Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

Da Punição ao Destino

Da Punição ao Destino

Embora os Estados Unidos e a Grã-Bretanha não apareçam nas profecias bíblicas do fim dos tempos com seus nomes atuais, Deus não ignorou estas nações. Ele as identifica na profecia de acordo com a sua ascendência. A maioria das pessoas simplesmente não sabe onde procurá-las.

Durante a longa história das dez tribos perdidas de Israel, Deus sempre soube quem elas são e onde estão. Como havia prometido a seus antepassados​​, Deus deu aos descendentes modernos de José — principalmente a Grã-Bretanha e os Estados Unidos — a primogenitura e muitas preciosas bênçãos da Terra. Essas nações têm recebido uma oportunidade singular para guiar todo o mundo. Mas o que a Bíblia diz sobre o seu futuro? A resposta é preocupante.

Muitas profecias bíblicas retratam o arrependimento de Israel quando Cristo voltar. Seus descendentes se voltarão para Deus e começarão a obedecer a Suas leis — mas somente depois de passarem por crises piores, em muitos aspectos, do que as catástrofes que se abateram sobre os antigos reinos de Israel e Judá.

Os descendentes de Israel que se arrependerem e voltarem para Deus — descritos nas profecias apenas como "resíduos, resto ou restante" de sua população anterior (Isaías 11:11 Isaías 11:11Naquele dia o Senhor tornará a estender a sua mão para adquirir outra vez e resto do seu povo, que for deixado, da Assíria, do Egito, de Patros, da Etiópia, de Elão, de Sinar, de Hamate, e das ilhas de mar.
Almeida Atualizada×
, 16; Jeremias 23:3 Jeremias 23:3E eu mesmo recolherei o resto das minhas ovelhas de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; e frutificarão, e se multiplicarão.
Almeida Atualizada×
; Ezequiel 6:8 Ezequiel 6:8Contudo deixarei com vida um restante, visto que tereis alguns que escaparão da espada entre as nações, quando fordes espalhados pelos países.
Almeida Atualizada×
) — vão sofrer enormemente no tempo que a profecia bíblica chama de "a grande tribulação" (Mateus 24:21 Mateus 24:21porque haverá então uma tribulação tão grande, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem jamais haverá.
Almeida Atualizada×
).

E somente quando se humilharem, a ponto de se arrepender de seus pecados, eles serão capazes de cumprir o seu destino ordenado por Deus de servir como bênção para as nações. Esse futuro maravilhoso, no entanto, será precedido pelo mais severo dos sofrimentos e tribulações. Como Moisés libertou os antigos israelitas da escravidão do Egito, Jesus Cristo está vindo para libertar a Grã-Bretanha, os Estados Unidos e outras nações descendentes dos israelitas de uma subjugação, no tempo do fim, de um sistema político-religioso moderno chamado de "a grande Babilônia" (Apocalipse 17), centrado na Europa.

Esta libertação dos últimos dias implica o cumprimento de algumas das mais impressionantes profecias da Bíblia: "Portanto, eis que dias vêm, diz o SENHOR, em que nunca mais se dirá: Vive o SENHOR, que fez subir os filhos de Israel da terra do Egito. Mas: Vive o SENHOR, que fez subir os filhos de Israel da terra do Norte e de todas as terras para onde os tinha lançado; porque eu os farei voltar à sua terra, que dei a seus pais" (Jeremias 16:14-15 Jeremias 16:14-15 [14] Portanto, eis que dias vêm, diz o Senhor, em que não se dirá mais: Vive o Senhor: que fez subir os filhos de Israel da terra do Egito; [15] mas sim: Vive o Senhor, que fez subir os filhos de Israel da terra do norte, e de todas as terras para onde os tinha lançado; porque eu os farei voltar � sua terra, que dei a seus pais.
Almeida Atualizada×
).

Mas por que essas calamidades vão atingir os Estados Unidos e a Grã-Bretanha?

As expectativas de Deus quanto a Israel

No cumprimento de Suas promessas a Abraão, Isaque e Jacó, Deus estabeleceu Israel como uma nação com o propósito de trazer bênçãos a outras nações (Deuteronômio 9:5 Deuteronômio 9:5Não é por causa da tua justiça, nem pela retidão do teu coração que entras a possuir a sua terra, mas pela iniqüidade destas nações o Senhor teu Deus as lança fora de diante de ti, e para confirmar a palavra que o Senhor teu Deus jurou a teus pais, Abraão, Isaque e Jacó.
Almeida Atualizada×
, Gênesis 12:3 Gênesis 12:3Abençoarei aos que te abençoarem, e amaldiçoarei �quele que te amaldiçoar; e em ti serão benditas todas as famílias da terra.
Almeida Atualizada×
). Desde o princípio, Deus esperava que os israelitas fossem um exemplo para as outras nações ao redor deles e as bênçãos divinas seriam derramadas sobre todos os que O adorassem e obedecessem (Deuteronômio 4:6 Deuteronômio 4:6Guardai-os e observai-os, porque isso é a vossa sabedoria e o vosso entendimento � vista dos povos, que ouvirão todos estes, estatutos, e dirão: Esta grande nação é deveras povo sábio e entendido.
Almeida Atualizada×
; 14:2).

