Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

"No Princípio Era o Verbo"

Você está aqui

"No Princípio Era o Verbo"

Download (Baixar)
MP3 Audio (10.34 MB)

Download (Baixar)

"No Princípio Era o Verbo"

MP3 Audio (10.34 MB)
×

Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez . . . E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do Unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade” (João 1:1-3 João 1:1-3 [1] No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. [2] Ele estava no princípio com Deus. [3] Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e sem ele nada do que foi feito se fez.
Almeida Atualizada×
, 14).

Assim, este “Verbo”―o termo grego aqui é Logos―tornou-se em um ser humano de carne e osso, Jesus Cristo. E Ele ainda carrega o nome de “A Palavra de Deus” (Apocalipse 19:13 Apocalipse 19:13Estava vestido de um manto salpicado de sangue; e o nome pelo qual se chama é o Verbo de Deus.
Almeida Atualizada×
).

Como devemos entender isso? Deus criou o universo através deste Verbo preexistente que se tornou Cristo. O Verbo estava com Deus e, ao mesmo tempo, Ele próprio era Deus. Muitos usam esse argumento para defender a trindade, alegando que duas pessoas divinas apresentadas aqui como um único ser. Mas é isso o que se significa?

Observe que no original grego, “o Verbo” estava com “o Deus” e Ele mesmo era “Deus” (neste caso sem o artigo ‘o’). O Verbo não era o Deus, pois Eles não eram a mesma entidade. Mas Ele ainda era Deus.

Devemos entender “Deus” aqui como um gênero de ser [ou ‘espécie’, ou ‘tipo’]―do gênero de Deus que é vivente, divino, santo e eterno―assim como o nome desse gênero de ser. O apóstolo Paulo diz toda a família divina toma o nome do Pai, inclusive Cristo e outros que mais tarde se acrescentem à família (Efésios 3:14-15 Efésios 3:14-15 [14] Por esta razão dobro os meus joelhos perante o Pai, [15] do qual toda família nos céus e na terra toma o nome,
Almeida Atualizada×
).

Assim, “no princípio era o Verbo [Cristo], e o Verbo estava com o Deus [o Pai], e o Verbo era [também chamado] Deus”! É claro, o Verbo não poderia ser chamado Deus a não ser que Ele [Cristo] fosse ‘como’ o Pai. Isto quer dizer que, Deus é quem Ele era, assim como o que Ele era (e é).

Temos aqui, então, dois seres divinos―e não um único ser de três pessoas como ensina a trindade. No entanto, por quê que o Ser divino que se tornou Cristo foi chamado de “o Verbo”? O que isso significa?

