez. [4] Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens; [5] a luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela.
Almeida Atualizada×
, 14), sabia a importância de orar ao Pai Celestial. A Bíblia nos dá inúmeros exemplos de Jesus orando fervorosamente ao Pai, não apenas louvando a Deus, mas pedindo ajuda. Sem dúvida, Jesus sabia que o Deus celestial era a melhor fonte de se obter sucesso em cada empreitada.

Imagine, se Jesus Cristo precisou de ajuda do Pai Celestial, o que dizer de nós! E ainda temos muitos outros exemplos. Todas as pessoas dedicadas a Deus, na Bíblia e na história, eram pessoas que oravam.

Os discípulos de Jesus logo perceberam qual era a fonte do poder de Seu Mestre. Eles disseram: "Senhor, ensina-nos a orar" (Lucas 11:1 Lucas 11:1Estava Jesus em certo lugar orando e, quando acabou, disse-lhe um dos seus discípulos: Senhor, ensina-nos a orar, como também João ensinou aos seus discípulos.
Almeida Atualizada×
). Você gostaria de aprender os ensinamentos de Cristo sobre a oração? Provavelmente, você os tem em sua casa. Pois, eles estão espalhados por toda a Bíblia.

Qualquer um pode começar a orar antes mesmo de aprender alguma coisa sobre a oração. Deus ouve e aprecia as orações mais simples. Jesus deixou isso claro: “Pedi, e dar-se-vos-á; buscai e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á" (Mateus 7:7 Mateus 7:7Pedí, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei e abrir-se-vos-á.
Almeida Atualizada×
).

Mas Deus quer que cresçamos em compreensão e aplicação da oração. Assim como aprender um novo hobby, esporte ou atividade, a satisfação e recompensa aumentam com a habilidade e o conhecimento agregado. Por isso, é de inestimável valor ler e entender os ensinamentos bíblicos a respeito da oração.

Podemos adquirir muito entendimento e inspiração através dos diversos exemplos maravilhosos de orações no livro de Salmos e em toda a Bíblia. A prática diária leva naturalmente à proficiência e ao prazer de orar. Muitas pessoas têm experimentado e aprovado isso.

Falar com Deus com a confiança de um filho com o seu Pai

Quando Seus discípulos disseram: "Ensina-nos a orar", Jesus começou a lição dando-lhes um breve resumo das coisas mais importantes e básicas da oração diária. Popularmente chamada de "Pai Nosso", a instrução de Jesus se encontra em Lucas 11:2-4 Lucas 11:2-4 [2] Ao que ele lhes disse: Quando orardes, dizei: Pai, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; [3] dá-nos cada dia o nosso pão cotidiano; [4] e perdoa-nos os nossos pecados, pois também nós perdoamos a todo aquele que nos deve; e não nos deixes entrar em tentação, [mas livra-nos do mal.]
Almeida Atualizada×
e Mateus 6:9-13 Mateus 6:9-13 [9] Portanto, orai vós deste modo: Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome; [10] venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; [11] o pão nosso de cada dia nos dá hoje; [12] e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós também temos perdoado aos nossos devedores; [13] e não nos deixes entrar em tentação; mas livra-nos do mal. [Porque teu é o reino e o poder, e a glória, para sempre, Amém.]
Almeida Atualizada×
. (Para entender melhor, consulte "O Exemplo do Pai Nosso" na página 8).

Veja que Jesus sugeriu que a forma mais frequente de se dirigir a Deus é como "Pai nosso, que estás nos céus". Podemos e devemos nos relacionar com Deus, usando os nomes e títulos dEle revelados nas Escrituras. Mas o mais importante nesse relacionamento é entender que Ele é nosso Pai — um Pai todo-amoroso e perfeito.

Todos os seres humanos podem e devem pensar em Deus como seu Pai, já que Ele é seu Criador. E à medida que sua relação com Deus torna-se mais próxima, essa relação de pai para filho começa a alcançar níveis mais profundos e mais íntimos.

Então, como devemos falar com Deus? Ele quer que nos aproximemos dEle como a um pai amado. Devemos nos sentir confiantes, seguros, compreendidos, estimados e amados ao chegar diante dEle. Quando falamos com nossos pais físicos não dizemos coisas repetitivas ou citamos um texto, não usamos um tom meloso, artificial ou monótono. E não precisamos usar linguagem arcaica por achar que soa mais religioso. Pois, isso também não é necessário para Deus.