Se os israelitas cumprissem sua parte no acordo da aliança com Deus, Ele disse que faria de Israel a principal nação do mundo (Deuteronômio 26:19 Deuteronômio 26:19para assim te exaltar em honra, em fama e em glória sobre todas as nações que criou; e para que sejas um povo santo ao Senhor teu Deus, como ele disse.
Almeida Atualizada×
; 28:1, 12-13). Mas, se os israelitas desobedecessem sofreriam as consequências (Deuteronômio 28:15-68 Deuteronômio 28:15-68 [15] Se, porém, não ouvires a voz do Senhor teu Deus, se não cuidares em cumprir todos os seus mandamentos e os seus estatutos, que eu hoje te ordeno, virão sobre ti todas estas maldições, e te alcançarão: [16] Maldito serás na cidade, e maldito serás no campo. [17] Maldito o teu cesto, e a tua amassadeira. [18] Maldito o fruto do teu ventre, e o fruto do teu solo, e as crias das tuas vacas e das tuas ovelhas. [19] Maldito serás ao entrares, e maldito serás ao saíres. [20] O Senhor mandará sobre ti a maldição, a derrota e o desapontamento, em tudo a que puseres a mão para fazer, até que sejas destruído, e até que repentinamente pereças, por causa da maldade das tuas obras, pelas quais me deixaste. [21] O Senhor fará pegar em ti a peste, até que te consuma da terra na qual estás entrando para a possuíres. [22] O Senhor te ferirá com a tísica e com a febre, com a inflamação, com o calor forte, com a seca, com crestamento e com ferrugem, que te perseguirão até que pereças [23] O céu que está sobre a tua cabeça será de bronze, e a terra que está debaixo de ti será de ferro. [24] O Senhor dará por chuva � tua terra pó; do céu descerá sobre ti a poeira, ate que sejas destruído. [25] O Senhor fará que sejas ferido diante dos teus inimigos; por um caminho sairás contra eles, e por sete caminhos fugirás deles; e serás espetáculo horrendo a todos os reinos da terra. [26] Os teus cadáveres servirão de pasto a todas as aves do céu, e aos animais da terra, e não haverá quem os enxote. [27] O Senhor te ferirá com as úlceras do Egito, com tumores, com sarna e com coceira, de que não possas curar-te; [28] o Senhor te ferirá com loucura, com cegueira, e com pasmo de coração. [29] Apalparás ao meio-dia como o cego apalpa nas trevas, e não prosperarás nos teus caminhos; serás oprimido e roubado todos os dias, e não haverá quem te salve. [30] Desposar-te-ás com uma mulher, porém outro homem dormirá com ela; edificarás uma casa, porém não morarás nela; plantarás uma vinha, porém não a desfrutarás. [31] O teu boi será morto na tua presença, porém dele não comerás; o teu jumento será roubado diante de ti, e não te será restituído a ti; as tuas ovelhas serão dadas aos teus inimigos, e não haverá quem te salve. [32] Teus filhos e tuas filhas serão dados a outro povo, os teus olhos o verão, e desfalecerão de saudades deles todo o dia; porém não haverá poder na tua mão. [33] O fruto da tua terra e todo o teu trabalho comê-los-á um povo que nunca conheceste; e serás oprimido e esmagado todos os dias. [34] E enlouquecerás pelo que hás de ver com os teus olhos. [35] Com úlceras malignas, de que não possas sarar, o Senhor te ferirá nos joelhos e nas pernas, sim, desde a planta do pé até o alto da cabeça. [36] O Senhor te levará a ti e a teu rei, que tiveres posto sobre ti, a uma nação que não conheceste, nem tu nem teus pais; e ali servirás a outros deuses, ao pau e � pedra. [37] E virás a ser por pasmo, provérbio e ludíbrio entre todos os povos a que o Senhor te levar. [38] Levarás muita semente para o teu campo, porem colherás pouco; porque o gafanhoto a consumirá. [39] Plantarás vinhas, e as cultivarás, porém não lhes beberás o vinho, nem colherás as uvas; porque o bicho as devorará. [40] Terás oliveiras em todos os teus termos, porém não te ungirás com azeite; porque a azeitona te cairá da oliveira. [41] Filhos e filhas gerarás, porém não te pertencerão; porque irão em cativeiro. [42] Todo o teu arvoredo e o fruto do teu solo consumi-los-á o gafanhoto. [43] O estrangeiro que está no meio de ti se elevará cada vez mais sobre ti, e tu cada vez mais descerás; [44] ele emprestará a ti, porém tu não emprestarás a ele; ele será a cabeça, e tu serás a cauda. [45] Todas estas maldições virão sobre ti, e te perseguirão, e te alcançarão, até que sejas destruído, por não haveres dado ouvidos � voz do Senhor teu Deus, para guardares os seus mandamentos, e os seus estatutos, que te ordenou. [46] Estarão sobre ti por sinal e por maravilha, como também sobre a tua descendencia para sempre. [47] Por não haveres servido ao Senhor teu Deus com gosto e alegria de coração, por causa da abundância de tudo, [48] servirás aos teus inimigos, que o Senhor enviará contra ti, em fome e sede, e em nudez, e em falta de tudo; e ele porá sobre o teu pescoço um jugo de ferro, até que te haja destruído. [49] O Senhor levantará contra ti de longe, da extremidade da terra, uma nação que voa como a águia, nação cuja língua não entenderás; [50] nação de rosto feroz, que não respeitará ao velho, nem se compadecerá do moço; [51] e comerá o fruto dos teus animais e o fruto do teu solo, até que sejas destruído; e não te deixará grão, nem mosto, nem azeite, nem as crias das tuas vacas e das tuas ovelhas, até que te faça perecer; [52] e te sitiará em todas as tuas portas, até que em toda a tua terra venham a cair os teus altos e fortes muros, em que confiavas; sim, te sitiará em todas as tuas portas, em toda a tua terra que o Senhor teu Deus te deu. [53] E, no cerco e no aperto com que os teus inimigos te apertarão, comerás o fruto do teu ventre, a carne de teus filhos e de tuas filhas, que o Senhor teu Deus te houver dado. [54] Quanto ao homem mais mimoso e delicado no meio de ti, o seu olho será mesquinho para com o seu irmão, para com a mulher de seu regaço, e para com os filhos que ainda lhe ficarem de resto; [55] de sorte que não dará a nenhum deles da carne de seus filhos que ele comer, porquanto nada lhe terá ficado de resto no cerco e no aperto com que o teu inimigo te apertará em todas as tuas portas. [56] Igualmente, quanto � mulher mais mimosa e delicada no meio de ti, que de mimo e delicadeza nunca tentou pôr a planta de seu pé sobre a terra, será mesquinho o seu olho para com o homem de seu regaço, para com seu filho, e para com sua filha; [57] também ela será mesquinha para com as suas páreas, que saírem dentre os seus pés, e para com os seus filhos que tiver; porque os comerá �s escondidas pela falta de tudo, no cerco e no aperto com que o teu inimigo te apertará nas tuas portas. [58] Se não tiveres cuidado de guardar todas as palavras desta lei, que estão escritas neste livro, para temeres este nome glorioso e temível, o Senhor teu Deus; [59] então o Senhor fará espantosas as tuas pragas, e as pragas da tua descendência, grandes e duradouras pragas, e enfermidades malignas e duradouras; [60] e fará tornar sobre ti todos os males do Egito, de que tiveste temor; e eles se apegarão a ti. [61] Também o Senhor fará vir a ti toda enfermidade, e toda praga que não está escrita no livro desta lei, até que sejas destruído. [62] Assim ficareis poucos em número, depois de haverdes sido em multidão como as estrelas do céu; porquanto não deste ouvidos � voz do Senhor teu Deus. [63] E será que, assim como o Senhor se deleitava em vós, para fazer-vos o bem e multiplicar-vos, assim o Senhor se deleitará em destruir-vos e consumir-vos; e sereis desarraigados da terra na qual estais entrando para a possuirdes. [64] E o Senhor vos espalhará entre todos os povos desde uma extremidade da terra até a outra; e ali servireis a outros deuses que não conhecestes, nem vós nem vossos pais, deuses de pau e de pedra. [65] E nem ainda entre estas nações descansarás, nem a planta de teu pé terá repouso; mas o Senhor ali te dará coração tremente, e desfalecimento de olhos, e desmaio de alma. [66] E a tua vida estará como em suspenso diante de ti; e estremecerás de noite e de dia, e não terás segurança da tua própria vida. [67] Pela manhã dirás: Ah! quem me dera ver a tarde; E � tarde dirás: Ah! quem me dera ver a manhã! pelo pasmo que terás em teu coração, e pelo que verás com os teus olhos. [68] E o Senhor te fará voltar ao Egito em navios, pelo caminho de que te disse: Nunca mais o verás. Ali vos poreis a venda como escravos e escravas aos vossos inimigos, mas não haverá quem vos compre.
Almeida Atualizada×
). Deus disse-lhes que outras nações iriam levá-los em cativeiro (versículos 25, 32-33, 36). Até mesmo seu castigo deveria ser uma lição para outros países: "E serás por pasmo, por ditado e por fábula entre todos os povos a que o SENHOR te levará" (versículo 37).

Os israelitas foram destinados a ser um exemplo para as outras nações através das bênçãos da obediência e pelos castigos da desobediência às instruções de Deus. Independentemente das escolhas que fizeram, tanto antigamente como hoje, este continua sendo o papel que Deus lhes deu. E Ele os considera responsáveis ​​pela forma como correspondem a esse papel.

Cerca de 3.500 anos atrás, Deus disse a Israel: "Guardai-vos não vos esqueçais da aliança do SENHOR, vosso Deus, feita convosco, e vos façais alguma imagem esculpida, semelhança de alguma coisa que o SENHOR, vosso Deus, vos proibiu. Porque o SENHOR, teu Deus, é fogo que consome, é Deus zeloso.

"Quando, pois, gerardes filhos e filhos de filhos, e vos envelhecerdes na terra, e vos corromperdes, e fizerdes alguma imagem esculpida, semelhança de alguma coisa, e fizerdes mal aos olhos do SENHOR, teu Deus, para O provocar à ira, hoje, tomo por testemunhas contra vós outros o céu e a terra... O SENHOR vos espalhará entre os povos, e restareis poucos em número entre as gentes aonde o SENHOR vos conduzirá" (Deuteronômio 4:23-27 Deuteronômio 4:23-27 [23] Guardai-vos de que vos esqueçais do pacto do Senhor vosso Deus, que ele fez convosco, e não façais para vós nenhuma imagem esculpida, semelhança de alguma coisa que o Senhor vosso Deus vos proibiu. [24] Porque o Senhor vosso Deus é um fogo consumidor, um Deus zeloso. [25] Quando, pois, tiverdes filhos, e filhos de filhos, e envelhecerdes na terra, e vos corromperdes, fazendo alguma imagem esculpida, semelhança de alguma coisa, e praticando o que é mau aos olhos do Senhor vosso Deus, para o provocar a ira, - [26] hoje tomo por testemunhas contra vós o céu e a terra, - bem cedo perecereis da terra que, passado o Jordão, ides possuir. Não prolongareis os vossos dias nela, antes sereis de todo destruídos. [27] E o Senhor vos espalhará entre os povos, e ficareis poucos em número entre as nações para as quais o Senhor vos conduzirá.
Almeida Atualizada×
, ARA).

Os descendentes de Israel falham em suas responsabilidades

Por causa da restauração das promessas de primogenitura de José aos seus descendentes, a Grã-Bretanha e os Estados Unidos, o povo dessas nações tem desfrutado de prosperidade sem precedentes. Mais uma vez, tal como seus antepassados​​, eles tiveram a oportunidade de ser um povo "santo", um exemplo de retidão para outras nações.

A Grã-Bretanha teve a oportunidade de espalhar os princípios de ser uma civilização temente e ética para grande parte do mundo. No auge de seu império, os britânicos levaram a Bíblia aos lugares mais distantes da Terra. No entanto, hoje a religião é rotineiramente ridicularizada nos noticiários nacionais britânicos e na mídia de entretenimento, e o cristianismo está naufragando. Muitas igrejas foram fechadas e desativadas porque as pessoas deixaram de participar. A grande maioria do povo britânico mostra pouco ou nenhum interesse pelos ensinamentos da Bíblia.

Da mesma forma, os Estados Unidos foram fundados por líderes que, em sua maioria, tinham grande respeito pela Bíblia. Embora oficialmente não favoreciam nenhuma religião, o país logo se tornou reconhecido como a principal nação cristã do mundo. Mas nos últimos tempos, grande parte da nação também tem ignorado os ensinamentos da Bíblia. Paradoxalmente, o Estados Unidos é um dos países mais prósperos do mundo e também um dos mais imorais. Ele tem um dos piores índices de criminalidade e violência entre todas as nações.

Como na antiga Israel (Jeremias 5:7-9 Jeremias 5:7-9 [7] Como poderei perdoar-te? pois teus filhos me abandonaram a mim, e juraram pelos que não são deuses; quando eu os tinha fartado, adulteraram, e em casa de meretrizes se ajuntaram em bandos. [8] Como cavalos de lançamento bem nutridos, andavam rinchando cada um � mulher do seu próximo. [9] Acaso não hei de castigá-los por causa destas coisas? diz o Senhor; ou não hei de vingar-me de uma nação como esta?
Almeida Atualizada×
), a imoralidade anda desenfreada nos Estados Unidos e nas nações que uma vez formaram o Império Britânico. O número de lares desfeitos e de famílias sem pai segue aumentando, apesar de o país continuar prosperando. A ilegitimidade paterna, os milhões de abortos de bebês inocentes e as epidemias de doenças sexualmente transmissíveis são características de uma desprezível moralidade da autossatisfação.

