Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

Paulo Usou Constantemente o Antigo Testamento Como Autoridade Para Seu Ensinamento

Você está aqui

Paulo Usou Constantemente o Antigo Testamento Como Autoridade Para Seu Ensinamento

Download (Baixar)
MP3 Audio (3.2 MB)

Download (Baixar)

Paulo Usou Constantemente o Antigo Testamento Como Autoridade Para Seu Ensinamento

MP3 Audio (3.2 MB)
×

No entanto, algumas, como a Bíblia Judaica Completa, tornam óbvias essas referências.

Esta versão aponta 183 passagens do Antigo Testamento que Paulo cita ou parafraseia em seus escritos. E este número não inclui outras dezenas de referências adicionais a pessoas, lugares e eventos do Antigo Testamento.

Curiosamente, dois dos livros que os teólogos mal orientados citam para argumentar que Paulo rejeitou o Antigo Testamento são aqueles com o maior número de citações dele: Romanos (com citações ou paráfrases de 84 passagens do Antigo Testamento) e Hebreus (que muitos estudiosos acreditam que foi escrito por Paulo, contém 83 citações).

Outros livros de Paulo, com o número de referências a passagens do Antigo Testamento, são as seguintes: 1 Coríntios (26); 2 Coríntios (18); Gálatas (14); Efésios (12); Filipenses (6); Colossenses (3); 1 Tessalonicenses (1); 2 Tessalonicenses (7); 1 Timóteo (4) e 2 Timóteo (9). Apenas duas curtas epístolas de Paulo, Tito e Filemom, não contém citações do Antigo Testamento.

Diante desses números, vê-se que é óbvio que Paulo usou as Escrituras Hebraicas para apoiar o seu ensinamento. Na verdade, ele sempre usou o Antigo Testamento como a autoridade para seu ensinamento!

O que Paulo disse expressamente sobre essas mesmas Escrituras?

• Em 2 Timóteo 3:16-17 2 Timóteo 3:16-17 [16] Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça; [17] para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente preparado para toda boa obra.
Almeida Atualizada×
, ele escreve: "Toda Escritura divinamente inspirada [literalmente ‘soprada por Deus’] é proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça, para que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente instruído para toda boa obra”. A "Escritura" aqui, que Timóteo sabe desde a infância (versículo 15), só poderia ser o Antigo Testamento.

• Em Romanos 3:2 Romanos 3:2Muita, em todo sentido; primeiramente, porque lhe foram confiados os oráculos de Deus.
Almeida Atualizada×
, referindo-se ao Antigo Testamento, Paulo diz que "aos judeus foram confiadas as palavras de Deus" (NVI).

• Referindo-se a vários incidentes registrados no Antigo Testamento, ele nos diz em 1 Coríntios 10:11 1 Coríntios 10:11Ora, tudo isto lhes acontecia como exemplo, e foi escrito para aviso nosso, para quem já são chegados os fins dos séculos.
Almeida Atualizada×
: "Estas coisas lhes sobrevieram como exemplos e foram escritas para advertência nossa, de nós outros sobre quem os fins dos séculos têm chegado" (ARA).

• Em Hebreus 3:7 Hebreus 3:7Pelo que, como diz o Espírito Santo: Hoje, se ouvirdes a sua voz,
Almeida Atualizada×
, ele fala que o Espírito Santo inspirou diretamente as palavras do Antigo Testamento.

• Em Hebreus 4:12 Hebreus 4:12Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais cortante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até a divisão de alma e espírito, e de juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração.
Almeida Atualizada×
, referindo-se ao Antigo Testamento, ele escreve: "Porque a palavra de Deus é viva, e eficaz, e mais penetrante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até à divisão da alma, e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração".

Será que estas passagens soam como declarações de um homem que ensinou que o Antigo Testamento era obsoleto ou não mais necessário? A resposta é óbvia!