Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

A Crescente Popularidade do Socialismo

Você está aqui

A Crescente Popularidade do Socialismo

A cultura de uma sociedade repousa sobre o fundamento de suas ideologias — as ideias, os pontos de vista e as crenças das pessoas. O fundamento ideológico dos Estados Unidos da América está sendo radicalmente corrompido em um ritmo acelerado e alarmante. Uma nuvem escura está ofuscando o país, pois se encontra entregue a ideologias ou “ismos” concorrentes.

Com o declínio da religião centralizada na Bíblia e a herança judaico-cristã da nação sendo cada vez mais rejeitada, vemos um “ismo” se tornando cada vez mais predominante: o socialismo, assim como seus primos intimamente relacionados — humanismo, materialismo, evolucionismo, ambientalismo, feminismo radical, etc.

A palavra “socialismo” é usada num sentido geral para se referir a governos que impõem demasiado controle sobre seus cidadãos ao legislar sobre programas dispendiosos e não essenciais. As atividades governamentais “essenciais” são aquelas que fornecem segurança para os cidadãos — proteção contra perigos internos (crime) e externos (ataques e invasão).

Os Estados Unidos começaram com um ínfimo grau de socialismo, mas, como a história poderia prever, o governo vem legislando cada vez mais. Durante algum tempo, a transição foi lenta — os Estados Unidos tinham um socialismo insidioso. Hoje, o socialismo está avançando a passos largos.

Essa tendência típica é descrita em uma citação popular do historiador escocês Alexander Fraser Tytler: “Uma democracia não pode existir como uma forma permanente de governo. Ela só pode existir até os eleitores descobrirem que podem votar pela generosidade (benefícios financeiros) do tesouro público. A partir desse momento, a maioria sempre votará nos candidatos que prometem mais benefícios do tesouro público, resultando num iminente colapso de uma democracia”.

Esse “socialismo democrático” é difícil de reverter. Uma vez que um programa de bem-estar é promulgado, os beneficiários resistem muito a qualquer tentativa de encerrá-lo, portanto, muito poucos políticos ousarão sugerir um cancelamento.

Muitos ocidentais estão abraçando o socialismo

O socialismo está bastante em voga nos países desenvolvidos. Infelizmente, cada vez mais norte-americanos, especialmente os relativamente jovens (e os políticos que os favorecem), estão adotando o socialismo, mesmo quando a administração dos Estados Unidos tem se movido na direção oposta de reduzir regulamentações sufocantes e tomar outras medidas práticas para garantir as liberdades individuais.

Como também é notado em nosso artigo principal (“Os Bastidores da Crescente Guerra Cultural”, na página 4), uma recente pesquisa do instituto Gallup descobriu que os norte-americanos de 18 a 29 anos “são mais simpáticos ao socialismo (51%) do que ao capitalismo (45%)” — uma grande mudança em comparação aos dados de apenas alguns anos atrás. Ademais, 57% de todos os democratas veem o socialismo de forma positiva (Frank Newport, “Os Democratas São Mais Simpatizantes do Socialismo Que do Capitalismo”, Instituto Gallup, 13 de agosto de 2018).

Os Estados Unidos sempre foi visto pelo mundo como um bastião da liberdade. Entretanto, progressistas liberais que impulsionam medidas socialistas enxergam o país como uma terra de privilégio e ganância que necessita “liberar” verdadeiramente políticas mais socialistas — redistribuição de riquezas, educação universitária gratuita, controle de preços e salários, assistência médica gratuita e universal, controle governamental de várias indústrias, etc.

E declaram que essa é a verdadeira liberdade que os Estados Unidos devem aspirar — juntamente com, como também apoiam muitos progressistas liberais, a rejeição das restrições morais tradicionais e a imposição de uma nova moralidade mais alinhada com seus valores. Porém, isso certamente não é uma liberdade verdadeira.

Alguns podem considerar esse assunto “demasiadamente político” para uma revista que está acima da política humana, como é A Boa Nova. Mas o fato é que A Boa Nova promove o que ensina a Bíblia, o que, muitas vezes, é diametralmente oposto à ideologia progressista liberal.

Entretanto, esse tema não é uma mera questão doméstica dos Estados Unidos. Isso se aplica a todo o mundo, pois muitas nações sofreram a devastação do socialismo e seus “ismos” relacionados: comunismo e fascismo. Todavia, como os Estados Unidos é a nação mais poderosa do mundo, seu exemplo tem um grande impacto no resto do mundo.

Então, esta é a questão: Por que a popularidade do socialismo está crescendo apesar de seus resultados catastróficos no passado e até hoje em muitas nações?

Uma das razões é a existência de grande quantidade de pessoas com mentalidade socialista em posições de poder e influência na mídia, na política, na indústria cinematográfica, nas universidades, nas empresas de alta tecnologia de mídias sociais, etc. Outro fator é a prevalência de oportunistas que percebem que podem obter poder ou algum ganho pessoal, prometendo benefícios maravilhosos aos eleitores ingênuos para que os apoiem. Depois, a existência dos verdadeiros crentes do socialismo, que querem, com boas intenções e heroicamente, levar seus concidadãos ao sonho de uma vida mais fácil e melhor para todos.

Outra razão importante para o aumento da popularidade do socialismo é o fato de que inúmeras pessoas não conseguem reconhecer as falácias das propostas e promessas socialistas. Frequentemente, os pensamentos desejosos de como deveria ser o mundo leva-os a aceitar prontamente fantasias em vez de fatos. Muitas pessoas não entendem as realidades essenciais da vida, que contradiz a eficácia e o valor do socialismo. A seguir enumeramos dez assuntos vitais que carecem de uma compreensão séria.

1. O desconhecimento sobre caridade e socialismo

Muitas passagens bíblicas ensinam a grande importância do amor, da bondade, da misericórdia, da simpatia, da compaixão, da caridade e da generosidade. Além de certos requisitos para contribuir e participar da missão da Igreja de Deus, a Bíblia ensina que devemos, voluntariamente, ajudar àquelas pessoas que realmente precisam de ajuda, seja temporária ou permanentemente. Isso pode ser feito por indivíduos ou grupos de pessoas trabalhando juntos em igrejas e organizações de caridade.

Mas a Bíblia nunca defende programas estatais de bem-estar sociais. De acordo com os princípios bíblicos, a taxação compulsória e o confisco para “redistribuir” a riqueza de pessoas que geram rendas para aqueles que não geram nada, como um imposto de renda “gradual” e injusto e outros métodos, significa roubo legalizado!

Independentemente de os socialistas serem ou não mesquinhos com seu próprio dinheiro, sua principal “solução” para os problemas é apoiar novos ou ampliados programas de bem-estar social do governo. Infelizmente, a história prova que quanto mais programas esses governos criam, menos pessoas dão a igrejas, a instituições de caridade e a indivíduos carentes.