Nosso Pai Celestial valoriza as orações oferecidas com honestidade e sinceridade, mesmo que sejam queixas respeitosas. Certamente, as orações no livro de Salmos retratam uma honestidade franca.

Quando as pessoas oram dizendo palavras agradáveis, mas pensam e fazem ao contrário, provavelmente, acham que Deus não pode ler as mentes. Quando usamos a nossa língua, com a qual "bendizemos a Deus e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens", a nossa oração é vista como hipócrita (Tiago 3:9-12 Tiago 3:9-12 [9] Com ela bendizemos ao Senhor e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens, feitos � semelhança de Deus. [10] Da mesma boca procede bênção e maldição. Não convém, meus irmãos, que se faça assim. [11] Porventura a fonte deita da mesma abertura água doce e água amargosa? [12] Meus irmãos, pode acaso uma figueira produzir azeitonas, ou uma videira figos? Nem tampouco pode uma fonte de água salgada dar água doce.
Almeida Atualizada×
, 17; ver também Mateus 7:21-23 Mateus 7:21-23 [21] Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. [22] Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitos milagres? [23] Então lhes direi claramemnte: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade.
Almeida Atualizada×
).

Imaginar como Deus é torna-se relativamente fácil para alguém que teve um pai terreno amoroso e atencioso. Sem dúvida, é muito mais difícil, especialmente no início, para alguém cuja experiência com os pais tenha sido de pouco diálogo, ausência ou de violência.

Essa pessoa precisa se esforçar muito para aprender como é um pai ideal e como fixar essa imagem em sua mente. Algumas descrições inspiradoras e animadoras de Deus como nosso Pai Celestial, são encontradas em Mateus 7:9-11 Mateus 7:9-11 [9] Ou qual dentre vós é o homem que, se seu filho lhe pedir pão, lhe dará uma pedra? [10] Ou, se lhe pedir peixe, lhe dará uma serpente? [11] Se vós, pois, sendo maus, sabeis dar boas dádivas a vossos filhos, quanto mais vosso Pai, que está nos céus, dará boas coisas aos que lhas pedirem?
Almeida Atualizada×
; João 3:16-17 João 3:16-17 [16] Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. [17] Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.
Almeida Atualizada×
; Tiago 1:5 Tiago 1:5Ora, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e não censura, e ser-lhe-á dada.
Almeida Atualizada×
; 17; 1 João 4:8-19 1 João 4:8-19 [8] Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor. [9] Nisto se manifestou o amor de Deus para conosco: em que Deus enviou seu Filho unigênito ao mundo, para que por meio dele vivamos. [10] Nisto está o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou a nós, e enviou seu Filho como propiciação pelos nossos pecados. [11] Amados, se Deus assim nos amou, nós também devemos amar-nos uns aos outros. [12] Ninguém jamais viu a Deus; e nos amamos uns aos outros, Deus permanece em nós, e o seu amor é em nós aperfeiçoado. [13] Nisto conhecemos que permanecemos nele, e ele em nós: por ele nos ter dado do seu Espírito. [14] E nós temos visto, e testificamos que o Pai enviou seu Filho como Salvador do mundo. [15] Qualquer que confessar que Jesus é o Filho de Deus, Deus permanece nele, e ele em Deus. [16] E nós conhecemos, e cremos no amor que Deus nos tem. Deus é amor; e quem permanece em amor, permanece em Deus, e Deus nele. [17] Nisto é aperfeiçoado em nós o amor, para que no dia do juízo tenhamos confiança; porque, qual ele é, somos também nós neste mundo. [18] No amor não há medo antes o perfeito amor lança fora o medo; porque o medo envolve castigo; e quem tem medo não está aperfeiçoado no amor. [19] Nós amamos, porque ele nos amou primeiro.
Almeida Atualizada×
; Salmo 103 e Lucas 15:11-32 Lucas 15:11-32 [11] Disse-lhe mais: Certo homem tinha dois filhos. [12] O mais moço deles disse ao pai: Pai, dá-me a parte dos bens que me toca. Repartiu-lhes, pois, os seus haveres. [13] Poucos dias depois, o filho mais moço ajuntando tudo, partiu para um país distante, e ali desperdiçou os seus bens, vivendo dissolutamente. [14] E, havendo ele dissipado tudo, houve naquela terra uma grande fome, e começou a passar necessidades. [15] Então foi encontrar-se a um dos cidadãos daquele país, o qual o mandou para os seus campos a apascentar porcos. [16] E desejava encher o estômago com as alfarrobas que os porcos comiam; e ninguém lhe dava nada. [17] Caindo, porém, em si, disse: Quantos empregados de meu pai têm abundância de pão, e eu aqui pereço de fome! [18] Levantar-me-ei, irei ter com meu pai e dir-lhe-ei: Pai, pequei contra o céu e diante de ti; [19] já não sou digno de ser chamado teu filho; trata-me como um dos teus empregados. [20] Levantou-se, pois, e foi para seu pai. Estando ele ainda longe, seu pai o viu, encheu-se de compaixão e, correndo, lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou. [21] Disse-lhe o filho: Pai, pequei conta o céu e diante de ti; já não sou digno de ser chamado teu filho. [22] Mas o pai disse aos seus servos: Trazei depressa a melhor roupa, e vesti-lha, e ponde-lhe um anel no dedo e alparcas nos pés; [23] trazei também o bezerro, cevado e matai-o; comamos, e regozijemo-nos, [24] porque este meu filho estava morto, e reviveu; tinha-se perdido, e foi achado. E começaram a regozijar-se. [25] Ora, o seu filho mais velho estava no campo; e quando voltava, ao aproximar-se de casa, ouviu a música e as danças; [26] e chegando um dos servos, perguntou-lhe que era aquilo. [27] Respondeu-lhe este: Chegou teu irmão; e teu pai matou o bezerro cevado, porque o recebeu são e salvo. [28] Mas ele se indignou e não queria entrar. Saiu então o pai e instava com ele. [29] Ele, porém, respondeu ao pai: Eis que há tantos anos te sirvo, e nunca transgredi um mandamento teu; contudo nunca me deste um cabrito para eu me regozijar com os meus amigos; [30] vindo, porém, este teu filho, que desperdiçou os teus bens com as meretrizes, mataste-lhe o bezerro cevado. [31] Replicou-lhe o pai: Filho, tu sempre estás comigo, e tudo o que é meu é teu; [32] era justo, porém, regozijarmo-nos e alegramo-nos, porque este teu irmão estava morto, e reviveu; tinha-se perdido, e foi achado.
Almeida Atualizada×
(o pai na parábola do filho pródigo).