Milhões procuram escapar através do álcool e das drogas ilícitas. O entretenimento cruel e violento domina a mídia. A obscenidade é vista como cultura. Milhões de pessoas vivem com medo de serem vítimas de crime ou violência a qualquer momento. Muitas cidades são um poço de criminalidade, de violência de gangues, de pobreza, de analfabetismo e de filhos ilegítimos. A ganância e o materialismo tornou-se a religião de países que há algum tempo se orgulhavam de serem nações "cristãs". Como resultado destes e de outros pecados, agora muitas pessoas veem os Estados Unidos e a Grã-Bretanha, outrora respeitados em grande parte do mundo, com desprezo e desconfiança.

Entre os pecados mais graves da antiga casa de Israel estão a idolatria e a desobediência do mandamento do Sábado, que levou a Israel a abandonar o costume de ouvir e aprender mais sobre a Palavra de Deus.

Observe o que Deus disse, através do profeta Ezequiel, depois de Israel cair em cativeiro: "E também lhes dei os Meus Sábados, para que servissem de sinal entre mim e eles, para que soubessem que Eu sou o SENHOR que os santifica. Mas a casa de Israel se rebelou contra Mim no deserto, não andando nos Meus estatutos e rejeitando os Meus juízos, os quais, cumprindo-os o homem, viverá por eles; e profanaram grandemente os Meus Sábados... Porque rejeitaram os Meus juízos, e não andaram nos Meus estatutos, e profanaram os Meus Sábados; porque o seu coração andava após os seus ídolos" (Ezequiel 20:12-13 Ezequiel 20:12-13 [12] Demais lhes dei também os meus sábados, para servirem de sinal entre mim e eles; a fim de que soubessem que eu sou o Senhor que os santifica. [13] Mas a casa de Israel se rebelou contra mim no deserto, não andando nos meus estatutos, e rejeitando as minhas ordenanças, pelas quais o homem viverá, se as cumprir; e profanaram grandemente os meus sábados; então eu disse que derramaria sobre eles o meu furor no deserto, para os consumir.
Almeida Atualizada×
, 16).

Como resultado disso, eles começaram a acreditar que uma crença ou prática religiosa não era melhor do que outra — que podem mudar as regras da vida como bem entendessem. Devido a essas crenças e a seus pecados, Deus permitiu que fossem levados para o cativeiro.

A mesma coisa acontece hoje. Embora muitas pessoas vejam os feriados religiosos como feriados que não têm nada a ver com o culto ao verdadeiro Deus, a verdade é que eles vêm da idolatria da antiguidade. De muitas formas, os pecados do povo de hoje são idênticos aos da antiga Israel. (Para entender melhor as verdadeiras origens dessas festas populares de hoje em dia, não deixe de pedir a sua cópia gratuita do livro Feriados Religiosos ou Dias Santos: Importa os Dias que Guardamos?)

As palavras do profeta Oséias é uma descrição assustadoramente precisa dos Estados Unidos e da Grã-Bretanha: "Ouvi a palavra do SENHOR, vós, filhos de Israel, porque o SENHOR tem uma contenda com os habitantes da terra, porque não há verdade, nem benignidade, nem conhecimento de Deus na terra. Só prevalecem o perjurar, e o mentir, e o matar, e o furtar, e o adulterar, e há homicídios sobre homicídios. Por isso, a terra se lamentará...

"'O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento... Como eles se multiplicaram, assim contra mim pecaram... Alimentam-se do pecado do meu povo e da maldade... e visitarei sobre ele os seus caminhos e lhe darei a recompensa das suas obras" (Oséias 4:1-3 Oséias 4:1-3 [1] Ouvi a palavra do Senhor, vós, filhos de Israel; pois o Senhor tem uma contenda com os habitantes da terra; porque na terra não há verdade, nem benignidade, nem conhecimento de Deus. [2] Só prevalecem o perjurar, o mentir, o matar, o furtar, e o adulterar; há violências e homicídios sobre homicídios. [3] Por isso a terra se lamenta, e todo o que nela mora desfalece, juntamente com os animais do campo e com as aves do céu; e até os peixes do mar perecem.
Almeida Atualizada×
, 6-9). Assim como Deus puniu a antiga Israel por seus pecados, Ele pretende punir seus descendentes modernos por sua constante desobediência.

Deus ainda é o mesmo de sempre

Deus não muda (Malaquias 3:6 Malaquias 3:6Pois eu, o Senhor, não mudo; por isso vós, ó filhos de Jacó, não sois consumidos.
Almeida Atualizada×
). Ele responde de forma coerente e imparcial ao comportamento humano. Ele bendiz a obediência e pune a desobediência. Os descendentes modernos de Israel não devem ignorar Suas incessantes advertências.

No início da história de Israel como nação, Deus inspirou a Moisés a escrever: "Eis que hoje eu ponho diante de vós a bênção e a maldição: a bênção, quando ouvirdes os mandamentos do SENHOR, vosso Deus, que hoje vos mando; porém a maldição, se não ouvirdes os mandamentos do SENHOR, vosso Deus, e vos desviardes do caminho que hoje vos ordeno, para seguirdes outros deuses que não conhecestes" (Deuteronômio 11:26-28 Deuteronômio 11:26-28 [26] Vede que hoje eu ponho diante de vós a bênção e a maldição: [27] A bênção, se obedecerdes aos mandamentos do Senhor vosso Deus, que eu hoje vos ordeno; [28] porém a maldição, se não obedecerdes aos mandamentos do Senhor vosso Deus, mas vos desviardes do caminho que eu hoje vos ordeno, para seguirdes outros deuses que nunca conhecestes.
Almeida Atualizada×
).

Da mesma forma Ele explicou Seu propósito e plano para Israel como nação: "E o SENHOR, hoje, te fez dizer que lhe serás por povo seu próprio... Para assim te exaltar sobre todas as nações que fez, para louvor, e para fama, e para glória, e para que sejas um povo santo ao SENHOR, teu Deus, como tem dito" (Deuteronômio 26:18-19 Deuteronômio 26:18-19 [18] Outrossim, o Senhor hoje te declarou que lhe serás por seu próprio povo, como te tem dito, e que deverás guardar todos os seus mandamentos; [19] para assim te exaltar em honra, em fama e em glória sobre todas as nações que criou; e para que sejas um povo santo ao Senhor teu Deus, como ele disse.
Almeida Atualizada×
). Estas são exatamente as bênçãos e a oportunidade que Ele deu à Grã-Bretanha e aos Estados Unidos, os descendentes modernos de José.

Então, o que o futuro reserva para estas nações? Qual o castigo que terão de sofrer por terem escolhido o caminho do pecado e por terem virado as costas para a oportunidade dada por Deus?

O tempo de angústia para Jacó

Em sua época, o século VI a.C., o profeta Jeremias falou à casa de Judá, quando Judá enfrentou o castigo de Deus nas mãos do Império Babilônico. Mas Jeremias também profetizou para a casa de Israel — que Deus havia punido e enviado para o cativeiro, há mais de um século antes de ele nascer. Jeremias escreveu sobre um tempo de angústia nacional, que ainda está no futuro, para os descendentes modernos das dez tribos perdidas de Israel.

Veja a situação deles quando Cristo voltar: "Porque eis que dias vêm, diz o SENHOR, em que farei tornar do cativeiro o meu povo de Israel e de Judá... e torná-los-ei a trazer à terra que dei a seus pais, e a possuirão" (Jeremias 30:3 Jeremias 30:3pois eis que vêm os dias, diz o Senhor, em que farei voltar do cativeiro o meu povo Israel e Judá, diz o Senhor; e tornarei a trazê-los � terra que dei a seus pais, e a possuirão.
Almeida Atualizada×
).

Então Jeremias descreve por que Deus terá que intervir e salvar os atuais israelitas. "Ah! Porque aquele dia é tão grande, que não houve outro semelhante! E é tempo de angústia para Jacó; ele, porém, será salvo dela. Porque será naquele dia, diz o SENHOR dos Exércitos, que eu quebrarei o seu jugo de sobre o teu pescoço e quebrarei as tuas ataduras; e nunca mais se servirão dele os estranhos [e nunca mais estrangeiros farão escravo este povo, (ARA)]" (versículos 7-8). Observe que o "jugo" e as "ataduras" que escravizam os descendentes de Jacó são colocadas sobre eles por "estranhos [estrangeiros]" — nações inimigas.

Ele será libertado deste domínio estrangeiro e da escravidão quando Cristo vier pela segunda vez. Este será o tempo em que o rei Davi e os doze apóstolos de Cristo — juntamente com todo o resto dos santos de Deus — serão ressuscitados para começar a governar com Cristo sobre uma Israel restaurada no Reino de Deus (Ezequiel 37:24 Ezequiel 37:24Também meu servo Davi reinará sobre eles, e todos eles terão um pastor só; andarão nos meus juízos, e guardarão os meus estatutos, e os observarão.
Almeida Atualizada×
; Mateus 19:28 Mateus 19:28Ao que lhe disse Jesus: Em verdade vos digo a vós que me seguistes, que na regeneração, quando o Filho do homem se assentar no trono da sua glória, sentar-vos-eis também vós sobre doze tronos, para julgar as doze tribos de Israel.
Almeida Atualizada×
).

Jeremias, ainda falando do tempo do fim, continua: "Mas servirão ao SENHOR, seu Deus, como também a Davi, seu rei, que lhes levantarei. Não temas, pois, tu, meu servo Jacó, diz o SENHOR, nem te espantes, ó Israel; porque eis que te livrarei das terras de longe, e a tua descendência, da terra do seu cativeiro; e Jacó tornará, e descansará, e ficará em sossego, e não haverá quem o atemorize. Porque eu sou contigo, diz o SENHOR, para te salvar, porquanto darei fim a todas as nações entre as quais te espalhei; a ti, porém, não darei fim, mas castigar-te-ei com medida e, de todo, não te terei por inocente" (Jeremias 30:9-11 Jeremias 30:9-11 [9] mas ele servirá ao Senhor, seu Deus, como também a Davi, seu rei, que lhe levantarei. [10] Não temas pois tu, servo meu, Jacó, diz o Senhor, nem te espantes, ó Israel; pois eis que te livrarei de terras longinquas, se � tua descendência da terra do seu cativeiro; e Jacó voltará, e ficará tranqüilo e sossegado, e não haverá quem o atemorize. [11] Porque eu sou contigo, diz o Senhor, para te salvar; porquanto darei fim cabal a todas as nações entre as quais te espalhei; a ti, porém, não darei fim, mas castigar-te-ei com medida justa, e de maneira alguma te terei por inocente.
Almeida Atualizada×
).