2. O desconhecimento influencia o pensamento das pessoas

Cada vez mais pessoas estão desinformadas (falta de conhecimento) ou mal informadas (possuem um falso “conhecimento”). Uma pessoa enganada pode ser sincera — mas não percebe que está enganada. Ou seja, ela não sabe que não sabe.

Para toda pessoa o “caminho que parece certo” (Provérbios 14:12 Provérbios 14:12Há um caminho que ao homem parece direito, mas o fim dele conduz � morte.
Almeida Atualizada×
; 16:25, NVI) é baseado em sua experiência passada, educação e meio ambiente, incluindo as opiniões dos pais, de professores e de amigos. Esse “caminho” parece “normal” para ela.

Quando até jornalistas se envolvem com reportagens tendenciosas e “notícias falsas”, torna-se cada vez mais difícil distinguir o fato da ficção. E, assim como os computadores, somos programados pelo que entra em nossas mentes. (Quanto ao perigoso problema do viés da mídia, não deixe de ler “O Conflito dos Pensamentos”.)

Trágica e terrivelmente, a quantidade e a qualidade do que se ensina nas escolas se deteriorou. Por exemplo, cada vez mais escolas públicas nos Estados Unidos não estão mais ensinando sobre civismo (estudo acerca do governo e das responsabilidades dos cidadãos).

E é particularmente chocante o fato de que muitos professores tenham adotado o humanismo, o “politicamente correto”, a macroevolução, o ambientalismo, o estilo de vida imoral, o feminismo radical e até o socialismo. Em consequência, muitos estudantes no ensino superior são doutrinados nesses pontos de vista, especialmente porque os jovens, muitas vezes, não têm maturidade e experiência para reconhecer as falácias.

Ademais, muitos jovens estão tão absortos pela televisão, pelos videogames e outras atividades triviais e não têm tempo ou vontade de buscar a verdade.

A Bíblia contém exortações veementes orientando a busca pelo conhecimento, pelo discernimento e pela sabedoria! Enquanto, hoje em dia, muitas pessoas buscam conhecimento técnico relativamente poucas buscam a verdadeira sabedoria. É irônico e estranho que os autodenominados intelectuais adotem filosofias que desafiam os fatos e o bom senso! “As pessoas preferem acreditar naquilo que elas preferem que se seja verdade” ― Francis Bacon.

3. O desconhecimento sobre socialismo e liberdade

O ideal é a máxima liberdade pessoal sob a orientação da Palavra de Deus e Sua lei. A total ou absoluta “liberdade”, no sentido de não ter nenhuma restrição, não é uma verdadeira liberdade. Pois, desgraçadamente, isso permitiria o assassinato, o roubo e a mentira, o que logo destruiria a liberdade e a segurança de todos. Se, dentro da lei, o seu vizinho pudesse roubar sua vida ou propriedade, então você não seria livre — e nem ele, pois você ou qualquer outra pessoa poderia fazer o mesmo com ele.

Tragicamente, muitas pessoas querem liberdade quase absoluta, que lhes permitiria cometer todos os tipos de imoralidade, inclusive matar bebês em gestação. A liberdade máxima pode ser alcançada quando a principal lei da terra é a lei de Deus, conforme resumida nos Dez Mandamentos. Essa lei salvaguarda a liberdade, e é por isso que o apóstolo Tiago a chamou de “a lei perfeita da liberdade” (Tiago 1:25 Tiago 1:25Entretanto aquele que atenta bem para a lei perfeita, a da liberdade, e nela persevera, não sendo ouvinte esquecido, mas executor da obra, este será bem-aventurado no que fizer.
Almeida Atualizada×
; comparar 2:12).

Felizmente, a maioria dos fundadores dos Estados Unidos acreditava na necessidade de obedecer aos Dez Mandamentos e reconhecia que esse novo país não sobreviveria por muito tempo se os cidadãos rejeitassem a autoridade desses mandamentos.

Algumas pessoas acabam tendo uma mentalidade de dependência e medo da liberdade. Podemos ver isso nas queixas dos israelitas após seu êxodo do Egito. Depois que Deus os libertou de sua escravidão, realmente alguns israelitas imploraram para voltar! (Ver Números 11:5-20 Números 11:5-20 5 Lembramo-nos dos peixes que no Egito comíamos de graça, e dos pepinos, dos melões, dos porros, das cebolas e dos alhos. 6 Mas agora a nossa alma se seca; coisa nenhuma há senão este maná diante dos nossos olhos. 7 E era o maná como a semente do coentro, e a sua aparência como a aparência de bdélio. 8 O povo espalhava-se e o colhia, e, triturando-o em moinhos ou pisando-o num gral, em panelas o cozia, e dele fazia bolos; e o seu sabor era como o sabor de azeite fresco. 9 E, quando o orvalho descia de noite sobre o arraial, sobre ele descia também o maná. 10 Então Moisés ouviu chorar o povo, todas as suas famílias, cada qual � porta da sua tenda; e a ira do Senhor grandemente se acendeu; e aquilo pareceu mal aos olhos de Moisés. 11 Disse, pois, Moisés ao Senhor: Por que fizeste mal a teu servo, e por que não achei graça aos teus olhos, pois que puseste sobre mim o peso de todo este povo. 12 Concebi eu porventura todo este povo? dei-o eu � luz, para que me dissesses: Leva-o ao teu colo, como a ama leva a criança de peito, para a terra que com juramento prometeste a seus pais? 13 Donde teria eu carne para dar a todo este povo? porquanto choram diante de mim, dizendo: Dá-nos carne a comer. 14 Eu só não posso: levar a todo este povo, porque me é pesado demais. 15 Se tu me hás de tratar assim, mata-me, peço-te, se tenho achado graça aos teus olhos; e não me deixes ver a minha miséria. 16 Disse então o Senhor a Moisés: Ajunta-me setenta homens dos anciãos de Israel, que sabes serem os anciãos do povo e seus oficiais; e os trarás perante a tenda da revelação, para que estejam ali contigo. 17 Então descerei e ali falarei contigo, e tirarei do espírito que está sobre ti, e o porei sobre eles; e contigo levarão eles o peso do povo para que tu não o leves só. 18 E dirás ao povo: Santificai-vos para amanhã, e comereis carne; porquanto chorastes aos ouvidos do Senhor, dizendo: Quem nos dará carne a comer? pois bem nos ia no Egito. Pelo que o Senhor vos dará carne, e comereis. 19 Não comereis um dia, nem dois dias, nem cinco dias, nem dez dias, nem vinte dias; 20 mas um mês inteiro, até vos sair pelas narinas, até que se vos torne coisa nojenta; porquanto rejeitastes ao Senhor, que está no meio de vós, e chorastes diante dele, dizendo: Por que saímos do Egito?
Almeida Atualizada×
; 14:2-4; 21:5.) “No seu coração, voltaram para o Egito” (Atos 7:38-39 Atos 7:38-39 38 Este é o que esteve na congregação no deserto, com o anjo que lhe falava no monte Sinai, e com nossos pais, o qual recebeu palavras de vida para vo-las dar; 39 ao qual os nossos pais não quiseram obedecer, antes o rejeitaram, e em seus corações voltaram ao Egito,
Almeida Atualizada×
, ARA). No Egito, eles tinham comida e abrigo e, provavelmente, não precisavam lidar com muitas mudanças ou surpresas.