A vida é feita de relacionamentos

De todas as criaturas de Deus, o ser humano tem o privilégio único e impressionante de ter sido criado à Sua imagem (Gênesis 1:26-27 Gênesis 1:26-27 [26] E disse Deus: Façamos o homem � nossa imagem, conforme a nossa semelhança; domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais domésticos, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se arrasta sobre a terra. [27] Criou, pois, Deus o homem � sua imagem; � imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Almeida Atualizada×
). E seu maior benefício é ter a capacidade de ter um relacionamento pessoal com Deus.

Em toda a Sua Palavra, Deus sublinha repetidamente a importância dos relacionamentos justos. De fato, Jesus disse que os dois maiores mandamentos são amar a Deus e amar o nosso próximo (Mateus 22:35-40 Mateus 22:35-40 [35] e um deles, doutor da lei, para o experimentar, interrogou- o, dizendo: [36] Mestre, qual é o grande mandamento na lei? [37] Respondeu-lhe Jesus: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento. [38] Este é o grande e primeiro mandamento. [39] E o segundo, semelhante a este, é: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. [40] Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas.
Almeida Atualizada×
).

A partir de nossa criação, Deus tem feito muitas coisas para ter um relacionamento conosco. Cabe a nós responder-Lhe e tomar a iniciativa de nutrir essa relação com uma boa comunicação. "Chegai-vos a Deus, e Ele se chegará a vós", assim nos diz Tiago 4:8 Tiago 4:8Chegai-vos para Deus, e ele se chegará para vós. Limpai as mãos, pecadores; e, vós de espírito vacilante, purificai os corações.
Almeida Atualizada×
. Nossas orações nos mantêm conectados com Deus. (Nos capítulos posteriores deste guia de estudo cobriremos o estudo da Bíblia, a meditação e o jejum e também como isso nos ajuda a nos aproximar e permanecer perto de Deus).