A maioria das profecias da Bíblia se refere a este tempo de angústia no contexto de como Deus planeja livrar os israelitas depois de serem punidos novamente. Quando Cristo voltar para começar a "restauração de tudo, dos quais Deus falou pela boca de todos os seus santos profetas, desde o princípio" (Atos 3:21 Atos 3:21ao qual convém que o céu receba até os tempos da restauração de todas as coisas, das quais Deus falou pela boca dos seus santos profetas, desde o princípio.
Almeida Atualizada×
), os atuais descendentes de Jacó estarão novamente em cativeiro. Isto significa que o "tempo de angústia de Jacó" nos últimos dias, como previu Jeremias, será realmente muito grave.

Problemas sem precedentes — e a libertação

Daniel diz: "E, naquele tempo, se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta pelos filhos do teu povo, e haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas, naquele tempo, livrar-se-á o teu povo..." (Daniel 12:1 Daniel 12:1Naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo; e haverá um tempo de tribulação, qual nunca houve, desde que existiu nação até aquele tempo; mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.
Almeida Atualizada×
).

Por que Deus permite este tempo de angústia? Através do profeta Sofonias, Deus fala de Sua ira contra a dureza do coração das nações nos últimos dias. Ele diz: "porque o meu juízo é ajuntar as nações e congregar os reinos, para sobre eles derramar a minha indignação e todo o ardor da minha ira; porque toda esta terra será consumida pelo fogo do meu zelo" (Sofonias 3:8 Sofonias 3:8Portanto esperai-me a mim, diz o Senhor, no dia em que eu me levantar para o despojo; porque o meu intento é ajuntar nações e congregar reinos, para sobre eles derramar a minha indignação, e todo o ardor da minha ira; pois esta terra toda será consumida pelo fogo do meu zelo.
Almeida Atualizada×
). Ele não poupará nenhuma nação e nenhum povo.

Embora todas as nações vão sofrer a Sua ira, Deus explica claramente por que punirá os israelitas naquele tempo. Durante esse tempo de catástrofe nacional, morrerão todos aqueles que se recusarem a ouvir a advertência de Deus e a se arrependerem. Somente quem ouvir e aceitar a advertência de Deus antes e durante este tempo de vingança global vai receber misericórdia.

Note as palavras de Sofonias: "Naquele dia... tirarei do meio de ti os que exultam na sua soberba, e tu nunca mais te ensoberbecerás no meu monte santo. Mas deixarei no meio de ti um povo humilde e pobre; e eles confiarão no nome do SENHOR.

"O remanescente de Israel não cometerá iniquidade, nem proferirá mentira, e na sua boca não se achará língua enganosa; porque serão apascentados, deitar-se-ão, e não haverá quem os espante. Canta alegremente, ó filha de Sião; rejubila, ó Israel; regozija-te e exulta de todo o coração, ó filha de Jerusalém. O SENHOR afastou os teus juízos, exterminou o teu inimigo; o SENHOR, o rei de Israel, está no meio de ti; tu não verás mais mal algum" (Sofonias 3:11-15 Sofonias 3:11-15 [11] Naquele dia não te envergonharás de nenhuma das tuas obras, com que te rebelaste contra mim; porque então tirarei do meio de ti, os que exultam arrogantemente, e tu nunca mais te ensoberbeceras no meu santo monte. [12] Mas deixarei no meio de ti um povo humilde e pobre; e eles confiarão no nome do Senhor. [13] O remanescente de Israel não cometerá iniqüidade, nem proferirá mentira, e na sua boca não se achará língua enganosa; pois serão apascentados, e se deitarão, e não haverá quem os espante. [14] Canta alegremente, ó filha de Sião; rejubila, ó Israel; regozija-te, e exulta de todo o coração, ó filha de Jerusalém. [15] O Senhor afastou os juízos que havia contra ti, lançou fora o teu inimigo; o Rei de Israel, o Senhor, está no meio de ti; não temerás daqui em diante mal algum.
Almeida Atualizada×
).

Os descendentes modernos de Israel terão de suportar este terrível período de castigo e cativeiro por não se arrependerem de seus pecados e levarem a sério o papel que Deus lhes deu. Até mesmo o povo judeu em Jerusalém e o moderno Estado de Israel não vão escapar desse cativeiro e do castigo, que deve acontecer pouco antes da volta de Cristo:

"Eis que vem o dia do SENHOR... Porque eu ajuntarei todas as nações para a peleja contra Jerusalém... e metade da cidade sairá para o cativeiro, mas o resto do povo não será expulso da cidade... E o SENHOR sairá e pelejará contra estas nações, como pelejou no dia da batalha" (Zacarias 14:1-3 Zacarias 14:1-3 [1] Eis que vem um dia do Senhor, em que os teus despojos se repartirão no meio de ti. [2] Pois eu ajuntarei todas as nações para a peleja contra Jerusalém; e a cidade será tomada, e as casas serão saqueadas, e as mulheres forçadas; e metade da cidade sairá para o cativeiro mas o resto do povo não será exterminado da cidade. [3] Então o Senhor sairá, e pelejará contra estas nações, como quando peleja no dia da batalha.
Almeida Atualizada×
). Os próximos versículos descrevem o retorno de Cristo, confirmando que este cativeiro ocorrerá no tempo do fim.

Advertências de Ezequiel para nós

Tal como Jeremias, o sacerdote Ezequiel também profetizou muito tempo depois do antigo reino de Israel ter sido esmagado e seu povo levado para o cativeiro assírio. O exército conquistador do rei Nabucodonosor da Babilônia tinha retirado à força da terra de Judá esse jovem exilado judeu, Ezequiel, e milhares de seus compatriotas, cerca de 130 anos após a destruição do reino do norte de Israel.

A missão e a mensagem de Ezequiel não poderiam ter sido para o antigo reino de Israel. Esse reino tinha desaparecido há muito tempo. Deus já havia banido este povo para uma terra estrangeira nos confins do Império Assírio a centenas de quilômetros do lugar onde Ezequiel estava exilado, na Babilônia. Se Deus estivesse usando Ezequiel para avisar o antigo reino de Israel, Ele estaria mais de um século atrasado!

Sem dúvida nenhuma, Ezequiel dirigiu parte de sua mensagem para a nação de Judá, que na época estava indo para o cativeiro. Mas outra parte de sua mensagem foi inequivocamente dirigida a “toda a casa de Israel" — todas as doze tribos — e diz respeito ​​ao tempo do fim (Ezequiel 39:25 Ezequiel 39:25Portanto assim diz o Senhor Deus: Agora tornarei a trazer Jacó, e me compadecerei de toda a casa de Israel; terei zelo pelo meu santo nome.
Almeida Atualizada×
, 45:6).

Qual foi a mensagem que Deus enviou para "toda a casa de Israel", através do profeta Ezequiel? "Filho do homem, assim diz o Soberano, o Senhor, à nação de Israel: Chegou o fim! O fim chegou aos quatro cantos da terra de Israel. O fim está agora sobre você, e sobre você eu vou desencadear a minha ira. Eu a julgarei de acordo com a sua conduta e lhe retribuirei todas as suas práticas repugnantes. Não olharei com piedade para você nem a pouparei; com certeza eu lhe retribuirei sua conduta e suas práticas em seu meio. Então você saberá que eu sou o SENHOR...

"Quando chegar o pavor, eles buscarão paz, mas não a encontrarão... Lidarei com eles de acordo com a sua conduta, e pelos seus próprios padrões eu os julgarei. Então saberão que eu sou o SENHOR" (Ezequiel 7:2-4 Ezequiel 7:2-4 [2] E tu, ó filho do homem, assim diz o Senhor Deus � terra de Israel: Vem o fim, o fim vem sobre os quatro cantos da terra. [3] Agora vem o fim sobre ti, e enviarei sobre ti a minha ira, e te julgarei conforme os teus caminhos; e trarei sobre ti todas as tuas abominações. [4] E não te pouparei, nem terei piedade de ti; mas eu te punirei por todos os teus caminhos, enquanto as tuas abominações estiverem no meio de ti; e sabereis que eu sou o Senhor.
Almeida Atualizada×
, 25, 27, NVI).

O livro de Ezequiel contém muitas advertências semelhantes, que se aplicam aos atuais descendentes de todos os israelitas, tanto da casa de Israel quanto da casa de Judá. Deus condena a imoralidade, a corrupção, a ganância, a violência desenfreadas e a opressão dos indefesos pelos descendentes modernos das doze tribos de Israel. Ele detesta o fato de que eles se contaminaram com falsos deuses, desprezaram Suas coisas santas e profanaram os Seus Sábados (Ezequiel 22:7-13 Ezequiel 22:7-13 [7] No meio de ti desprezaram ao pai e � mãe; no meio de ti usaram de opressão para com o estrangeiro; no meio de ti foram injustos para com o órfão e a viúva. [8] As minhas coisas santas desprezaste, e os meus sábados profanaste. [9] Em ti se acham homens que caluniam para derramarem sangue; em ti há os que comem sobre os montes; e cometem perversidade no meio de ti. [10] A vergonha do pai descobrem em ti; no meio de ti humilham a que está impura, na sua separação. [11] Um comete abominação com a mulher do seu próximo, outro contamina abominavelmente a sua nora, e outro humilha no meio de ti a sua irmã, filha de seu pai. [12] Peitas se recebem no meio de ti para se derramar sangue; recebes usura e ganhos ilícitos, e usas de avareza com o teu próximo, oprimindo-o; mas de mim te esqueceste, diz o Senhor Deus. [13] Eis que, portanto, bato as mãos contra o lucro desonesto que ganhaste, e por causa do sangue que houve no meio de ti.
Almeida Atualizada×
).