Ao se submeterem a Deus, os israelitas continuariam tendo máxima liberdade, enquanto era governado diretamente por Ele como seu Rei. Então, durante o juizado de Samuel, os líderes disseram: “Escolhe agora um rei para que nos lidere, à semelhança das outras nações” (1 Samuel 8:5 1 Samuel 8:5e lhe disseram: Eis que já estás velho, e teus filhos não andam nos teus caminhos. Constitui-nos, pois, agora um rei para nos julgar, como o têm todas as nações.
Almeida Atualizada×
, NVI; comparar 12:12).

Deus disse a Samuel que atenderia ao pedido do povo, mas Samuel advertiu as pessoas que sob um governo humano elas sofreriam opressão, cobrança de impostos, confisco de suas riquezas e excessivos gastos governamentais. E mesmo assim, as pessoas continuaram insistindo por um governo mundano. Esta significativa e presciente história está registrada em 1 Samuel 8:4-22 1 Samuel 8:4-22 4 Então todos os anciãos de Israel se congregaram, e vieram ter com Samuel, a Ramá, 5 e lhe disseram: Eis que já estás velho, e teus filhos não andam nos teus caminhos. Constitui-nos, pois, agora um rei para nos julgar, como o têm todas as nações. 6 Mas pareceu mal aos olhos de Samuel, quando disseram: Dá-nos um rei para nos julgar. Então Samuel orou ao Senhor. 7 Disse o Senhor a Samuel: Ouve a voz do povo em tudo quanto te dizem, pois não é a ti que têm rejeitado, porém a mim, para que eu não reine sobre eles. 8 Conforme todas as obras que fizeram desde o dia em que os tirei do Egito até o dia de hoje, deixando-me a mim e servindo a outros deuses, assim também fazem a ti. 9 Agora, pois, ouve a sua voz, contudo lhes protestarás solenemente, e lhes declararás qual será o modo de agir do rei que houver de reinar sobre eles. 10 Referiu, pois, Samuel todas as palavras do Senhor ao povo, que lhe havia pedido um rei, 11 e disse: Este será o modo de agir do rei que houver de reinar sobre vós: tomará os vossos filhos, e os porá sobre os seus carros, e para serem seus cavaleiros, e para correrem adiante dos seus carros; 12 e os porá por chefes de mil e chefes de cinqüenta, para lavrarem os seus campos, fazerem as suas colheitas e fabricarem as suas armas de guerra e os petrechos de seus carros. 13 Tomará as vossas filhas para perfumistas, cozinheiras e padeiras. 14 Tomará o melhor das vossas terras, das vossas vinhas e dos vossos elivais, e o dará aos seus servos. 15 Tomará e dízimo das vossas sementes e das vossas vinhas, para dar aos seus oficiais e aos seus servos. 16 Também os vossos servos e as vossas servas, e os vossos melhores mancebos, e os vossos jumentos tomará, e os empregará no seu trabalho. 17 Tomará o dízimo do vosso rebanho; e vós lhe servireis de escravos. 18 Então naquele dia clamareis por causa de vosso rei, que vós mesmos houverdes escolhido; mas o Senhor não vos ouvira. 19 O povo, porém, não quis ouvir a voz de Samuel; e disseram: Não, mas haverá sobre nós um rei, 20 para que nós também sejamos como todas as outras nações, e para que o nosso rei nos julgue, e saia adiante de nós, e peleje as nossas batalhas. 21 Ouviu, pois, Samuel todas as palavras do povo, e as repetiu aos ouvidos do Senhor. 22 Disse o Senhor a Samuel: Dá ouvidos � sua voz, e constitui-lhes rei. Então Samuel disse aos homens de Israel: Volte cada um para a sua cidade.
Almeida Atualizada×
.

4. O desconhecimento sobre economia

A palavra economia é definida como “a ciência social que lida com a produção, distribuição e consumo de bens e serviços…” (site TheFreeDictionary.com). Exatamente, ela é uma ciência com leis econômicas!

O socialismo não funciona porque desafia essas leis! O que funciona é um sistema de livre mercado — isto é, que permite aos indivíduos se envolverem em empreendimentos privados e livres para negociar em um mercado aberto, também conhecido como capitalismo. No entanto, alguns socialistas influentes, incluindo Karl Marx (pai do marxismo) e John Maynard Keynes (pai do keynesianismo) tiveram uma danosa influência sobre o pensamento de inúmeras pessoas.

A maioria das nações modernas opera com um misto de liberdade pessoal e socialismo. Se tal nação for muito próspera, o crédito pertence ao livre mercado ou às riquezas acumuladas antes da instituição do socialismo (ou, às vezes, e infelizmente, à sua ação predatória contra outras sociedades).

Incontáveis e excelentes livros já foram escritos sobre economia. É trágico que a maioria das pessoas não leia esses livros. Muitas pessoas pensam no socialismo de uma só maneira: Que é um sistema que oferece muitas “coisas grátis!”. E ignoram que, na verdade, esse assistencialismo não é grátis. Ele é pago pelos altos impostos, pela impressão de mais dinheiro (que leva a sua desvalorização ou à inflação) e/ou contraindo mais dívidas (empréstimos). E outro grande custo é a perda da liberdade.

Os frutos da liberdade são fabulosos. A liberdade individual desencadeia a engenhosidade e o empreendedorismo das pessoas criativas. O resultado prático? Mais prosperidade para todos!

Apesar do evidente fracasso do socialismo, têm surgido pessoas prometendo o sucesso ao se adotar uma “nova” e “melhor” variação do socialismo, e sempre há muitos que são ingênuos o suficiente para acreditar nesses contos de fadas.

5. O desconhecimento da história

Um ditado famoso e popular nos diz: “Aqueles que não conhecem a história estão fadados a repeti-la”. As pessoas sábias estudam a História para aprender quais coisas davam certo e quais não davam.

Outro ditado nos diz que “a definição de insanidade é fazer a mesma coisa repetidamente e esperar resultados diferentes”. Como o socialismo nunca deu certo, não seria loucura continuar acreditando nesse sistema?