O Anjo da Presença de Deus

Das muitas referências do Antigo Testamento a anjos de Deus, existem algumas (Gênesis 16:10-13 Gênesis 16:10-13 [10] Disse-lhe mais o anjo do Senhor: Multiplicarei sobremaneira a tua descendência, de modo que não será contada, por numerosa que será. [11] Disse-lhe ainda o anjo do Senhor: Eis que concebeste, e terás um filho, a quem chamarás Ismael; porquanto o Senhor ouviu a tua aflição. [12] Ele será como um jumento selvagem entre os homens; a sua mão será contra todos, e a mão de todos contra ele; e habitará diante da face de todos os seus irmãos. [13] E ela chamou, o nome do Senhor, que com ela falava, El-Rói; pois disse: Não tenho eu também olhado neste lugar para aquele que me vê?
Almeida Atualizada×
; 22:11-12; Êxodo 3:2-6 Êxodo 3:2-6 [2] E apareceu-lhe o anjo do Senhor em uma chama de fogo do meio duma sarça. Moisés olhou, e eis que a sarça ardia no fogo, e a sarça não se consumia; [3] pelo que disse: Agora me virarei para lá e verei esta maravilha, e por que a sarça não se queima. [4] E vendo o Senhor que ele se virara para ver, chamou-o do meio da sarça, e disse: Moisés, Moisés! Respondeu ele: Eis-me aqui. [5] Prosseguiu Deus: Não te chegues para cá; tira os sapatos dos pés; porque o lugar em que tu estás é terra santa. [6] Disse mais: Eu sou o Deus de teu pai, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó. E Moisés escondeu o rosto, porque temeu olhar para Deus.
Almeida Atualizada×
; Juízes 13:3-22 Juízes 13:3-22 [3] Mas o anjo do Senhor apareceu � mulher e lhe disse: Eis que és estéril, e nunca deste � luz; porém conceberás, e terás um filho. [4] Agora pois, toma cuidado, e não bebas vinho nem bebida forte, e não comas coisa alguma impura; [5] porque tu conceberás e terás um filho, sobre cuja cabeça não passará navalha, porquanto o menino será nazireu de Deus desde o ventre de sua mãe; e ele começara a livrar a Israel da mão dos filisteus. [6] Então a mulher entrou, e falou a seu marido, dizendo: Veio a mim um homem de Deus, cujo semblante era como o de um anjo de Deus, em extremo terrível; e não lhe perguntei de onde era, nem ele me disse o seu nome; [7] porém disse-me: Eis que tu conceberás e terás um filho. Agora pois, não bebas vinho nem bebida forte, e não comas coisa impura; porque o menino sera nazireu de Deus, desde o ventre de sua mãe até o dia da sua morte. [8] Então Manoá suplicou ao Senhor, dizendo: Ah! Senhor meu, rogo-te que o homem de Deus, que enviaste, venha ter conosco outra vez e nos ensine o que devemos fazer ao menino que há de nascer. [9] Deus ouviu a voz de Manoá; e o anjo de Deus veio outra vez ter com a mulher, estando ela sentada no campo, porém não estava com ela seu marido, Manoá. [10] Apressou-se, pois, a mulher e correu para dar a notícia a seu marido, e disse-lhe: Eis que me apareceu aquele homem que veio ter comigo o outro dia. [11] Então Manoá se levantou, seguiu a sua mulher e, chegando � presença do homem, perguntou-lhe: És tu o homem que falou a esta mulher? Ele respondeu: Sou eu. [12] Então disse Manoá: Quando se cumprirem as tuas palavras, como se há de criar o menino e que fará ele? [13] Respondeu o anjo do Senhor a Manoá: De tudo quanto eu disse � mulher se guardará ela; [14] de nenhum produto da vinha comerá; não beberá vinho nem bebida forte, nem comerá coisa impura; tudo quanto lhe ordenei cumprirá. [15] Então Manoá disse ao anjo do Senhor: Deixa que te detenhamos, para que te preparemos um cabrito. [16] Disse, porém, o anjo do Senhor a Manoá: Ainda que me detenhas, não comerei de teu pão; e se fizeres holocausto, é ao Senhor que o oferecerás. (Pois Manoá não sabia que era o anjo do Senhor). [17] Ainda perguntou Manoá ao anjo do Senhor: Qual é o teu nome? - para que, quando se cumprir a tua palavra, te honremos. [18] Ao que o anjo do Senhor lhe respondeu: Por que perguntas pelo meu nome, visto que é maravilhoso? [19] Então Manoá tomou um cabrito com a oferta de cereais, e o ofereceu sobre a pedra ao Senhor; e fez o anjo maravilhas, enquanto Manoá e sua mulher o observavam. [20] Ao subir a chama do altar para o céu, subiu com ela o anjo do Senhor; o que vendo Manoá e sua mulher, caíram com o rosto em terra. [21] E não mais apareceu o anjo do Senhor a Manoá, nem � sua mulher; então compreendeu Manoá que era o anjo do Senhor. [22] Disse Manoá a sua mulher: Certamente morreremos, porquanto temos visto a Deus.
Almeida Atualizada×
), onde Aquele que é chamado de “Anjo do senhor é também identificado como “o senhor”. Mas como pode um anjo de Deus ser o próprio Deus? Este é, evidentemente, a mesma figura referida como “o Anjo da Sua Presença” em Isaías 63:9 Isaías 63:9Em toda a angústia deles foi ele angustiado, e o anjo da sua presença os salvou; no seu amor, e na sua compaixão ele os remiu; e os tomou, e os carregou todos os dias da antigüidade.
Almeida Atualizada×
, bem como o “Anjo” de Deus enviado para liderar os israelitas através do deserto para a terra prometida (Êxodo 14:19 Êxodo 14:19Então o anjo de Deus, que ia adiante do exército de Israel, se retirou e se pos atrás deles; também a coluna de nuvem se retirou de diante deles e se pôs atrás,
Almeida Atualizada×
; 23: 20).

A palavra “Anjo” aqui pode causar confusão, pois normalmente é usada para se referir a seres espirituais criados e que são inferiores a Deus. No entanto, a palavra hebraica malak no Antigo Testamento, da qual a palavra “anjo” é traduzida, simplesmente significa “mensageiro”, o que é o mesmo significado da equivalente palavra grega angelos, no Novo Testamento, (da qual a palavra portuguesa anjo é derivada).

Em hebraico e grego, essas palavras podem significar tanto um mensageiro humano como um espiritual. Por esta razão devemos olhar para o contexto para determinar qual gênero de mensageiro se refere. Neste caso, temos o Mensageiro de Deus, que também é Deus. Sem dúvida, existe apenas uma entidade que se encaixa nesta descrição. É um paralelo exato com o Verbo de Deus, que também é Deus.