Por causa dessa degeneração moral Deus também diz: "E espalhar-te-ei entre as nações, e espalhar-te-ei pelas terras, e porei termo à tua imundícia. E tu serás profanada em ti mesma, aos olhos das nações, e saberás que eu sou o SENHOR" (Ezequiel 22:15-16 Ezequiel 22:15-16 [15] Espalhar-te-ei entre as nações e dispersar-te-ei pelas terras; e de ti consumirei a tua imundícia. [16] E tu serás profanada em ti mesma, aos olhos das nações, e saberás que eu sou o Senhor.
Almeida Atualizada×
).

Deus promete que vai punir ou poupar cada ser humano de acordo com a sua atitude e conduta. Ele explica: "Desviando-se o justo da sua justiça e praticando iniquidade, morrerá nela. E, convertendo-se o ímpio da sua impiedade e fazendo juízo e justiça, ele viverá por isto mesmo... julgar-vos-ei a cada um conforme os seus caminhos" (Ezequiel 33:18-20 Ezequiel 33:18-20 [18] Quando o justo se apartar da sua justiça, praticando a iniqüidade, morrerá nela; [19] e, quando o ímpio se converter da sua impiedade, e praticar a retidão e a justiça, por estas viverá. [20] Todavia, vós dizeis: Não é reto o caminho do Senhor. Julgar-vos-ei a cada um conforme os seus caminhos, ó casa de Israel.
Almeida Atualizada×
).

A queda e o cativeiro da nação

Essa punição devastadora vai envolver, conforme vimos nessas profecias, a queda da nação e o cativeiro dos atuais israelitas. Agora vamos examinar outras crises que os Estados Unidos e outros povos anglo-descendentes terão de enfrentar nessa época.

Atente para as maldições nacionais que Deus incluiu em Sua aliança com a antiga Israel: "Será, porém, que, se não deres ouvidos à voz do SENHOR, teu Deus... então, sobre ti virão todas estas maldições e te alcançarão: Maldito serás..." (Deuteronômio 28:15-16 Deuteronômio 28:15-16 [15] Se, porém, não ouvires a voz do Senhor teu Deus, se não cuidares em cumprir todos os seus mandamentos e os seus estatutos, que eu hoje te ordeno, virão sobre ti todas estas maldições, e te alcançarão: [16] Maldito serás na cidade, e maldito serás no campo.
Almeida Atualizada×
).

Estas maldições intemporais pela desobediência incluem doenças incapacitantes e epidemias (versículos 21-22, 27, 35, 59-62), doenças mentais (versículo 28); padrões climáticos adversos que trazem secas devastadoras (versículos 23-24) e infestações de insetos que destroem as lavouras (versículos 38-40, 42) e trazem a fome (versículos 53-57), e, por fim, a invasão e o cativeiro (versículos 32-33, 36, 41, 47-52, 64-68).

Levítico 26:14-39 Levítico 26:14-39 [14] Mas, se não me ouvirdes, e não cumprirdes todos estes mandamentos, [15] e se rejeitardes os meus estatutos, e a vossa alma desprezar os meus preceitos, de modo que não cumprais todos os meus mandamentos, mas violeis o meu pacto, [16] então eu, com efeito, vos farei isto: porei sobre vós o terror, a tísica e a febre ardente, que consumirão os olhos e farão definhar a vida; em vão semeareis a vossa semente, pois os vossos inimigos a comerão. [17] Porei o meu rosto contra vós, e sereis feridos diante de vossos inimigos; os que vos odiarem dominarão sobre vós, e fugireis sem que ninguém vos persiga. [18] Se nem ainda com isto me ouvirdes, prosseguirei em castigar-vos sete vezes mais, por causa dos vossos pecados. [19] Pois quebrarei a soberba do vosso poder, e vos farei o céu como ferro e a terra como bronze. [20] Em vão se gastará a vossa força, porquanto a vossa terra não dará o seu produto, nem as árvores da terra darão os seus frutos. [21] Ora, se andardes contrariamente para comigo, e não me quiseres ouvir, trarei sobre vos pragas sete vezes mais, conforme os vossos pecados. [22] Enviarei para o meio de vós as feras do campo, as quais vos desfilharão, e destruirão o vosso gado, e vos reduzirão a pequeno número; e os vossos caminhos se tornarão desertos. [23] Se nem ainda com isto quiserdes voltar a mim, mas continuardes a andar contrariamente para comigo, [24] eu também andarei contrariamente para convosco; e eu, eu mesmo, vos ferirei sete vezes mais, por causa dos vossos pecados. [25] Trarei sobre vós a espada, que executará a vingança do pacto, e vos aglomerareis nas vossas cidades; então enviarei a peste entre vós, e sereis entregues na mão do inimigo. [26] Quando eu vos quebrar o sustento do pão, dez mulheres cozerão o vosso pão num só forno, e de novo vo-lo entregarão por peso; e comereis, mas não vos fartareis. [27] Se nem ainda com isto me ouvirdes, mas continuardes a andar contrariamente para comigo, [28] também eu andarei contrariamente para convosco com furor; e vos castigarei sete vezes mais, por causa dos vossos pecados. [29] E comereis a carne de vossos filhos e a carne de vossas filhas. [30] Destruirei os vossos altos, derrubarei as vossas imagens do sol, e lançarei os vossos cadáveres sobre os destroços dos vossos ídolos; e a minha alma vos abominará. [31] Reduzirei as vossas cidades a deserto, e assolarei os vossos santuários, e não cheirarei o vosso cheiro suave. [32] Assolarei a terra, e sobre ela pasmarão os vossos inimigos que nela habitam. [33] Espalhar-vos-ei por entre as nações e, desembainhando a espada, vos perseguirei; a vossa terra será assolada, e as vossas cidades se tornarão em deserto. [34] Então a terra folgará nos seus sábados, todos os dias da sua assolação, e vós estareis na terra dos vossos inimigos; nesse tempo a terra descansará, e folgará nos seus sábados. [35] Por todos os dias da assolação descansará, pelos dias que não descansou nos vossos sábados, quando nela habitáveis. [36] E, quanto aos que de vós ficarem, eu lhes meterei pavor no coração nas terras dos seus inimigos; e o ruído de uma folha agitada os porá em fuga; fugirão como quem foge da espada, e cairão sem que ninguém os persiga; [37] sim, embora não haja quem os persiga, tropeçarão uns sobre os outros como diante da espada; e não podereis resistir aos vossos inimigos. [38] Assim perecereis entre as nações, e a terra dos vossos inimigos vos devorará; [39] e os que de vós ficarem definharão pela sua iniqüidade nas terras dos vossos inimigos, como também pela iniqüidade de seus pais.
Almeida Atualizada×
descreve consequências semelhantes, ao mesmo tempo, destaca que Deus vai "quebrantar a soberba da vossa força" de tal forma que "fugireis, sem ninguém vos perseguir" (versículos 17 e 19).

Parece que já estamos assistindo ao cumprimento desta profecia em nosso tempo. Talvez ainda mais notável do que a gloriosa ascensão do Império Britânico foi sua rápida queda. A Grã-Bretanha, o império no qual o sol nunca se punha, tem perdido uma colônia após outra. A maioria das nações que, uma vez formavam o Império Britânico, agora são independentes, e não estão mais sujeitas ao domínio britânico.

Os Estados Unidos, que emergiram da Segunda Guerra Mundial como a potência militar mais proeminente do mundo, logo se encontraram em um impasse sangrento na Coréia e numa derrota humilhante no Vietnã. Até mesmo nas recentes guerras, como as do Iraque, Kuwait, Bósnia e Sérvia, em que os Estados Unidos alcançaram os seus objetivos militares preliminares, as forças norte-americanas permaneceram envolvidas nas dispendiosas obrigações de manter a paz e não têm conseguido fugir disso facilmente. Desde o impasse na Guerra da Coréia, apenas em conflitos claramente unilaterais, como em Granada e no Panamá, é que os Estados Unidos emergiram como o vencedor declarado.

Apesar de os Estados Unidos continuarem sendo a mais poderosa potência militar do mundo, essa vantagem tem sido muito prejudicada pela falta de vontade política e falta de compromisso para vencer decisivamente suas guerras.

Em outro sinal de declínio, a Grã-Bretanha e os Estados Unidos perderam muitas das passagens marítimas estratégicas que ganharam e mantiveram a todo custo.

Nos últimos anos, eles abriram mão desses importantíssimos bens estratégicos, como o Canal do Panamá e Hong Kong. Sem dúvida, essa tendência vai continuar.

"Um tempo de grande aflição"

Outras profecias indicam que as turbulências profetizadas a envolver os Estados Unidos, a Grã-Bretanha, a Austrália, o Canadá, a Nova Zelândia, a África do Sul e as democracias do noroeste da Europa serão apenas um prelúdio de um momento de agitação e caos, como nada que foi visto préviamente no mundo.