Tragicamente, a história universal e a história norte-americana têm sido ensinadas cada vez menos nas escolas e faculdades dos Estados Unidos. E as aulas de história costumam denegrir e menosprezar o passado dos Estados Unidos, em vez de ensiná-lo com precisão.

A maioria dos fundadores dos Estados Unidos respeitou e leu a Bíblia e desejava que seu novo país fosse alicerçado nos princípios bíblicos. A Declaração de Independência dos Estados Unidos contém estas famosas palavras: “Consideramos estas verdades como evidentes por si mesmas: que todos os homens são criados iguais, que são dotados pelo Criador de certos direitos inalienáveis, que entre estes estão a vida, a liberdade e a busca da felicidade”.

Segundo a Bíblia, estas palavras realmente expressam importantes verdades. Deus criou os seres humanos e deu-lhes esses direitos. O primeiro é o direito à vida (a menos que alguém cometa um crime capital, incorrendo na pena de morte conforme estabelecido nas Escrituras). Em segundo lugar, o direito à liberdade em oposição à prisão injusta. Em terceiro lugar, o direito de buscar a felicidade, que não se trata de buscar entretenimento ou prazeres hedonistas. Trata-se do direito de decidir por si mesmo quais são as metas e ocupações realistas que você deseja seguir na vida por achar que elas lhe trarão mais satisfação.

O problema com o socialismo é que, em vez de você tomar suas próprias decisões, cada vez mais decisões sobre sua vida são tomadas pelo Grande Governo — que pensa em seus próprios interesses e não nos seus. Em vez de o governo servi-lo, você é que acaba servindo ao governo — exatamente como Deus advertiu (como observado anteriormente em 1 Samuel 8:4-22 1 Samuel 8:4-22 4 Então todos os anciãos de Israel se congregaram, e vieram ter com Samuel, a Ramá, 5 e lhe disseram: Eis que já estás velho, e teus filhos não andam nos teus caminhos. Constitui-nos, pois, agora um rei para nos julgar, como o têm todas as nações. 6 Mas pareceu mal aos olhos de Samuel, quando disseram: Dá-nos um rei para nos julgar. Então Samuel orou ao Senhor. 7 Disse o Senhor a Samuel: Ouve a voz do povo em tudo quanto te dizem, pois não é a ti que têm rejeitado, porém a mim, para que eu não reine sobre eles. 8 Conforme todas as obras que fizeram desde o dia em que os tirei do Egito até o dia de hoje, deixando-me a mim e servindo a outros deuses, assim também fazem a ti. 9 Agora, pois, ouve a sua voz, contudo lhes protestarás solenemente, e lhes declararás qual será o modo de agir do rei que houver de reinar sobre eles. 10 Referiu, pois, Samuel todas as palavras do Senhor ao povo, que lhe havia pedido um rei, 11 e disse: Este será o modo de agir do rei que houver de reinar sobre vós: tomará os vossos filhos, e os porá sobre os seus carros, e para serem seus cavaleiros, e para correrem adiante dos seus carros; 12 e os porá por chefes de mil e chefes de cinqüenta, para lavrarem os seus campos, fazerem as suas colheitas e fabricarem as suas armas de guerra e os petrechos de seus carros. 13 Tomará as vossas filhas para perfumistas, cozinheiras e padeiras. 14 Tomará o melhor das vossas terras, das vossas vinhas e dos vossos elivais, e o dará aos seus servos. 15 Tomará e dízimo das vossas sementes e das vossas vinhas, para dar aos seus oficiais e aos seus servos. 16 Também os vossos servos e as vossas servas, e os vossos melhores mancebos, e os vossos jumentos tomará, e os empregará no seu trabalho. 17 Tomará o dízimo do vosso rebanho; e vós lhe servireis de escravos. 18 Então naquele dia clamareis por causa de vosso rei, que vós mesmos houverdes escolhido; mas o Senhor não vos ouvira. 19 O povo, porém, não quis ouvir a voz de Samuel; e disseram: Não, mas haverá sobre nós um rei, 20 para que nós também sejamos como todas as outras nações, e para que o nosso rei nos julgue, e saia adiante de nós, e peleje as nossas batalhas. 21 Ouviu, pois, Samuel todas as palavras do povo, e as repetiu aos ouvidos do Senhor. 22 Disse o Senhor a Samuel: Dá ouvidos � sua voz, e constitui-lhes rei. Então Samuel disse aos homens de Israel: Volte cada um para a sua cidade.
Almeida Atualizada×
).

6. O desconhecimento sobre a natureza humana

Muitas pessoas acreditam que a natureza humana é basicamente boa, enquanto muitas outras pessoas a consideram, basicamente, ruim. Naturalmente, Deus entende perfeitamente o que é a natureza humana, e a Bíblia deixa claro que a natureza humana foi corrompida e é basicamente egocêntrica, egoísta e má. (Veja estas evidentes escrituras que confirma isto: Gênesis 6:5-6 Gênesis 6:5-6 5 Viu o Senhor que era grande a maldade do homem na terra, e que toda a imaginação dos pensamentos de seu coração era má continuamente. 6 Então arrependeu-se o Senhor de haver feito o homem na terra, e isso lhe pesou no coração
Almeida Atualizada×
; Jeremias 17:9 Jeremias 17:9Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o poderá conhecer?
Almeida Atualizada×
; Mateus 15:18-19 Mateus 15:18-19 18 Mas o que sai da boca procede do coração; e é isso o que contamina o homem. 19 Porque do coração procedem os maus pensamentos, homicídios, adultérios, prostituição, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias.
Almeida Atualizada×
; Marcos 7:20-23 Marcos 7:20-23 20 E prosseguiu: O que sai do homem , isso é que o contamina. 21 Pois é do interior, do coração dos homens, que procedem os maus pensamentos, as prostituições, os furtos, os homicídios, os adultérios, 22 a cobiça, as maldades, o dolo, a libertinagem, a inveja, a blasfêmia, a soberba, a insensatez; 23 todas estas más coisas procedem de dentro e contaminam o homem.
Almeida Atualizada×
; Romanos 7:14-19 Romanos 7:14-19 14 Porque bem sabemos que a lei é espiritual; mas eu sou carnal, vendido sob o pecado. 15 Pois o que faço, não o entendo; porque o que quero, isso não pratico; mas o que aborreço, isso faço. 16 E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. 17 Agora, porém, não sou mais eu que faço isto, mas o pecado que habita em mim. 18 Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; com efeito o querer o bem está em mim, mas o efetuá-lo não está. 19 Pois não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse pratico.
Almeida Atualizada×
; 8:7; Gálatas 5:19 Gálatas 5:19Ora, as obras da carne são manifestas, as quais são: a prostituição, a impureza, a lascívia,
Almeida Atualizada×
-21; 2 Timóteo 3:1-7 2 Timóteo 3:1-7 1 Sabe, porém, isto, que nos últimos dias sobrevirão tempos penosos; 2 pois os homens serão amantes de si mesmos, gananciosos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a seus pais, ingratos, ímpios, 3 sem afeição natural, implacáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, inimigos do bem, 4 traidores, atrevidos, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, 5 tendo aparência de piedade, mas negando-lhe o poder. Afasta- te também desses. 6 Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências; 7 sempre aprendendo, mas nunca podendo chegar ao pleno conhecimento da verdade.
Almeida Atualizada×
.)