Analisemos uma profecia do Antigo Testamento declarada no Novo Testamento que se refere a João Batista e Jesus Cristo. Deus disse: “Eis que eu envio o meu mensageiro [malak, aqui João Batista], que preparará o caminho diante de mim; de repente, virá ao seu templo o Senhor, a quem vós buscais, o Anjo [malak] da Aliança [isto é, Jesus Cristo, o Mediador da Nova Aliança], a quem vós desejais; eis que ele vem” (Malaquias 3:1 Malaquias 3:1Eis que eu envio o meu mensageiro, e ele há de preparar o caminho diante de mim; e de repente virá ao seu templo o Senhor, a quem vós buscais, e o anjo do pacto, a quem vós desejais; eis que ele vem, diz o Senhor dos exércitos.
Almeida Atualizada×
[ARA]; comparar Mateus 11:9-11 Mateus 11:9-11 [9] Mas por que saístes? para ver um profeta? Sim, vos digo, e muito mais do que profeta. [10] Este é aquele de quem está escrito: Eis aí envio eu ante a tua face o meu mensageiro, que há de preparar adiante de ti o teu caminho. [11] Em verdade vos digo que, entre os nascidos de mulher, não surgiu outro maior do que João, o Batista; mas aquele que é o menor no reino dos céus é maior do que ele.
Almeida Atualizada×
, Marcos 1:1-2 Marcos 1:1-2 [1] Princípio do evangelho de Jesus Cristo, Filho de Deus. [2] Conforme está escrito no profeta Isaías: Eis que envio ante a tua face o meu mensageiro, que há de preparar o teu caminho;
Almeida Atualizada×
, Hebreus 12:24 Hebreus 12:24e a Jesus, o mediador de um novo pacto, e ao sangue da aspersão, que fala melhor do que o de Abel.
Almeida Atualizada×
).

O “Senhor” aqui é Deus, pois Ele vem para “Seu templo”. No entanto, Ele também é um Mensageiro―um malak, o termo usado para anjo em outros lugares. Jesus é, portanto, o Senhor Deus. No entanto, Ele também é o Mensageiro de Deus Pai. E o papel de Cristo como Mensageiro tem grande influência sobre Sua distinção como o Verbo de Deus.

O Porta-voz e o significado literal de Logos

Como o Mensageiro de Deus, Jesus falou em nome de Deus. Ele assim o fez quando Ele veio à terra como um homem. E também fez isso na criação do universo. A declaração de João 1:3 João 1:3Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e sem ele nada do que foi feito se fez.
Almeida Atualizada×
, que Deus fez tudo por meio do Verbo, que se tornou Cristo, também é evidenciada em outras Escrituras (ver Efésios 3:9 Efésios 3:9e demonstrar a todos qual seja a dispensação do mistério que desde os séculos esteve oculto em Deus, que tudo criou,
Almeida Atualizada×
ACF, Colossenses 1:16-17 Colossenses 1:16-17 [16] porque nele foram criadas todas as coisas nos céus e na terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades; tudo foi criado por ele e para ele. [17] Ele é antes de todas as coisas, e nele subsistem todas as coisas;
Almeida Atualizada×
).

Isso se encaixa perfeitamente com passagens bíblicas anteriores: “Pela palavra do Senhor foram feitos os céus . . . Porque falou, e tudo se fez; mandou, e logo tudo apareceu” (Salmo 33:6, 9). Quem estava falando nessa ocasião? A partir dessas referências, é muitíssimo claro que Deus Pai fez o trabalho de criação pelo, ou através, do Verbo que se tornou Jesus.

Jesus Cristo é Aquele que falou para o universo existir―mas somente a pedido do Pai. Jesus explicou isso em João 8:28 João 8:28Prosseguiu, pois, Jesus: Quando tiverdes levantado o Filho do homem, então conhecereis que eu sou, e que nada faço de mim mesmo; mas como o Pai me ensinou, assim falo.
Almeida Atualizada×
: “Nada faço por mim mesmo; mas falo como o Pai me ensinou”. E João 12:49-50 João 12:49-50 [49] Porque eu não falei por mim mesmo; mas o Pai, que me enviou, esse me deu mandamento quanto ao que dizer e como falar. [50] E sei que o seu mandamento é vida eterna. Aquilo, pois, que eu falo, falo-o exatamente como o Pai me ordenou.
Almeida Atualizada×
: “Porque eu não tenho falado de mim mesmo, mas o Pai, que me enviou, ele me deu mandamento sobre o que hei de dizer e sobre o que hei de falar

Jesus é, portanto, o Porta-voz do Pai, um papel que alguns têm comparado ao nome Logos. Isto é perfeitamente legítimo, mas o assunto requer alguma explicação já que logos, literalmente, não se refere a um orador, mas ao que é falado.