Aos descrever o tempo terrível antes de Seu retorno, Jesus disse: "Porque naqueles dias haverá um sofrimento tão grande como nunca houve desde que Deus criou o mundo; e nunca mais acontecerá uma coisa igual. Porém Deus diminuiu esse tempo de sofrimento. Se não fosse assim, ninguém seria salvo. Mas, por causa do povo que Deus escolheu para salvar, esse tempo será diminuído" (Mateus 24:21-22 Mateus 24:21-22 [21] porque haverá então uma tribulação tão grande, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem jamais haverá. [22] E se aqueles dias não fossem abreviados, ninguém se salvaria; mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias.
Almeida Atualizada×
, BLH).

Somente nas últimas décadas a humanidade enfrentou a perspectiva aterrorizante de extermínio mundial. Temos suficientes armas nucleares armazenadas para matar todo homem, mulher e criança diversas vezes. Algumas nações — inclusive países terroristas — têm os meios para devastar países inteiros com armas químicas ou biológicas. Muitas profecias bíblicas servem como advertências assustadoras do tipo de carnificina que essas armas podem causar.

Quão devastador será será este periodo? O livro de Apocalipse descreve uma combinação de catástrofes sobrenaturais e artificiais que vão assolar a Terra no tempo do fim. Em apenas um grande desastre um terço de toda a população da Terra — bilhões de pessoas — morrerá (Apocalipse 9:15 Apocalipse 9:15E foram soltos os quatro anjos que haviam sido preparados para aquela hora e dia e mês e ano, a fim de matarem a terça parte dos homens.
Almeida Atualizada×
, 18). As condições serão tão sombrias que "os homens buscarão a morte e não a acharão; e desejarão morrer, e a morte fugirá deles" (versículo 6).

Deus não gosta de punir as pessoas. Através de Ezequiel Ele diz: "Dize-lhes: Tão certo como eu vivo, diz o SENHOR Deus, não tenho prazer na morte do perverso, mas em que o perverso se converta do seu caminho e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois por que haveis de morrer, ó casa de Israel?" (Ezequiel 33:11 Ezequiel 33:11Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor Deus, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas sim em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois, por que morrereis, ó casa de Israel?
Almeida Atualizada×
, ARA).

Infelizmente, esta é a única maneira que levará muitas pessoas ao arrependimento.

Israel recupera sua grandeza após o retorno de Jesus Cristo

Apesar dessas grandes calamidades, a profecia nos diz que, após o retorno de Jesus Cristo à Terra para estabelecer o Reino de Deus, os sobreviventes das tribos de Israel terão uma reputação ainda maior do que tiveram antes. Deus promete uma reunificação sem precedentes de Israel.

"Porque há de acontecer, naquele dia, que o SENHOR tornará a estender a mão para adquirir outra vez os resíduos do seu povo que restarem... E levantará um pendão entre as nações, e ajuntará os desterrados de Israel, e os dispersos de Judá congregará desde os quatro confins da terra" (Isaías 11:11-12 Isaías 11:11-12 [11] Naquele dia o Senhor tornará a estender a sua mão para adquirir outra vez e resto do seu povo, que for deixado, da Assíria, do Egito, de Patros, da Etiópia, de Elão, de Sinar, de Hamate, e das ilhas de mar. [12] Levantará um pendão entre as nações e ajuntará os desterrados de Israel, e es dispersos de Judá congregará desde os quatro confins da terra.
Almeida Atualizada×
).

Aqueles que voltarem vão ser um povo transformado e humilhado. Ao falar do tempo que Israel iria para o cativeiro, Deus disse: "Lá, servireis a deuses que são obra de mãos de homens, madeira e pedra, que não veem, nem ouvem, nem comem, nem cheiram. De lá, buscarás ao SENHOR, teu Deus, e o acharás, quando o buscares de todo o teu coração e de toda a tua alma.

"Quando estiveres em angústia, e todas estas coisas te sobrevierem nos últimos dias, e te voltares para o SENHOR, teu Deus, e lhe atenderes a voz, então, o SENHOR, teu Deus, não te desamparará, porquanto é Deus misericordioso, nem te destruirá, nem se esquecerá da aliança que jurou a teus pais" (Deuteronômio 4:28-31 Deuteronômio 4:28-31 [28] Lá servireis a deuses que são obra de mãos de homens, madeira e pedra, que não vêem, nem ouvem, nem comem, nem cheiram. [29] Mas de lá buscarás ao Senhor teu Deus, e o acharás, quando o buscares de todo o teu coração e de toda a tua alma. [30] Quando estiveres em angústia, e todas estas coisas te alcançarem, então nos últimos dias voltarás para o Senhor teu Deus, e ouvirás a sua voz; [31] porquanto o Senhor teu Deus é Deus misericordioso, e não te desamparará, nem te destruirá, nem se esquecerá do pacto que jurou a teus pais.
Almeida Atualizada×
, ARA).

Observe que a definição do tempo para esta passagem é "nos últimos dias" (versículo 30). Deus sabe que quando as pessoas voltam a obedecê-Lo normalmente têm de aprender a lição da maneira mais difícil. No entanto, Ele está sempre disposto a abençoar aqueles que se convertem dos seus maus caminhos.

Através do profeta Ezequiel, Deus diz o seguinte sobre esse tempo: "Quando a casa de Israel habitava na sua terra, então, a contaminaram com os seus caminhos e com as suas ações... E os espalhei entre as nações, e foram espalhados pelas terras; conforme os seus caminhos e conforme os seus feitos, eu os julguei.

"E vos tomarei dentre as nações, e vos congregarei de todos os países, e vos trarei para a vossa terra. Então, espalharei água pura sobre vós, e ficareis purificados; de todas as vossas imundícias e de todos os vossos ídolos vos purificarei. E vos darei um coração novo e porei dentro de vós um espírito novo; e tirarei o coração de pedra da vossa carne e vos darei um coração de carne. E porei dentro de vós o Meu Espírito e farei que andeis nos meus estatutos, e guardeis os meus juízos, e os observeis. E habitareis na terra que eu dei a vossos pais, e vós me sereis por povo, e eu vos serei por Deus" (Ezequiel 36:17-28 Ezequiel 36:17-28 [17] Filho do homem, quando a casa de Israel habitava na sua terra, então eles a contaminaram com os seus caminhos e com as suas ações. Como a imundícia de uma mulher em sua separação, tal era o seu caminho diante de mim. [18] Derramei, pois, o meu furor sobre eles, por causa do sangue que derramaram sobre a terra, e porque a contaminaram com os seus ídolos; [19] e os espalhei entre as nações, e foram dispersos pelas terras; conforme os seus caminhos, e conforme os seus feitos, eu os julguei. [20] E, chegando �s nações para onde foram, profanaram o meu santo nome, pois se dizia deles: São estes o povo do Senhor, e tiveram de sair da sua terra. [21] Mas eu os poupei por amor do meu santo nome, que a casa de Israel profanou entre as nações para onde foi. [22] Dize portanto � casa de Israel: Assim diz o Senhor Deus: Não é por amor de vós que eu faço isto, o casa de Israel; mas em atenção ao meu santo nome, que tendes profanado entre as nações para onde fostes; [23] e eu santificarei o meu grande nome, que foi profanado entre as nações, o qual profanastes no meio delas; e as nações saberão que eu sou o Senhor, diz o Senhor Deus, quando eu for santificado aos seus olhos. [24] Pois vos tirarei dentre as nações, e vos congregarei de todos os países, e vos trarei para a vossa terra. [25] Então aspergirei água pura sobre vós, e ficareis purificados; de todas as vossas imundícias, e de todos os vossos ídolos, vos purificarei. [26] Também vos darei um coração novo, e porei dentro de vós um espírito novo; e tirarei da vossa carne o coração de pedra, e vos darei um coração de carne. [27] Ainda porei dentro de vós o meu Espírito, e farei que andeis nos meus estatutos, e guardeis as minhas ordenanças, e as observeis. [28] E habitareis na terra que eu dei a vossos pais, e vós sereis o meu povo, e eu serei o vosso Deus.
Almeida Atualizada×
).

Deus nunca cumpriu essa profecia com a antiga Israel ou Judá, pois Ele disponibilizou o Seu Espírito apenas a um grupo seleto antes de iniciar a Igreja do Novo Testamento, em 31 d.C., conforme registrado no segundo capítulo de Atos. Estes eventos ainda vão acontecer. Deus promete que, quando essas pessoas se humilharem e se arrependerem, vai dar-lhes o Seu Espírito. Então, elas já não serão mais rebeldes e desobedientes a seu Criador. Portanto, guiadas pelo Espírito, elas vão seguir voluntariamente a Deus, obedecendo as Suas leis.

A reunificação de Israel sob o governo de Cristo

Conforme as profecias do fim dos tempos sobre Israel vão acontecer, esse povo entenderá Deus e o que Ele deseja deles de uma maneira que eles nunca antes tenham entendido. Os descendentes das dez tribos perdidas do reino do norte vão descobrir que não são gentios, como muitos acreditam erroneamente. Como povo humilde, eles vão se converter dos seus maus caminhos e vão buscar o verdadeiro conhecimento de Deus. A casa de Israel e a casa de Judá se unirão novamente como uma só nação sob o governo de Cristo.

As profecias de Ezequiel apontam para uma reunião dramática daquela "Israel perdida" com seus irmãos de Judá. "Quanto a ti, filho do homem, toma um pedaço de pau para si mesmo, e escreve nele: 'Por Judá e pelos filhos de Israel, seus companheiros'. Então toma outro pau, e escreve nele: 'Por José, vara de Efraim e para toda a casa de Israel, seus companheiros'. Então junte-se a eles um para o outro para si mesmo em uma só vara, e elas se tornarão uma só na sua mão ...

