Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

Gestão e Prestação de Contas dum modo Responsável

Você está aqui

Gestão e Prestação de Contas dum modo Responsável

Pelo fato de reconhecer o princípio bíblico de que "na multidão de conselheiros há segurança" (Provérbios 11:14 Provérbios 11:14Quando não há sábia direção, o povo cai; mas na multidão de conselheiros há segurança.
Almeida Atualizada×
; 24:6), um Conselho de Anciãos de doze membros—formado por ministros experientes—fornece liderança geral à Igreja de Deus Unida. Os membros deste conselho são escolhidos de forma rotativa para mandatos de três anos em uma conferência anual de ministros ordenados da Igreja.

O Conselho de Anciãos, escolhido geralmente dentre os pastores de igrejas locais, desempenha importantes responsabilidades. Pois funciona como a diretoria da Igreja de Deus Unida sob Jesus Cristo, seu papel mais importante é prover orientação e estabelecer uma direção para a Igreja em suas operações em todo o mundo. Ele também é responsável por escolher o presidente da Igreja e por supervisionar seu desempenho, bem como o desempenho dos que estão na equipe de gestão do presidente, que supervisiona o corpo ministerial, a equipe de mídia e de operações financeiras da Igreja.

Todos trabalham em um ambiente baseado em equipe, onde comitês do Conselho de Anciãos interagem regularmente com os funcionários responsáveis por todas as operações administrativas. Outros comitês do conselho estão focados no planejamento, nas questões doutrinárias, na educação bíblica de ministros e membros, e outros assuntos necessários para a adminstração eficaz da Igreja de Deus. Seguindo o exemplo bíblico da conferência ministerial registrado em Atos 15, os principais problemas e questões são resolvidos em debates e decisões coletivas com todos os presbíteros ordenados da Igreja.

Nos lugares fora dos Estados Unidos, comitês semelhantes, organizados de acordo com as respectivas leis de cada país, supervisionam as atividades da Igreja de Deus Unida, de acordo com as necessidades.

O tema da integridade financeira é uma prioridade na Igreja de Deus Unida. A obra da Igreja é apoiada pelos dízimos e ofertas voluntárias dos membros e de outros doadores—que seguem o ensinamento bíblico de honrar a Deus com algo material como forma de apoiar a pregação do evangelho e financiar a obra da Igreja.

Nós não pedimos doações nem recolhemos ofertas durante culto semanal na igreja. Estamos alinhados com a observação de Cristo: "De graça recebestes, de graça dai" (Mateus 10:8 Mateus 10:8Curai os enfermos, ressuscitai os mortos, limpai os leprosos, expulsai os demônios; de graça recebestes, de graça dai.
Almeida Atualizada×
), e por isso a nossa literatura é distribuída gratuitamente, sem nenhum custo, a quem quiser solicitar.

Todas as doações nos Estados Unidos e em alguns países são legalmente dedutíveis de impostos e para isso enviamos os recibos aos doadores. Nos Estados Unidos, a Igreja envia balanços trimestrais aos doadores, e recibos anuais ao fim do ano civil.

A Igreja mantém um sistema de controle interno de auditoria no Estados Unidos para garantir a integridade de todos os sistemas de contabilidade e evitar quaisqueres abusos nos ativos financeiros. O assunto da integridade financeira é de grande importância. Os líderes da Igreja elaboram demonstrações financeiras anuais de acordo com os métodos de contabilidade praticados mundialmente. Uma empresa independente de contabilidade, cuidadosamente escolhida, realiza anualmente auditorias nos registros financeiros da Igreja. Então, os resultados dessas auditorias são informados a todos os membros da Igreja.

O orçamento anual da Igreja é preparado através de um sistema que começa com cada departamento apresentando suas solicitações para o ano corrente. Então, o presidente e o tesoureiro da Igreja apresentam um orçamento ao Conselho de Anciãos. Por conseguinte, uma recomendação de orçamento final, juntamente com os planos estratégicos e operacionais, é submetido à aprovação da Conferência Geral dos Anciãos da Igreja em sua reunião anual.

Relatórios financeiros regulares são elaborados para o Conselho de Anciãos em suas reuniões trimestrais. Estes relatórios são então compartilhados com os membros da Igreja através de atualizações no site do Conselho e nas cartas circulares aos membros.

A comissão de finanças do Conselho de Anciãos trabalha com o tesoureiro da Igreja para assegurar o uso eficaz dos fundos e para garantir que todos os orçamentos estejam sendo aplicados de acordo com os planos estratégicos e operacionais aprovados.

A pregação do evangelho no mundo de hoje é uma experiência desafiadora, que nos mantém nos nossos joelhos em oração, pedindo a Deus, não só por sabedoria, mas também pelos meios financeiros para continuar avançando. Nosso sucesso depende  totalmente de nosso Criador. Pois, somente Ele pode chamar mais trabalhadores e colaboradores para se juntarem a essa obra, e agradecemos a ajuda deles. Pois, juntos podemos avançar no objetivo de fazer a Sua vontade.

Se você desejar dar o seu dízimo ou mandar uma oferta à Igreja de Deus Unida, basta ir à aba de doações no nosso site de membros da Igreja para fazer uma transferência bancária usando o botão de doações. Se vive no Brasil também pode fazer uma transferência bancária para:

Caixa Econômica Federal; Igreja de Deus Unida, Brasil

Conta Poupança 7648-8; Operação 013; Agência 3540

Em nome de Jesus Cristo, agradecemos em avanço a sua gentileza e desejo de ajudar a Obra de Deus!