Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

Existem Diferentes Evangelhos?

Você está aqui

Existem Diferentes Evangelhos?

Ocasionalmente, as escrituras chamam o evangelho por outros nomes, além de “evangelho do reino de Deus”. Por exemplo, a Bíblia menciona o “evangelho de Cristo” e o “evangelho de Deus” (Romanos 1:1 Romanos 1:1Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para ser apóstolo, separado para o evangelho de Deus,
Almeida Atualizada×
, 16).

A expressão “evangelho de Deus” simplesmente demonstra que ele veio de Deus. Pois, Deus enviou essa mensagem à Terra através de Seus servos. Pedro disse que o evangelho foi enviado por Deus através de Jesus Cristo. Observe Atos 10:36-37 Atos 10:36-37 [36] A palavra que ele enviou aos filhos de Israel, anunciando a paz por Jesus Cristo (este é o Senhor de todos) - [37] esta palavra, vós bem sabeis, foi proclamada por toda a Judéia, começando pela Galiléia, depois do batismo que João pregou,
Almeida Atualizada×
: “A palavra que Ele enviou aos filhos de Israel, anunciando a paz por Jesus Cristo (este é o Senhor de todos), esta palavra, vós bem sabeis, veio por toda a Judéia, começando pela Galileia, depois do batismo que João pregou”.

O evangelho de Deus é a boa nova de Deus sobre o Reino de Deus. O evangelho de Jesus Cristo é a boa nova que Jesus trouxe como mensageiro de Deus. Todos são o mesmo evangelho e parte da mesma maravilhosa notícia que Deus enviou para a humanidade.

De igual modo, Paulo às vezes usa a expressão “meu evangelho” (Romanos 2:16 Romanos 2:16no dia em que Deus há de julgar os segredos dos homens, por Cristo Jesus, segundo o meu evangelho.
Almeida Atualizada×
; 16:25; 2 Timóteo 2:8 2 Timóteo 2:8Lembra-te de Jesus Cristo, ressurgido dentre os mortos, descendente de Davi, segundo o meu evangelho,
Almeida Atualizada×
). Mas isto não quer dizer que a mensagem se originou em Paulo nem que era um evangelho sobre Paulo. Pois, era uma mensagem que ele recebeu diretamente de Jesus Cristo. “O evangelho que por mim foi anunciado...pela revelação de Jesus Cristo” (Gálatas 1:11-12 Gálatas 1:11-12 [11] Mas faço-vos saber, irmãos, que o evangelho que por mim foi anunciado não é segundo os homens; [12] porque não o recebi de homem algum, nem me foi ensinado; mas o recebi por revelação de Jesus Cristo.
Almeida Atualizada×
). Não há problema em Paulo usar o termo "meu evangelho", pois ele era um dos que o estava proclamando.

A boa nova também é referida como “evangelho da graça de Deus” (Atos 20:24 Atos 20:24mas em nada tenho a minha vida como preciosa para mim, contando que complete a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus.
Almeida Atualizada×
). Desde o princípio somos chamados pela graça, justificados pela graça e salvos pela graça (Gálatas 1:6 Gálatas 1:6Estou admirado de que tão depressa estejais desertando daquele que vos chamou na graça de Cristo, para outro evangelho,
Almeida Atualizada×
, 15; Romanos 3:24 Romanos 3:24sendo justificados gratuitamente pela sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus,
Almeida Atualizada×
; Efésios 2:8 Efésios 2:8Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus;
Almeida Atualizada×
). “O evangelho da graça” é outro modo apropriado de enfocar num aspecto diferente do mesmo evangelho que Jesus pregou: O grandioso amor de Deus para conosco, que era expresso pela Sua graça para com a humanidade.

Essa mensagem também foi chamada de “o evangelho da vossa salvação” (Efésios 1:13 Efésios 1:13no qual também vós, tendo ouvido a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação, e tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa,
Almeida Atualizada×
). Uma vez que a nossa entrada no Reino de Deus significa a nossa salvação, não há conflito algum nesta expressão em relação ao evangelho. Uma expressão complementa e reforça a outra. “O evangelho da paz” é outra expressão usada para descrever a boa nova (Romanos 10:15 Romanos 10:15E como pregarão, se não forem enviados? assim como está escrito: Quão formosos os pés dos que anunciam coisas boas!
Almeida Atualizada×
; Efésios 6:15 Efésios 6:15e calçando os pés com a preparação do evangelho da paz,
Almeida Atualizada×
). O Reino de Deus trará paz à Terra — um resultado importante de nossa crença e atitude quanto ao evangelho do Reino. Ao profetizar sobre o Reino de Deus, Isaías disse: “Do incremento deste principado e da paz, não haverá fim” (Isaías 9:7 Isaías 9:7Do aumento do seu governo e da paz não haverá fim, sobre o trono de Davi e no seu reino, para o estabelecer e o fortificar em retidão e em justiça, desde agora e para sempre; o zelo do Senhor dos exércitos fará isso.
Almeida Atualizada×
).

Todas estas expressões descrevem o mesmo evangelho. Elas apenas acentuam os diferentes aspectos da mesma mensagem maravilhosa. Jesus Cristo veio pregar o evangelho do Reino de Deus (Marcos 1:14-15 Marcos 1:14-15 [14] Ora, depois que João foi entregue, veio Jesus para a Galiléia pregando o evangelho de Deus [15] e dizendo: O tempo está cumprido, e é chegado o reino de Deus. Arrependei-vos, e crede no evangelho.
Almeida Atualizada×
) e ensinar aos Seus discípulos a pregar essa mesma mensagem (Mateus 10:7 Mateus 10:7e indo, pregai, dizendo: É chegado o reino dos céus.
Almeida Atualizada×
), e Ele continuou a pregá-la enquanto aparecia aos discípulos depois de Sua crucificação (Atos 1:3 Atos 1:3aos quais também, depois de haver padecido, se apresentou vivo, com muitas provas infalíveis, aparecendo-lhes por espaço de quarenta dias, e lhes falando das coisas concernentes ao reino de Deus.
Almeida Atualizada×
). Depois de Cristo ressuscitar, os apóstolos pregaram esse mesmo evangelho, porém com mais entendimento sobre o significado do sacrifício e da ressurreição de Cristo. Embora as expressões que o descrevem possam variar, a mensagem é sempre a mesma.

A gloriosa verdade é que toda essa magnífica mensagem é um evangelho uniforme, e “é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê” (Romanos 1:16 Romanos 1:16Porque não me envergonho do evangelho, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego.
Almeida Atualizada×
).