Jesus disse aos Seus discípulos: "Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor, mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer" (João 15:15 João 15:15Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas chamei-vos amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos dei a conhecer.
Almeida Atualizada×
). Aqui Jesus explicou um fator crucial para a verdadeira amizade — a comunicação aberta e sincera. Um verdadeiro amigo é alguém com quem você fala abertamente e regularmente.

Deus é um grande comunicador. Ele registra na Bíblia Sua revelação de tudo que é preciso saber sobre Seu plano para nossas vidas. Sua Palavra nos dá Sua visão de mundo, o quadro de uma verdadeira perspectiva sobre a vida — passada, presente e futura. Além disso, Ele se comunica conosco e nos guia de outras maneiras — por Seu Espírito Santo, através da sua Igreja, através de pessoas e por meio de circunstâncias e provas que Ele determina.

Mas um bom relacionamento depende de duas vias de comunicaçãoum diálogo. A oração e o estudo da Bíblia andam de mãos dadas, juntamente com a seriedade no pensamento e na introspecção sobre como aplicar os ensinamentos de Deus em nossas vidas. Cada um de nós deveria se perguntar: Eu sou um bom amigo para Deus? Será que sou um bom filho ou filha para meu Pai? Converse com Ele diariamente!

Sem a oração, a vida é precária

Os seres humanos são físicos, frágeis e muito vulneráveis a inúmeros perigos — físicos, mentais e espirituais. O maior perigo é o nosso maior inimigo, Satanás, o diabo, que "anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar" (1 Pedro 5:8 1 Pedro 5:8Sede sóbrios, vigiai. O vosso adversário, o Diabo, anda em derredor, rugindo como leão, e procurando a quem possa tragar;
Almeida Atualizada×
).

Efésios 6:10-20 Efésios 6:10-20 [10] Finalmente, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder. [11] Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes permanecer firmes contra as ciladas do Diabo; [12] pois não é contra carne e sangue que temos que lutar, mas sim contra os principados, contra as potestades, conta os príncipes do mundo destas trevas, contra as hostes espirituais da iniqüidade nas regiões celestes. [13] Portanto tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, permanecer firmes. [14] Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça, [15] e calçando os pés com a preparação do evangelho da paz, [16] tomando, sobretudo, o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do Maligno. [17] Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus; [18] com toda a oração e súplica orando em todo tempo no Espírito e, para o mesmo fim, vigiando com toda a perseverança e súplica, por todos os santos, [19] e por mim, para que me seja dada a palavra, no abrir da minha boca, para, com intrepidez, fazer conhecido o mistério do evangelho, [20] pelo qual sou embaixador em cadeias, para que nele eu tenha coragem para falar como devo falar.
Almeida Atualizada×
explica que precisamos de uma armadura espiritual "para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo" e a oração é uma parte importante dessa armadura (versículos 18-19). Por que enfrentar as batalhas da vida sem armadura? Se não oramos, então nos tornamos presas fáceis para esse implacável predador.

Seria uma grande tolice tentar "enfrentar sozinho" esse mundo maligno e perigoso — deixando de confiar em Deus. Alguns sofrimentos são castigos de Deus, sobretudo quando as pessoas pecam, conscientemente, contra Ele. Mas a maior parte dos sofrimentos advém automaticamente por causa de nossas próprias ações, das ações de outros ou do tempo e acaso.

No entanto, Deus intervém para proteger da maioria dos infortúnios àqueles que contam com Ele. Às vezes, Deus permite que Seus seguidores passem por provações pessoais para aprenderem certas lições, mas Ele os protege da maioria dos perigos. Para aqueles que procuram fazer a vontade de Deus e pedem Sua ajuda, Ele os guiará, auxiliará e protegerá continuamente. Se não abandonarmos a Deus, então Ele também nunca vai nos deixar ou abandonar (Hebreus 13:5 Hebreus 13:5Seja a vossa vida isenta de ganância, contentando-vos com o que tendes; porque ele mesmo disse: Não te deixarei, nem te desampararei.
Almeida Atualizada×
). Esta é uma grande promessa! E ela nos traz uma paz de espírito!