"Dize-lhes, pois: Assim diz o SENHOR Deus: Eis que eu tomarei os filhos de Israel de entre as nações para onde eles foram, e os congregarei de todas as partes, e os levarei para a sua própria terra... Nunca mais serão duas nações; nunca mais para o futuro se dividirão em dois reinos" (Ezequiel 37:16-17 Ezequiel 37:16-17 [16] Tu, pois, ó filho do homem, toma um pau, e escreve nele: Por Judá e pelos filhos de Israel, seus companheiros. Depois toma outro pau, e escreve nele: Por José, vara de Efraim, e por toda a casa de Israel, seus companheiros; [17] e ajunta um ao outro, para que se unam, e se tornem um só na tua mão.
Almeida Atualizada×
, 21-22, ARA).

Esta nação unificada será composta de ambos os povos judeus — os descendentes do antigo reino de Judá — e os descendentes das outras dez tribos.

Após o período da "angústia de Jacó" no tempo do fim,, que será  a justa e necessária correção de Deus à atual Israel, um remanescente arrependido vai sobreviver. Aqueles das tribos de Isreal, que são conhecidas como as tribos perdidas do reino do norte, que incluem o povo britânico e norte-americano, terão se arrependido de ter transgredido as leis da aliança, até mesmo o Sábado e os Dias Santos de Deus. Os judeus do reino do sul vão reconhecer a Jesus como o verdadeiro Messias.

Finalmente, os atuais descendentes de ambos os reinos, pela primeira vez em quase três mil anos, vão se reunificar como uma nação.

Deus fez outra surpreendente promessa: "O meu servo Davi reinará sobre eles; todos eles terão um só pastor, andarão nos meus juízos, guardarão os meus estatutos e os observarão. Habitarão na terra que dei a meu servo Jacó, na qual vossos pais habitaram; habitarão nela, eles e seus filhos e os filhos de seus filhos, para sempre; e Davi, meu servo, será seu príncipe eternamente. Farei com eles aliança de paz; será aliança perpétua. Estabelecê-los-ei, e os multiplicarei, e porei o meu santuário no meio deles, para sempre" (versículos 24-26, ARA).

No retorno de Jesus, Deus vai ressuscitar o rei Davi, a quem chamou de um "homem segundo o Meu coração" (Atos 13:22 Atos 13:22E tendo deposto a este, levantou-lhes como rei a Davi, ao qual também, dando testemunho, disse: Achei a Davi, filho de Jessé, homem segundo o meu coração, que fará toda a minha vontade.
Almeida Atualizada×
), para governar sobre esse reino reunificado. Juntamente com muitos outros servos fiéis de Deus, ele será ressuscitado para a vida eterna (1 Tessalonicenses 4:16-17 1 Tessalonicenses 4:16-17 [16] Porque o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, � voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. [17] Depois nós, os que ficarmos vivos seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor.
Almeida Atualizada×
; 1 Coríntios 15:52 1 Coríntios 15:52num momento, num abrir e fechar de olhos, ao som da última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos serão ressuscitados incorruptíveis, e nós seremos transformados.
Almeida Atualizada×
). Além disso, como prometeu Jesus, os doze apóstolos reinarão sobre cada tribo (Mateus 19:28 Mateus 19:28Ao que lhe disse Jesus: Em verdade vos digo a vós que me seguistes, que na regeneração, quando o Filho do homem se assentar no trono da sua glória, sentar-vos-eis também vós sobre doze tronos, para julgar as doze tribos de Israel.
Almeida Atualizada×
; Lucas 22:30 Lucas 22:30para que comais e bebais � minha mesa no meu reino, e vos senteis sobre tronos, julgando as doze tribos de Israel.
Almeida Atualizada×
).

Agora vamos analisar a restauração do papel internacional que essa futura Israel reunificada vai cumprir no plano de Deus. Vamos ver como os descendentes de Jacó serão um exemplo piedoso para todas as nações no futuro Reino de Deus.

A futura glória de Israel durante o Reino de Deus

Sobre a formação desta nação reunificada Deus diz: "E Eu mesmo recolherei o resto das minhas ovelhas, de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; e frutificarão e se multiplicarão. E levantarei sobre elas pastores que as apascentem, e nunca mais temerão, nem se assombrarão, e nem uma delas faltará.

"Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que levantarei a Davi um Renovo justo; sendo rei, reinará, e prosperará, e praticará o juízo e a justiça na terra. Nos seus dias, Judá será salvo, e Israel habitará seguro; e este será o nome com que o nomearão: O SENHOR, JUSTIÇA NOSSA" (Jeremias 23:3-6 Jeremias 23:3-6 [3] E eu mesmo recolherei o resto das minhas ovelhas de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; e frutificarão, e se multiplicarão. [4] E levantarei sobre elas pastores que as apascentem, e nunca mais temerão, nem se assombrarão, e nem uma delas faltará, diz o Senhor. [5] Eis que vêm dias, diz o Senhor, em que levantarei a Davi um Renovo justo; e, sendo rei, reinará e procederá sabiamente, executando o juízo e a justiça na terra. [6] Nos seus dias Judá será salvo, e Israel habitará seguro; e este é o nome de que será chamado: O SENHOR JUSTIÇA NOSSA.
Almeida Atualizada×
). Este governante supremo é Jesus Cristo.

Debaixo de Jesus, os santos ressuscitados — os antigos seres humanos que faziam parte do corpo de crentes de Sua verdadeira Igreja — vão servir fielmente como mestres dos cidadãos dessa Israel restaurada (comparar Isaías 30:19-21 Isaías 30:19-21 [19] Na verdade o povo habitará em Sião, em Jerusalém; não chorarás mais; certamente se compadecerá de ti, � voz do teu clamor; e, ouvindo-a, te responderá. [20] Embora vos dê o Senhor pão de angústia e água de aperto, contudo não se esconderão mais os teus mestres; antes os teus olhos os verão; [21] e os teus ouvidos ouvirão a palavra do que está por detrás de ti, dizendo: Este é o caminho, andai nele; quando vos desviardes para a direita ou para a esquerda.
Almeida Atualizada×
com Apocalipse 1:6 Apocalipse 1:6e nos fez reino, sacerdotes para Deus, seu Pai, a ele seja glória e domínio pelos séculos dos séculos. Amém.
Almeida Atualizada×
; 5​​:10; 20:4, 6).

Quando os israelitas voltarem para Deus em arrependimento e obediência, então Ele tornará a derramar bênçãos físicas sobre eles. A sua terra se tornará abundantemente produtiva.

Amós descreveu assim esta prosperidade futura: "'Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que o que lavra alcançará ao que sega, e o que pisa as uvas, ao que lança a semente; e os montes destilarão mosto, e todos os outeiros se derreterão. E removerei o cativeiro do meu povo Israel, e reedificarão as cidades assoladas, e nelas habitarão, e plantarão vinhas, e beberão o seu vinho, e farão pomares, e lhes comerão o fruto. E os plantarei na sua terra, e não serão mais arrancados da sua terra que lhes dei', diz o SENHOR, teu Deus" (Amós 9:13-15 Amós 9:13-15 [13] Eis que vêm os dias, diz o Senhor, em que o que lavra alcançará ao que sega, e o que pisa as uvas ao que lança a semente; :e os montes destilarão mosto, e todos os outeiros se derreterão. [14] Também trarei do cativeiro o meu povo Israel; e eles reedificarão as cidades assoladas, e nelas habitarão; plantarão vinhas, e beberão o seu vinho; e farão pomares, e lhes comerão o fruto. [15] Assim os plantarei na sua terra, e não serão mais arrancados da sua terra que lhes dei, diz o senhor teu Deus.
Almeida Atualizada×
).

Nesse tempo também haverá paz sem precedentes. "Ele [Jesus, o Renovo justo] julgará entre muitos povos e corrigirá nações poderosas e longínquas; estes converterão as suas espadas em relhas de arados e suas lanças, em podadeiras; uma nação não levantará a espada contra outra nação, nem aprenderão mais a guerra. Mas assentar-se-á cada um debaixo da sua videira e debaixo da sua figueira, e não haverá quem os espante, porque a boca do SENHOR dos Exércitos o disse" (Miquéias 4:3-4 Miquéias 4:3-4 [3] E julgará entre muitos povos, e arbitrará entre nações poderosas e longínquas; e converterão as suas espadas em relhas de arado, e as suas lanças em podadeiras; uma nação não levantará a espada contra outra nação, nem aprenderão mais a guerra. [4] Mas assentar-se-á cada um debaixo da sua videira, e debaixo da sua figueira, e não haverá quem os espante, porque a boca do Senhor dos exércitos o disse.
Almeida Atualizada×
, ARA).

Os profetas também revelam que este será um tempo de cura. Aqueles que são coxos vão andar. As pessoas doentes serão curadas (Isaías 35:5-6 Isaías 35:5-6 [5] Então os olhos dos cegos serão abertos, e os ouvidos dos surdos se desimpedirão. [6] Então o coxo saltará como o cervo, e a língua do mudo cantará de alegria; porque águas arrebentarão no deserto e ribeiros no ermo.
Almeida Atualizada×
).

Quando as outras nações virem a prosperidade e o relacionamento com Deus que os israelitas terão, então essas nações vão perguntar como podem também ser abençoadas. E logo descobrirão que a prosperidade de Israel é por causa de sua obediência a Deus. Em seguida, as nações gentias vão querer aprender sobre o Deus de Israel. "Naquele dia, sucederá que pegarão dez homens, de todas as línguas das nações, pegarão, sim, na orla da veste de um judeu, dizendo: Iremos convosco, porque temos ouvido que Deus está convosco" (Zacarias 8:23 Zacarias 8:23Assim diz o Senhor dos exércitos: Naquele dia sucederá que dez homens, de nações de todas as línguas, pegarão na orla das vestes de um judeu, dizendo: Iremos convosco, porque temos ouvido que Deus está convosco.
Almeida Atualizada×
).

