Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

Abraão Observou os Mesmos Mandamentos que Deus Entregou a Moisés?

Você está aqui

Abraão Observou os Mesmos Mandamentos que Deus Entregou a Moisés?

Download (Baixar)
MP3 Audio (3.28 MB)

Download (Baixar)

Abraão Observou os Mesmos Mandamentos que Deus Entregou a Moisés?

MP3 Audio (3.28 MB)
×

Mas para chegar a essa conclusão, a maioria deles ignoraram o pleno significado do que Deus disse sobre a obediência de Abraão em Gênesis 26:5 Gênesis 26:5porquanto Abraão obedeceu � minha voz, e guardou o meu mandado, os meus preceitos, os meus estatutos e as minhas leis.
Almeida Atualizada×
, centenas de anos antes de falar com Moisés e Israel no Monte Sinai: "Abraão me obedeceu e guardou meus preceitos, meus mandamentos, meus decretos e minhas leis" (NVI).

As palavras hebraicas que Deus usa aqui são notadamente importantes. Como explica O Comentário Bíblico Expositivo sobre este versículo: "Então, o SENHOR fez uma notável observação: Abraão ‘guardou meus preceitos [mismarti], meus mandamentos [miswotay], meus decretos [huqqotay] e as minhas leis [wetorotay]’ (versículo 5).

"É evidente que esta é precisamente a maneira em que a obediência à Aliança do Sinai é expressa em Deuteronômio 11:1 Deuteronômio 11:1Amarás, pois, ao Senhor teu Deus, e guardarás as suas ordenanças, os seus estatutos, os seus preceitos e os seus mandamentos, por todos os dias.
Almeida Atualizada×
: ‘Amarás, pois, o SENHOR, teu Deus, e guardarás a sua observância [mismarto], e os seus estatutos [huqqotayw], e os seus juízos [mispatayw] e os seus mandamentos [miswotayw]’...

"Assim Abraão é um exemplo de alguém que demonstra a lei escrita em seu coração (Jeremias 31:33 Jeremias 31:33Mas este é o pacto que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o Senhor: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo.
Almeida Atualizada×
). Para o escritor, ele é o maior exemplo possível da verdadeira obediência à lei; aquele a respeito de quem o Senhor poderia dizer: 'Abraão Me obedeceu’ (versículo 5). Assim, ao mostrar Abraão como um exemplo de ‘observador da lei’, o escritor mostrou a natureza da relação entre a lei e a fé. Abraão, um homem que viveu pela fé, poderia ser descrito como uma pessoa que guardava a lei" (Vol. 2, 1990, pp. 186-187, ênfase adicionada).

Abraão obedeceu às mesmas leis espirituais fundamentais que, mais tarde, foram dadas a Israel. No entanto, os rituais ou cerimônias simbólicas no tabernáculo ou templo das leis nacionais administrativas de Israel não poderiam ser aplicadas ​​na época de Abraão. E também não são necessárias particularmente para os cristãos hoje, porque um templo físico não é mais o centro de nossa adoração como era na antiga nação de Israel (João 4:19-21 João 4:19-21 [19] Disse-lhe a mulher: Senhor, vejo que és profeta. [20] Nossos pais adoraram neste monte, e vós dizeis que em Jerusalém é o lugar onde se deve adorar. [21] Disse-lhe Jesus: Mulher, crê-me, a hora vem, em que nem neste monte, nem em Jerusalém adorareis o Pai.
Almeida Atualizada×
; Hebreus 9:9-10 Hebreus 9:9-10 [9] que é uma parábola para o tempo presente, conforme a qual se oferecem tando dons como sacrifícios que, quanto � consciência, não podem aperfeiçoar aquele que presta o culto; [10] sendo somente, no tocante a comidas, e bebidas, e várias abluções, umas ordenanças da carne, impostas até um tempo de reforma.
Almeida Atualizada×
).

Assim, Abraão sabia muito mais sobre os preceitos e definições de comportamento reto de Deus do que dizem a maioria dos teólogos de hoje. Isso também significa que as leis que definem as atitudes e a reta que foram dadas a Israel, eram conhecidas e praticadas pelos servos de Deus muito antes da Aliança do Sinai ter sido estabelecida.