Evidentemente, nós temos que fazer a nossa parte e nos esforçar para permanecermos fiéis a Deus. (Ver "Deus Estabelece Condições Para Responder Nossas Orações", na página 11).

Em nome de Jesus Cristo

Algumas pessoas ainda não aprenderam que Jesus Cristo é a única "porta" e o único "caminho" para Deus (João 10:9 João 10:9Eu sou a porta; se alguém entrar a casa; o filho fica entrará e sairá, e achará pastagens.
Almeida Atualizada×
; 14:6). Mesmo assim, será que Deus vai responder as orações delas? Ele é imensamente misericordioso, por isso é provável que sim. Se a prática religiosa de uma pessoa esteja aquém do verdadeiro cristianismo bíblico, Deus pode, por algum tempo, até responder algumas de suas orações, apesar de sua ignorância religiosa e não por causa dela. Mas isso não vai durar muito tempo, se a pessoa não fizer nenhum esforço para aprender e praticar o que ensina a Bíblia.

A única promessa de resposta regular à oração é direcionada aos verdadeiros seguidores de Deus Pai, através de Seu Filho Jesus Cristo. Jesus é Aquele que, embora divino, tornou-se um ser humano, viveu uma vida perfeita, sofreu e morreu para pagar a pena do pecado por toda a humanidade. Ele é o Salvador do mundo. Ao falar de Jesus, o apóstolo Pedro disse: "Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos" (Atos 4:12 Atos 4:12E em nenhum outro há salvação; porque debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, em que devamos ser salvos.
Almeida Atualizada×
, NVI)

Jesus disse: "Na verdade, na verdade vos digo que tudo quanto pedirdes a meu Pai, em meu nome, ele vo-lo há de dar" (João 16:23-24 João 16:23-24 [23] Naquele dia nada me perguntareis. Em verdade, em verdade vos digo que tudo quanto pedirdes ao Pai, ele vo-lo concederá em meu nome. [24] Até agora nada pedistes em meu nome; pedi, e recebereis, para que o vosso gozo seja completo.
Almeida Atualizada×
; ver também João 14:13-14 João 14:13-14 [13] e tudo quanto pedirdes em meu nome, eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho. [14] Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu a farei.
Almeida Atualizada×
). Como seres humanos, nós não temos o direito, a autorização ou privilégio de nos aproximar do trono de Deus com as nossas orações por causa da nossa própria bondade. Mas através da fé e do nosso compromisso com Jesus Cristo, Ele nos autoriza a invocar a Deus em Seu nome, agindo com a Sua autorização. Assim, com a sua aprovação, temos acesso a Deus quando oramos "em nome de Jesus”.

Jesus, servindo como nosso Sumo Sacerdote, intercede e media em nosso nome diante do Pai (Romanos 8:34 Romanos 8:34Quem os condenará? Cristo Jesus é quem morreu, ou antes quem ressurgiu dentre os mortos, o qual está � direita de Deus, e também intercede por nós;
Almeida Atualizada×
; 1 João 2:1-2 1 João 2:1-2 [1] Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis; mas, se alguém pecar, temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o justo. [2] E ele é a propiciação pelos nossos pecados, e não somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo.
Almeida Atualizada×
). Isso nos garante o acesso, através dEle, à plenitude da misericórdia e do perdão de Deus (Hebreus 2:17 Hebreus 2:17Pelo que convinha que em tudo fosse feito semelhante a seus irmãos, para se tornar um sumo sacerdote misericordioso e fiel nas coisas concernentes a Deus, a fim de fazer propiciação pelos pecados do povo.
Almeida Atualizada×
; 4: 14-16; 10:19-22). Então Deus Pai decide de que forma responder à oração, pois Jesus Cristo realiza a vontade do Pai.

Outros pontos sobre como e quando orar

Certamente, Deus "ouve" as orações silenciosas e qualquer pessoa próxima de Deus pode proferir tais orações, muitas vezes, ao longo de cada dia. A Bíblia nos diz: "Orai sem cessar" (1 Tessalonicenses 5:17 1 Tessalonicenses 5:17Orai sem cessar.
Almeida Atualizada×
). Mas Deus também tem o prazer de ouvir nossas orações audíveis. Inúmeras vezes as Escrituras mencionam pessoas orando por meio da voz, boca, lábios e língua, não apenas silenciosamente. Frequentemente, a Bíblia também usa expressões como rogo, pranto, clamor em alta voz, apelo, etc.