Felizmente, muitas pessoas recebem excelentes influências que ajudam a conter, elevar e refinar, em certo grau, sua natureza corrupta. Essas influências podem ser dos pais, de familiares, de amigos, de professores, de pastores, de policiais e, muitas vezes, pelo fato de algumas pessoas serem automaticamente recompensadas por sua boa conduta ou automaticamente punidas por sua má conduta.

Aqueles que acreditam que as pessoas são, naturalmente, boas não enxergam muito a necessidade de Deus. Como resultado, eles confiam demais no governo humano e, portanto, estão dispostos a deixar que os líderes humanos exerçam grande poder. Eles esperam que o governo seja um benevolente “irmão mais velho” que irá protegê-los e sustentá-los.

Mas qual é a realidade? Como a natureza humana é corrupta, preguiçosa e libertina, obter alguma renda sem trabalhar pode ser muito atraente. Como a natureza humana é gananciosa e invejosa, a imposição de uma maior taxa de impostos sobre as pessoas de renda mais alta pode ser interessante. E, uma vez que a natureza humana é egoísta e míope, as pessoas tendem a pensar: “Eu vou pegar o meu enquanto tenho oportunidade e sem perder o sono por causa das gerações futuras”.

Por que deveríamos supor que o Grande Governo reduziria o problema? Afinal, ele é composto de muitas pessoas com a mesma natureza humana corrupta. Será que é surpreendente para alguém que os políticos que trabalharam algum tempo no governo geralmente saem muito mais ricos do que quando entraram?

Pelo fato de os fundadores dos Estados Unidos entenderem a natureza humana é que eles, corretamente, temiam o Grande Governo. Eles elaboraram a Constituição dos Estados Unidos com o intuito de tentar proteger os direitos e as liberdades individuais dos cidadãos e também para impedir que alguma parte do governo se torne muito poderosa.

Mas também devemos ter em mente que a Bíblia tem muitas boas novas, incluindo a revelação de Deus de como a natureza humana pode ser gradualmente substituída por uma natureza piedosa através do processo de conversão espiritual! (Para saber mais, baixe ou solicite nosso guia de estudo bíblico gratuito Transformando Sua Vida: O Processo De Conversão).

7. O desconhecimento sobre Deus

Vemos claramente na Bíblia que Deus ama a liberdade e ama libertar as pessoas! Deus se identifica não apenas como Criador, mas também como Libertador da escravidão — Nosso Libertador! E não é típico de Sua natureza controlar e microgerir.

Observe que, obviamente, Deus ama a variedade. Considere as combinações aparentemente infinitas de talentos, interesses e personalidades entre as pessoas do mundo! Vê-se claramente que Deus nunca pretendeu que todos tivessem a mesma ocupação e vocações. Deus deseja que cada pessoa tenha a liberdade de escolher os caminhos que almeja seguir.

Deus criou o homem à Sua imagem e semelhança (Gênesis 1:26-27 Gênesis 1:26-27 26 E disse Deus: Façamos o homem � nossa imagem, conforme a nossa semelhança; domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais domésticos, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se arrasta sobre a terra. 27 Criou, pois, Deus o homem � sua imagem; � imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Almeida Atualizada×
), referindo-se a uma semelhança na aparência, mas também na mente. Ao longo de toda a Bíblia, compreendemos que Deus realizou isso ao entregar às pessoas um espírito que confere inteligência ao cérebro humano, criando uma extraordinária mente humana que excede em muito a dos animais (ver 32:8 32:8Há, porém, um espírito no homem, e o sopro do Todo-Poderoso o faz entendido.
Almeida Atualizada×
; 1 Coríntios 2:11 1 Coríntios 2:11Pois, qual dos homens entende as coisas do homem, senão o espírito do homem que nele está? assim também as coisas de Deus, ninguém as compreendeu, senão o Espírito de Deus.
Almeida Atualizada×
). E esta provê a cada ser humano uma incrível liberdade de pensamento e uma personalidade única.

Quando Deus colocou Adão e Eva no Jardim do Éden, Ele disse a eles que era para “cuidar dele e cultivá-lo” (Gênesis 2:15 Gênesis 2:15Tomou, pois, o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Édem para o lavrar e guardar.
Almeida Atualizada×
, NVI). Mas não há provas de que Deus lhes disse como fazer isso! Ele deu-lhes liberdade de planejar, tomar decisões e agir da maneira que parecesse melhor para eles. (Tragicamente, eles abusaram de sua liberdade e comeram do fruto da única árvore que Deus havia proibido). Mais tarde, quando Deus permitiu que os israelitas entrassem na Terra Prometida, também não há evidência de Seu microgerenciamento na época!

Deus sabe que o microgerenciamento das pessoas tem consequências ruins, mas os seres humanos egoístas pensam o contrário! Eles imaginam que podem resolver os problemas de uma nação com um Grande Governo e sem Deus.

O lema oficial dos Estados Unidos é “Em Deus Confiamos”. Entretanto, tornou-se uma conversa fiada, pois a confiança tem sido mais no dinheiro em que isso está impresso ou no “todo-poderoso governo” que, supostamente, nos provê dinheiro e direitos. Além disso, alguns ainda até querem extirpar do governo este lema e todas as referências a Deus.

O fato é que nós, seres humanos, precisamos confiar em Deus para que nos ensine a pensar como Ele pensa (ver Isaías 55:8-9 Isaías 55:8-9 8 Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor. 9 Porque, assim como o céu é mais alto do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.
Almeida Atualizada×
). Deus ama a liberdade e nós devemos amá-la também!

8. O desconhecimento sobre a Bíblia

A Bíblia é a revelação da suprema verdade de Deus (Salmos 119:160 Salmos 119:160A soma da tua palavra é a verdade, e cada uma das tuas justas ordenanças dura para sempre.
Almeida Atualizada×
; João 17:17 João 17:17Santifica-os na verdade, a tua palavra é a verdade.
Almeida Atualizada×
). Ela tem que ser a base e o padrão pelo qual todas as ideias devem ser julgadas quanto a sua veracidade. Tragicamente, hoje em dia, a maioria das pessoas ignora esse filtro e essa base ou a reinterpreta para adequar-se a seus conceitos errôneos.