O que realmente significa o termo grego logos? O Dicionário Avançado de Strong (1992) apresenta os seguintes significados, entre outros: “Uma palavra, dita por uma voz viva . . . o que alguém disse . . . um discurso falado contínuo . . . doutrina, ensino . . . razão, a faculdade mental de pensar”.

A Bíblia de Estudo HCSB observa: “Assim como o verbo lego [falar] relacionado, o substantivo logos na maioria das vezes refere-se tanto à comunicação oral como à escrita. O substantivo logos, em alguns contextos, também pode significar declaração ou informação” (2010, pág. 1801,”Logos”, ênfase no original).

Também é possível que a maneira dos judeus usarem a palavra logos durante o primeiro século, possa estar relacionado com o uso da palavra logos em João 1. Mas esta questão permanece: Como devemos entender Cristo, visto que o significado literal de Logos é ‘o que é falado’ [a Palavra], quando nós sabemos que Ele é Aquele que fala por Deus?

Ambos Mensageiro e Mensagem

Como uma forma de resposta, vamos perguntar: Como seria se todos os outros títulos de Cristo fossem entendidos dessa forma? Por exemplo, o que dizer sobre “o Alfa e o Ômega” em Apocalipse 1:8 Apocalipse 1:8Eu sou o Alfa e o èmega, diz o Senhor Deus, aquele que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso.
Almeida Atualizada×
? Cristo é realmente as duas letras do alfabeto grego? E o que dizer sobre “o Cordeiro de Deus” em João 1:36 João 1:36e, olhando para Jesus, que passava, disse: Eis o Cordeiro de Deus!
Almeida Atualizada×
? É Cristo é literalmente uma ovelha? Assim, fica fácil ver que os títulos na Bíblia, muitas vezes, têm significados figurativos.

Pensemos por um momento que as figuras de linguagem ainda devem seguir uma certa lógica. O que você acha que significaria se você chamasse alguém de sua “Palavra” [ou seu “Verbo”]? Seria, sem dúvida, muito semelhante ao que Paulo quis dizer quando escreveu à congregação de Corinto: “Vós sois a nossa carta, escrita em nossos corações, conhecida e lida por todos os homens” (2 Coríntios 3:2 2 Coríntios 3:2Vós sois a nossa carta, escrita em nossos corações, conhecida e lida por todos os homens,
Almeida Atualizada×
).

Os membros da igreja em Corinto não eram literalmente uma carta ou epístola escrita. Paulo estava usando uma linguagem abstrata, com um significado subjacente ao concreto. Quando você escreve uma carta, você comunica seus pensamentos aos outros. Os Coríntios, Paulo estava dizendo, agiram representando suas ideias. Eles expressaram, através da sua conduta e palavras, tudo o que ele lhes havia ensinado e guardado. Não é exatamente o que você pensaria se você chamasse alguém de sua “Palavra” [ou seu “Verbo”]?

O Novo Dicionário Bíblico Unger lança mais luz sobre o assunto, explicando: “As palavras são o veículo para a revelação dos pensamentos e intenções da mente aos outros. Na Pessoa do Logos encarnado, Deus se fez totalmente conhecido pelo homem. Nada podia ser conhecido pelo homem a respeito de Deus se não fosse revelado pela divindade encarnada. Cristo como ‘a Palavra’ [o Verbo] constitui a revelação divina completa e final” (1988, pág. 780, “Logos”).

Vamos considerar novamente o papel de Cristo como Mensageiro de Deus. Cristo representava o Pai exatamente. Ele viveu tudo o que o Pai mandou e transmitiu os pensamentos de Seu Pai aos seres humanos. Ele falou em nome de Seu Pai como Porta-voz de Deus. Mas a mensagem trazida por Cristo não implicava somente em falar. Em vez disso, Sua própria vida transmitiu uma mensagem.

Na verdade, o próprio Jesus é tanto Mensageiro quanto Mensagem. A maneira como Ele viveu nos ensinou como viver. A Sua própria humildade de vir na carne e dar a Sua vida em sacrifício fala muito sobre o amor insondável de Deus. Jesus Cristo é a Palavra de Deus, o Verbo de Deus. Tudo o que Ele disse, tudo que Ele fez e tudo o que Ele passou, é a Palavra de Deus para nós.