Algumas referências bíblicas mostram a frequência da oração como sendo de duas vezes por dia (Salmo 88:1) ou três vezes por dia (Salmos 55:17 Salmos 55:17De tarde, de manhã e ao meio-dia me queixarei e me lamentarei; e ele ouvirá a minha voz.
Almeida Atualizada×
; Daniel 6:10 Daniel 6:10Quando Daniel soube que o edital estava assinado, entrou em sua casa, no seu quarto em cima, onde estavam abertas as janelas que davam para o lado de Jerusalém; e três vezes no dia se punha de joelhos e orava, e dava graças diante do seu Deus, como também antes costumava fazer.
Almeida Atualizada×
), provavelmente aludem a orações audíveis e não o número total de orações.

Quanto às posições para se orar, a Bíblia menciona algumas — de joelhos, em pé, sentada, deitada. Às vezes, as circunstâncias, inclusive problemas de saúde, podem ser limitadoras das posições que escolhemos. Podemos falar com Deus durante uma caminhada ou dirigindo um carro. O mais importante é sempre fazer o melhor para expressar humildade e profunda reverência.

A Bíblia inclui exemplos de oração pública e oração em grupo, mas a maioria de nossas orações pessoais deve ser uma comunicação privada com Deus (Mateus 6:5-6 Mateus 6:5-6 [5] E, quando orardes, não sejais como os hipócritas; pois gostam de orar em pé nas sinagogas, e �s esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam a sua recompensa. [6] Mas tu, quando orares, entra no teu quarto e, fechando a porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.
Almeida Atualizada×
). No entanto, a oração em família também é de vital importância. É importante ensinar as crianças ainda muito jovens a orar. Jesus disse: "Deixem vir a Mim as crianças" (Mateus 19:14 Mateus 19:14Jesus, porém, disse: Deixai as crianças e não as impeçais de virem a mim, porque de tais é o reino dos céus.
Almeida Atualizada×
, NVI). Deus está muito interessado e responsivo às suas orações.

Anda muito ocupado? Esta é a realidade para a maioria de nós. Está faltando tempo para orar? Pondere que todos nós arrumamos tempo para as coisas que consideramos muito importantes. E vamos conseguir mais do que pensamos em longo prazo, quando colocamos Deus em primeiro lugar. Por isso, não podemos nos dar ao luxo de não orar. A oração deve ser uma prioridade e um hábito diário.

Em suas orações, além de suas necessidades e desejos, não deixe de reservar um tempo para agradecer a Deus pelas bênçãos que Ele tem derramado em sua vida. E também reserve um tempo para orar pelos outros.

Se você está vindo diante de Deus com um problema, abra o seu coração para Ele acerca do assunto sem ditar quais poderiam ser as soluções dEle. O Pai sabe qual a melhor saída. Deus sempre responde da maneira que acha que seja espiritualmente melhor para nós. E isso, às vezes, significa um "não" ou "agora não", ou uma resposta parcial à nossa oração ou algo diferente do que esperávamos ou queríamos.

Deus nos ouve

"Que é o homem mortal para que Te lembres dele?", perguntou Davi no Salmo 8:4. É algo extraordinariamente maravilhoso saber que Deus cuida de Seus pequenos seres — que Ele escuta cada uma de nossas orações e presta atenção em nós. E isso é verdade — Ele faz isso.

Não deixemos que a maravilhosa ferramenta espiritual da oração seja relegada ao esquecimento por não a utilizarmos. Vamos andar com Deus — obedecê-Lo e falar com Ele — em oração.

A Bíblia compara essa vida a uma peregrinação, pois vivemos em tendas longe de casa. Nosso objetivo é entrar no Reino de Deus — para "habitar na casa do Senhor para sempre" (Salmos 23:6 Salmos 23:6Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida, e habitarei na casa do Senhor por longos dias.
Almeida Atualizada×
). Nele é onde Deus quer que habitemos, pois é nosso destino, depois de Cristo voltar à Terra e ali vamos morar com Ele para sempre.

Nesse meio tempo, podemos ficar em contato — diário e constantemente com nosso Pai e nosso irmão mais velho, Jesus Cristo. Deus sempre escuta. Oremos.