Independência e liberdade são os principais temas da Bíblia! A maioria das pessoas não tem consciência do impacto da Bíblia sobre a história mundial. Por exemplo, ela inspirou mais esforços para alcançar a liberdade que qualquer outro livro já escrito.

E quanto à igualdade? A Bíblia ensina a igualdade espiritual e legal, e declara leis divinas que protegem a propriedade privada e impedem extremos financeiros, mas a Bíblia nunca defende esforços para tentar impor a uniformidade, como a igualdade financeira.

Quando Deus criou Adão e Eva, Ele deu-lhes a liberdade de escolher como se comportar — “o livre arbítrio moral”, apesar de dizer-lhes o caminho que deveriam escolher e não desobedecê-Lo. Deus entrega mandamentos e promete recompensas por obediência e penalidades por desobediência, mas Ele deixa as pessoas saberem que elas têm a liberdade de escolha. Entretanto, novamente, Ele lhes diz para escolher com sabedoria! (Ver Deuteronômio 30:15-20 Deuteronômio 30:15-20 15 Vê que hoje te pus diante de ti a vida e o bem, a morte e o mal. 16 Se guardares o mandamento que eu hoje te ordeno de amar ao Senhor teu Deus, de andar nos seus caminhos, e de guardar os seus mandamentos, os seus estatutos e os seus preceitos, então viverás, e te multiplicarás, e o Senhor teu Deus te abençoará na terra em que estás entrando para a possuíres. 17 Mas se o teu coração se desviar, e não quiseres ouvir, e fores seduzido para adorares outros deuses, e os servires, 18 declaro-te hoje que certamente perecerás; não prolongarás os dias na terra para entrar na qual estás passando o Jordão, a fim de a possuíres. 19 O céu e a terra tomo hoje por testemunhas contra ti de que te pus diante de ti a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua descendência, 20 amando ao Senhor teu Deus, obedecendo � sua voz, e te apegando a ele; pois ele é a tua vida, e o prolongamento dos teus dias; e para que habites na terra que o Senhor prometeu com juramento a teus pais, a Abraão, a Isaque e a Jacó, que lhes havia de dar.
Almeida Atualizada×
.)

Deus disse a Adão e Eva que estava dando a eles e a sua descendência “domínio” sobre todas as criaturas da Terra (Gênesis 1:26 Gênesis 1:26E disse Deus: Façamos o homem � nossa imagem, conforme a nossa semelhança; domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais domésticos, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se arrasta sobre a terra.
Almeida Atualizada×
, 28). A palavra “domínio” significa autoridade e governo! Isso significa muita liberdade e muita autoridade debaixo da total soberania de Deus!

Através da Bíblia, sabemos que Deus considera a propriedade privada como fundamental para a liberdade, a prosperidade e a felicidade. O mundo inteiro pertence a Deus (Salmos 24:1 Salmos 24:1Do Senhor é a terra e a sua plenitude; o mundo e aqueles que nele habitam.
Almeida Atualizada×
), mas Deus sempre quis que as famílias tivessem alguma terra para considerar como sua propriedade. A importância de proteger a propriedade privada está clara no Oitavo Mandamento (“Não roubarás”) e outras leis bíblicas relacionadas.

Quando Deus levou os israelitas à Terra Prometida, Ele deu-lhes um grande começo com uma generosa variedade de propriedades e bens (Deuteronômio 6:10-12 Deuteronômio 6:10-12 10 Quando, pois, o Senhor teu Deus te introduzir na terra que com juramento prometeu a teus pais, Abraão, Isaque e Jacó, que te daria, com grandes e boas cidades, que tu não edificaste, 11 e casas cheias de todo o bem, as quais tu não encheste, e poços cavados, que tu não cavaste, vinhas e olivais, que tu não plantaste, e quando comeres e te fartares; 12 guarda-te, que não te esqueças do Senhor, que te tirou da terra do Egito, da casa da servidão.
Almeida Atualizada×
). Tudo isso veio sem impostos sobre propriedade e, aparentemente, sem regulamentos, restrições ou exigências além das relativamente poucas leis espirituais, civis e agrícolas que Deus entregou para o benefício deles.

Os defensores do socialismo muitas vezes tentam atrair as pessoas para o seu modo de pensar, criticando a desigualdade financeira e declarando que as riquezas das pessoas abastadas são indecentes — e, portanto, precisam ser redistribuídas. Uma ironia nisso aqui é que muitas pessoas ricas da indústria do entretenimento, da mídia e do governo promovem o socialismo enquanto usufruem de um estilo de vida luxuoso. E outra é que, quando os socialistas assumem o poder, os líderes do sistema e aqueles favorecidos por eles sempre parecem usufruir de riquezas enquanto as pessoas comuns vivem na pobreza ou até na miséria. O socialismo certamente não é a solução para as injustiças percebidas na riqueza!

Curiosamente, a Bíblia não diz nada contra a posse de bens e a riqueza. Deus usou muitas pessoas ricas em Sua obra, como por exemplo, Abraão, o pai dos fiéis (Gênesis 13:2 Gênesis 13:2Abrão era muito rico em gado, em prata e em ouro.
Almeida Atualizada×
; 14:23; Romanos 4:11 Romanos 4:11E recebeu o sinal da circuncisão, selo da justiça da fé que teve quando ainda não era circuncidado, para que fosse pai de todos os que crêem, estando eles na incircuncisão, a fim de que a justiça lhes seja imputada,
Almeida Atualizada×
). É claro que Deus condena o mau uso do dinheiro e qualquer atitude errada sobre a riqueza material, inclusive colocar o coração e a confiança no dinheiro. Observe as corretas palavras de 1 Timóteo 6:10 1 Timóteo 6:10Porque o amor ao dinheiro é raiz de todos os males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.
Almeida Atualizada×
: “Porque o amor do dinheiro é a raiz de toda espécie de males…” (grifo nosso). O “amor do dinheiro” implica luxúria e cobiça. Portanto, não há nada inerentemente errado com o dinheiro ou a riqueza.