As nações começarão a aprender os caminhos de Deus, com a ajuda da restaurada e obediente Israel. Jerusalém se tornará o centro mundial da educação religiosa, tal como o profeta Miquéias explicou: "Mas, nos últimos dias, acontecerá que o monte da Casa do SENHOR será estabelecido no cume dos montes e se elevará sobre os outeiros, e concorrerão a ele os povos. E irão muitas nações e dirão: Vinde, e subamos ao monte do SENHOR e à Casa do Deus de Jacó, para que nos ensine os seus caminhos, e nós andemos pelas suas veredas; porque de Sião sairá a lei, e a palavra do SENHOR, de Jerusalém" (Miquéias 4:1-2 Miquéias 4:1-2 [1] Mas nos últimos dias acontecerá que o monte da casa do Senhor será estabelecido como o mais alto dos montes, e se exalçará sobre os outeiros, e a ele concorrão os povos. [2] E irão muitas nações, e dirão: Vinde, e subamos ao monte do Senhor, e � casa do Deus de Jacó, para que nos ensine os seus caminhos, de sorte que andemos nas suas veredas; porque de Sião sairá a lei, e de Jerusalém a palavra do Senhor.
Almeida Atualizada×
).

Finalmente, Israel vai ser realmente a ‘nação modelo’ do mundo, dando exemplo das bênçãos e do caminho de vida para as outras nações, que vão se esforçar para fazer igual. Deus vai ensinar a verdade acerca de Seu Sábado — o tempo semanal sagrado para nos aproximarmos de Deus — para todas as pessoas (Isaías 66:23 Isaías 66:23E acontecerá que desde uma lua nova até a outra, e desde um sábado até o outro, virá toda a carne a adorar perante mim, diz o Senhor.
Almeida Atualizada×
).

Os Dias Santos de Deus — que definem o Seu plano de salvação — também serão uma parte importante da adoração a Deus nesta época futura. Deus mesmo nos diz que representantes das nações vizinhas virão todos os anos a Jerusalém para adorar durante a grande festa durante o outono [no hemisfério norte].

"Todos os que restarem de todas as nações que vieram contra Jerusalém subirão de ano em ano para adorar o Rei, o SENHOR dos Exércitos, e para celebrar a Festa dos Tabernáculos. Se alguma das famílias da terra não subir a Jerusalém, para adorar o Rei, o SENHOR dos Exércitos, não virá sobre ela a chuva" (Zacarias 14:16-17 Zacarias 14:16-17 [16] Então todos os que restarem de todas as nações que vieram contra Jerusalém, subirão de ano em ano para adorarem o Rei, o Senhor dos exércitos, e para celebrarem a festa dos tabernáculos. [17] E se alguma das famílias da terra não subir a Jerusalém, para adorar o Rei, o Senhor dos exércitos, não cairá sobre ela a chuva.
Almeida Atualizada×
, ARA).

A glória da Israel restaurada vai brilhar muito mais do que na era de ouro da Israel de Salomão ou mais que qualquer outra nação ou reino que o mundo já viu. Tudo vai acontecer porque Cristo será o Governante dessa nação. Através de seu Criador Israel vai ganhar "nome e um louvor entre todos os povos da terra" (Sofonias 3:20 Sofonias 3:20Naquele tempo vos trarei, naquele tempo vos recolherei; porque farei de vós um nome e um louvor entre todos os povos da terra, quando eu tornar o vosso cativeiro diante dos vossos olhos, diz o Senhor.
Almeida Atualizada×
). E Israel finalmente vai se tornar o exemplo que Deus pretendia que fosse.

Deus não se esqueceu — nem jamais esquecerá — de Suas promessas a Abraão, Isaque e Jacó. As páginas da história e das profecias ainda a serem cumpridas mostram Deus permanecendo fiel a cada detalhe de Sua palavra.

A parte de você no plano de Deus

Agora chegamos à pergunta mais importante para você refletir: O que vai acontecer com você quando estas profecias forem cumpridas?

Neste guia de estudo bíblico cobrimos grande parte da história de Israel. Vimos como esse povo foi dividido em duas nações, se afastou de Deus e foi para o cativeiro. Examinámos profecias e evidências históricas que apontam para a Grã-Bretanha, os Estados Unidos e os outros povos anglo-descendentes como os atuais descendentes de José, o pai das tribos israelitas de Efraim e Manassés. Também analisamos as profecias que revelam o que vai acontecer a esses povos, antes e após o retorno de Jesus. Todas as nações da Terra serão afetadas pela queda e restauração deles.

Você tem uma escolha. Se quiser, você pode ignorar esse conhecimento. Ninguém pode forçá-lo a aceitá-lo. A história é tão espantosa que muitas pessoas simplesmente se recusam a acreditar. E decidem racicionar à volta desta prova. Mas essa escolha tem um preço muito alto. O fato é que ou Deus é fiel às Suas promessas ou não. Se Ele é fiel, certamente todas as promessas e profecias que deu se cumprirão — sejam boas ou más.

Quando decidir qual rumo você vai tomar, lembre-se o que Deus disse aos antigos israelitas, depois de explicar os termos do relacionamento que teriam com Ele: "Os céus e a terra tomo, hoje, por testemunhas contra ti, que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua semente, amando ao SENHOR, teu Deus, dando ouvidos à sua voz e te achegando a ele; pois Ele é a tua vida..." (Deuteronômio 30:19-20 Deuteronômio 30:19-20 [19] O céu e a terra tomo hoje por testemunhas contra ti de que te pus diante de ti a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua descendência, [20] amando ao Senhor teu Deus, obedecendo � sua voz, e te apegando a ele; pois ele é a tua vida, e o prolongamento dos teus dias; e para que habites na terra que o Senhor prometeu com juramento a teus pais, a Abraão, a Isaque e a Jacó, que lhes havia de dar.
Almeida Atualizada×
).

Deus também nos diz "anuncia agora a todos os homens, em todo lugar, que se arrependam, porquanto tem determinado um dia em que com justiça há de julgar o mundo" (Atos 17:30-31 Atos 17:30-31 [30] Mas Deus, não levando em conta os tempos da ignorância, manda agora que todos os homens em todo lugar se arrependam; [31] porquanto determinou um dia em que com justiça há de julgar o mundo, por meio do varão que para isso ordenou; e disso tem dado certeza a todos, ressuscitando-o dentre os mortos.
Almeida Atualizada×
). Sua advertência se aplica igualmente aos israelitas e aos não israelitas. No entanto, Ele promete proteção da tempestade que se aproxima para aquelas pessoas que se voltam para Ele em verdadeiro arrependimento (Apocalipse 3:10 Apocalipse 3:10Porquanto guardaste a palavra da minha perseverança, também eu te guardarei da hora da provação que há de vir sobre o mundo inteiro, para pôr � prova os que habitam sobre a terra.
Almeida Atualizada×
; 12:13-17).

Jesus nos diz algo semelhante: "Estejam sempre atentos e orem para que vocês possam escapar de tudo o que está para acontecer, e estar em pé diante do Filho do homem" (Lucas 21:36 Lucas 21:36Vigiai, pois, em todo o tempo, orando, para que possais escapar de todas estas coisas que hão de acontecer, e estar em pé na presença do Filho do homem.
Almeida Atualizada×
, NVI) .

Deus não nos deixa no escuro. Ele nos revela o que está para acontecer com os Estados Unidos, a Grã-Bretanha, os povos anglo-descendentes e o resto do mundo. Como proferem as Escrituras: "Certamente, o SENHOR Deus não fará coisa alguma, sem primeiro revelar o seu segredo aos seus servos, os profetas" (Amós 3:7 Amós 3:7Certamente o Senhor Deus não fará coisa alguma, sem ter revelado o seu segredo aos seus servos, os profetas.
Almeida Atualizada×
, ARA).

Os autores e editores deste guia de estudo bíblico, a serviço do Criador de todas as raças e povos, têm mostrado que futuro está reservado para muitas nações e povos, a menos que se arrependam (Jeremias 18:7-8 Jeremias 18:7-8 [7] Se em qualquer tempo eu falar acerca duma nação, e acerca dum reino, para arrancar, para derribar e para destruir, [8] e se aquela nação, contra a qual falar, se converter da sua maldade, também eu me arrependerei do mal que intentava fazer-lhe.
Almeida Atualizada×
). Como o profeta Ezequiel, a quem foi dada a tarefa de ser um "atalaia sobre a casa de Israel" (Ezequiel 3:17-19 Ezequiel 3:17-19 [17] Filho do homem, eu te dei por atalaia sobre a casa de Israel; quando ouvires uma palavra da minha boca, avisá-los-ás da minha parte. [18] Quando eu disser ao ímpio: Certamente morrerás; se não o avisares, nem falares para avisar o ímpio acerca do seu mau caminho, a fim de salvares a sua vida, aquele ímpio morrerá na sua iniqüidade; mas o seu sangue, da tua mão o requererei: [19] Contudo se tu avisares o ímpio, e ele não se converter da sua impiedade e do seu mau caminho, ele morrerá na sua iniqüidade; mas tu livraste a tua alma.
Almeida Atualizada×
; 33:1-7), nós também o exortamos a aceitar e seguir as instruções de Deus para que você também possa ser abençoado e protegido por Ele.

Seu futuro depende de sua decisão. Esperamos que você tenha a sabedoria e o caráter para escolher sabiamente!