Em algumas das parábolas de Jesus Cristo, Ele usou histórias de negócios de empresas livres para ensinar lições espirituais. Nas parábolas dos “talentos” e das “minas”, onde um mestre entrega aos seus servos algum dinheiro e diz-lhes que se esforcem ao máximo para obter algum lucro daquele dinheiro (Mateus 25:14-30 Mateus 25:14-30 14 Porque é assim como um homem que, ausentando-se do país, chamou os seus servos e lhes entregou os seus bens: 15 a um deu cinco talentos, a outro dois, e a outro um, a cada um segundo a sua capacidade; e seguiu viagem. 16 O que recebera cinco talentos foi imediatamente negociar com eles, e ganhou outros cinco; 17 da mesma sorte, o que recebera dois ganhou outros dois; 18 mas o que recebera um foi e cavou na terra e escondeu o dinheiro do seu senhor. 19 Ora, depois de muito tempo veio o senhor daqueles servos, e fez contas com eles. 20 Então chegando o que recebera cinco talentos, apresentou-lhe outros cinco talentos, dizendo: Senhor, entregaste-me cinco talentos; eis aqui outros cinco que ganhei. 21 Disse-lhe o seu senhor: Muito bem, servo bom e fiel; sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor. 22 Chegando também o que recebera dois talentos, disse: Senhor, entregaste-me dois talentos; eis aqui outros dois que ganhei. 23 Disse-lhe o seu senhor: Muito bem, servo bom e fiel; sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor. 24 Chegando por fim o que recebera um talento, disse: Senhor, eu te conhecia, que és um homem duro, que ceifas onde não semeaste, e recolhes onde não joeiraste; 25 e, atemorizado, fui esconder na terra o teu talento; eis aqui tens o que é teu. 26 Ao que lhe respondeu o seu senhor: Servo mau e preguiçoso, sabias que ceifo onde não semeei, e recolho onde não joeirei? 27 Devias então entregar o meu dinheiro aos banqueiros e, vindo eu, tê-lo-ia recebido com juros. 28 Tirai-lhe, pois, o talento e dai ao que tem os dez talentos. 29 Porque a todo o que tem, dar-se-lhe-á, e terá em abundância; mas ao que não tem, até aquilo que tem ser-lhe-á tirado. 30 E lançai o servo inútil nas trevas exteriores; ali haverá choro e ranger de dentes.
Almeida Atualizada×
; Lucas 19:11-27 Lucas 19:11-27 11 Ouvindo eles isso, prosseguiu Jesus, e contou uma parábola, visto estar ele perto de Jerusalém, e pensarem eles que o reino de Deus se havia de manifestar imediatamente. 12 Disse pois: Certo homem nobre partiu para uma terra longínqua, a fim de tomar posse de um reino e depois voltar. 13 E chamando dez servos seus, deu-lhes dez minas, e disse-lhes: Negociai até que eu venha. 14 Mas os seus concidadãos odiavam-no, e enviaram após ele uma embaixada, dizendo: Não queremos que este homem reine sobre nós. 15 E sucedeu que, ao voltar ele, depois de ter tomado posse do reino, mandou chamar aqueles servos a quem entregara o dinheiro, a fim de saber como cada um havia negociado. 16 Apresentou-se, pois, o primeiro, e disse: Senhor, a tua mina rendeu dez minas. 17 Respondeu-lhe o senhor: Bem está, servo bom! porque no mínimo foste fiel, sobre dez cidades terás autoridade. 18 Veio o segundo, dizendo: Senhor, a tua mina rendeu cinco minas. 19 A este também respondeu: Sê tu também sobre cinco cidades. 20 E veio outro, dizendo: Senhor, eis aqui a tua mina, que guardei num lenço; 21 pois tinha medo de ti, porque és homem severo; tomas o que não puseste, e ceifas o que não semeaste. 22 Disse-lhe o Senhor: Servo mau! pela tua boca te julgarei; sabias que eu sou homem severo, que tomo o que não pus, e ceifo o que não semeei; 23 por que, pois, não puseste o meu dinheiro no banco? então vindo eu, o teria retirado com os juros. 24 E disse aos que estavam ali: Tirai-lhe a mina, e dai-a ao que tem as dez minas. 25 Responderam-lhe eles: Senhor, ele tem dez minas. 26 Pois eu vos digo que a todo o que tem, dar-se-lhe-á; mas ao que não tem, até aquilo que tem ser-lhe-á tirado. 27 Quanto, porém, �queles meus inimigos que não quiseram que eu reinasse sobre eles, trazei-os aqui, e matai-os diante de mim.
Almeida Atualizada×
). Hoje em dia, essas histórias poderiam ser chamadas de histórias do capitalismo!

O socialismo é uma ideologia que entra seriamente em conflito com a Bíblia de várias maneiras. A Bíblia ensina claramente a liberdade pessoal, a livre iniciativa e o comércio. A maioria dos fundadores dos Estados Unidos entendia isso e fez o melhor que pôde para escrever a Constituição dos Estados Unidos em harmonia com a Bíblia.

A Bíblia promete uma nova ordem mundial pacífica, mas isso virá somente depois que Cristo retornar à Terra (Miquéias 4:1-4 Miquéias 4:1-4 1 Mas nos últimos dias acontecerá que o monte da casa do Senhor será estabelecido como o mais alto dos montes, e se exalçará sobre os outeiros, e a ele concorrão os povos. 2 E irão muitas nações, e dirão: Vinde, e subamos ao monte do Senhor, e � casa do Deus de Jacó, para que nos ensine os seus caminhos, de sorte que andemos nas suas veredas; porque de Sião sairá a lei, e de Jerusalém a palavra do Senhor. 3 E julgará entre muitos povos, e arbitrará entre nações poderosas e longínquas; e converterão as suas espadas em relhas de arado, e as suas lanças em podadeiras; uma nação não levantará a espada contra outra nação, nem aprenderão mais a guerra. 4 Mas assentar-se-á cada um debaixo da sua videira, e debaixo da sua figueira, e não haverá quem os espante, porque a boca do Senhor dos exércitos o disse.
Almeida Atualizada×
; Apocalipse 20:4-6 Apocalipse 20:4-6 4 Então vi uns tronos; e aos que se assentaram sobre eles foi dado o poder de julgar; e vi as almas daqueles que foram degolados por causa do testemunho de Jesus e da palavra de Deus, e que não adoraram a besta nem a sua imagem, e não receberam o sinal na fronte nem nas mãos; e reviveram, e reinaram com Cristo durante mil anos. 5 Mas os outros mortos não reviveram, até que os mil anos se completassem. Esta é a primeira ressurreição. 6 Bem-aventurado e santo é aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte; mas serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele durante os mil anos.
Almeida Atualizada×
). A História mostrou que as condições ideais nunca podem ser alcançadas apenas pelos esforços dos seres humanos.

Os Estados Unidos se afastaram muito de seu alicerce. Seu povo tem demonstrado cada vez menos interesse em aprender, amar e viver pela Bíblia. Infelizmente, embora muitas igrejas cristãs realmente ajudem as pessoas através de eficazes programas de caridade, um grande número de pessoas interpreta erroneamente a Bíblia e aplica as Escrituras de forma errônea para apoiar seu “evangelho social”, enfatizando os esforços humanos — inclusive enormes programas de governos — para transformar a sociedade. Muitas igrejas estão abandonando o conceito bíblico sobre esse assunto, em parte porque querem obter a aprovação da sociedade predominante.

Para resumir, a maioria das pessoas está desinformada e mal informada sobre a Bíblia — até mesmo muitos daqueles que afirmam viver por ela.

9. O desconhecimento sobre a influência de Satanás, o diabo

Satanás, o diabo e seus subordinados anjos maus, os demônios, são muito reais. Deus está permitindo que Satanás seja “o governante deste mundo” até que Cristo retorne (João 12:31 João 12:31Agora é o juízo deste mundo; agora será expulso o príncipe deste mundo.
Almeida Atualizada×
; 14:30; 16:11). Hoje, “o mundo todo está sob o poder do Maligno” (1 João 5:19 1 João 5:19Sabemos que somos de Deus, e que o mundo inteiro jaz no Maligno.
Almeida Atualizada×
, NVI).

A influência de Satanás e seus demônios é a principal causa de todo tipo de maldade — pecado, miséria, confusão, corrupção, engano, destruição, perversão e pobreza. Eles confundem as pessoas para que pensem que o mal é bom e que o bom é mal.

Satanás odeia profundamente a Deus, a Bíblia e aos seres humanos. Ele está sempre fazendo planos para nos enganar, controlar e destruir. Quando têm oportunidade, os demônios, às vezes, “possuem” as pessoas, o que significa assumir totalmente o controle sobre elas. Deus nunca fez isso. Deus quer que todos tenham liberdade para tomar suas próprias decisões, fazer suas escolhas e realizar seus planos.

Satanás quer que as nações estabeleçam governos poderosos porque ele também sabe que assim pode influenciar mais facilmente toda uma população quando esta já está sob o controle de um grande governo centralizado.

A profecia bíblica nos diz que Satanás terá o máximo poder pouco antes do retorno de Cristo. Satanás influenciará os líderes mundiais a apoiarem um governo mundial liderado por um ditador perverso, e a Bíblia chama esse grande poder político e seu líder de “a besta” (ver Apocalipse 13 e 17). O mundo vai passar pela experiência de ser controlado por um governo totalitário e absoluto pouco antes do retorno de Jesus Cristo, quando Ele guiará o mundo, então aliviado, para a verdadeira liberdade!

A influência insidiosa de Satanás e dos demônios é outra importante razão para que cada vez mais norte-americanos estejam se inclinando ao socialismo. (Para saber mais, baixe ou solicite nosso guia de estudo bíblico gratuito. Existe Realmente um Diabo?).

10. O desconhecimento sobre o mundo após o retorno de Cristo

Algumas pessoas chegam até a imaginar que quando Jesus Cristo voltar à Terra, como Rei dos Reis, Ele será um ditador — um ditador amoroso, mas um ditador totalitário. Elas imaginam que Cristo será muito controlador e microgerenciador, como um “pai helicóptero”, indicando a todos o que, quando, onde e como fazer tudo.

Nada disso! A Bíblia contém muitas profecias sobre o maravilhoso reinado de Cristo, e em nenhuma ela descreve um governo autocrata. Em uma sociedade mundial baseada nos Dez Mandamentos, a “lei da liberdade”, as pessoas poderão desfrutar da liberdade máxima! As profecias descrevem uma sociedade livre, fértil, frutífera e florescente, “como jardim do Éden” (Ezequiel 36:35 Ezequiel 36:35E dirão: Esta terra que estava assolada tem-se tornado como jardim do Eden; e as cidades solitárias, e assoladas, e destruídas, estão fortalecidas e habitadas.
Almeida Atualizada×
).

Manter uma sociedade segura, sem crimes, guerras, militares, animais perigosos, terremotos ou climas extremos e quase sem outros perigos, praticamente não terá nenhum custo! E como o governo geral será administrado por seres espirituais (Jesus Cristo e os santos, Seus seguidores convertidos espiritualmente desta era que serão transformados à semelhança de Sua glória), não haverá necessidade de financiar o alto custo de um governo como os que existem hoje! Então, não haverá o confisco da tributação!

Um fato fundamental é que todos terão sua propriedade privada. Miquéias 4:4 Miquéias 4:4Mas assentar-se-á cada um debaixo da sua videira, e debaixo da sua figueira, e não haverá quem os espante, porque a boca do Senhor dos exércitos o disse.
Almeida Atualizada×
diz que “assentar-se-á cada um debaixo da sua videira e debaixo da sua figueira, e não haverá quem os espante”. A “sua” videira e a “sua” figueira significa que ela será “sua” terra. Então, dependerá da pessoa fazer o que quiser de sua terra. Ela pode fazer dela uma fazenda, um rancho, um pomar, um vinhedo, uma indústria caseira ou um comércio. Ela poderá vendê-la toda ou parte dela e investir o lucro em outra empresa. Como disse corretamente o dono da vinha em uma das parábolas de Jesus: “Não me é lícito fazer o que quiser do que é meu?” (Mateus 20:15 Mateus 20:15Não me é lícito fazer o que quero do que é meu? Ou é mau o teu olho porque eu sou bom?
Almeida Atualizada×
).

A Bíblia tem muitas descrições emocionantes do mundo sob a liderança de Cristo, quando a paz, a prosperidade, a liberdade e o amor florescerão. Algumas das descrições mais inspiradoras se encontram no livro de Isaías (ver 2:1-4; 11: 6-9; 35:1-10; 65:21-25). Temos um futuro incrivelmente maravilhoso à nossa frente! (Para saber mais, baixe ou solicite nosso guia de estudo bíblico gratuito O Evangelho do Reino de Deus).

Qual o motivo da crescente popularidade do socialismo?

Há muitos fatores que moldam a opinião das pessoas sobre o socialismo. Muitas pessoas influentes querem liderar o caminho para o socialismo e muitas outras estão dispostas a seguir sua liderança. E o fato de uma porcentagem crescente de pessoas não compreender algumas realidades fundamentais da vida explica por que tantas pessoas pensam, ingenuamente, que o socialismo é algo positivo e excelente.

Quando as pessoas podem votar por leis ou por um candidato que lhes promete benefícios pessoais pelos quais não têm que pagar nada, muitos eleitores vão apoiar essas leis ou esse tipo de candidato. Como os Estados Unidos tem um governo que é “do povo”, muito do que acontece depende de quem é eleito para o cargo público. Assim, as nações democráticas, geralmente, se degeneram ao longo do tempo ocasionando o aumento da simpatia pelo socialismo, mesmo com todos os seus problemas relacionados.

A Bíblia nos informa que “nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis” (2 Timóteo 3:1 2 Timóteo 3:1Sabe, porém, isto, que nos últimos dias sobrevirão tempos penosos;
Almeida Atualizada×
, ARA). Sem dúvida, é doloroso para qualquer um contemplar o declínio e a queda de sua amada terra natal. Mas graças à Bíblia, podemos enxergar o futuro e saber que os bons tempos seguirão esses maus tempos. Algum dia o mundo inteiro será um lugar livre, pacífico, próspero e alegre! Que esse dia venha depressa!

You might also be interested in...