Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

O Deus Todo-Poderoso: Governante do Universo

Você está aqui

O Deus Todo-Poderoso

Governante do Universo

Download (Baixar)
MP3 Audio (1.45 MB)

Download (Baixar)

O Deus Todo-Poderoso: Governante do Universo

MP3 Audio (1.45 MB)
×

Embora a Bíblia identifique Satanás como o “príncipe das potestades do ar” e o príncipe deste mundo (Efésios 2:2 Efésios 2:2nos quais outrora andastes, segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos de desobediência,
Almeida Atualizada×
, João 12:31 João 12:31Agora é o juízo deste mundo; agora será expulso o príncipe deste mundo.
Almeida Atualizada×
; 14:30 e 16:11), Deus mantém o total controle como “Senhor do o céu e da terra” (Mateus 11:25 Mateus 11:25Naquele tempo falou Jesus, dizendo: Graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque ocultaste estas coisas aos sábios e entendidos, e as revelaste aos pequeninos.
Almeida Atualizada×
). Embora Deus permite uma latitude considerável ao diabo no que faz, por enquanto, Deus detém o direito e o poder de intervir.

O registro bíblico mostra que durante esta era Deus usa Seu poder para intervir com moderação, muitas vezes permitindo que o curso natural dos eventos alcancem gradualmente Seu propósito e plano para a humanidade. Lembre-se do que Jesus disse a Pilatos: “Nenhum poder terias . . . se de cima te não fosse dado” (João 19:11 João 19:11Respondeu-lhe Jesus: Nenhuma autoridade terias sobre mim, se de cima não te fora dado; por isso aquele que me entregou a ti, maior pecado tem.
Almeida Atualizada×
).

“O Deus do nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória” é o tema principal de Efésios 1 (versículos 3 e 17). Seu trono é “muito acima de todo governo e autoridade, poder e domínio, e de todo nome que se possa mencionar, não apenas nesta era, mas também na que há de vir. Deus colocou todas as coisas debaixo de Seus [Jesus] pés” (versículos 21-22, NVI).

Davi, rei de Israel, reconheceu a soberania de Deus: “O Senhor estabeleceu o Seu trono nos céus, e como rei domina sobre tudo o que existe” (Salmo 103:19, NVI) e “Do seu santuário nas alturas o Senhor olhou; dos céus observou a terra” (Salmo 102:19, NVI).

O governante babilônico Nabucodonosor chegou a ver essas mesmas verdades depois de Deus tê-lo humilhado por sete anos. “O seu [de Deus] domínio é um domínio eterno; o seu Reino dura de geração em geração”, disse o rei. “Todos os povos da terra são como nada diante Dele [por comparação]. Ele age como lhe agrada com os exércitos dos céus [o reino angelical] e com os habitantes da terra” (Daniel 4:34-35 Daniel 4:34-35 [34] Mas ao fim daqueles dias eu, Nabucodonozor, levantei ao céu os meus olhos, e voltou a mim o meu entendimento, e eu bendisse o Altíssimo, e louvei, e glorifiquei ao que vive para sempre; porque o seu domínio é um domínio sempiterno, e o seu reino é de geração em geração. [35] E todos os moradores da terra são reputados em nada; e segundo a sua vontade ele opera no exército do céu e entre os moradores da terra; não há quem lhe possa deter a mão, nem lhe dizer: Que fazes?
Almeida Atualizada×
, NVI; comparar 5:21).

Os dois primeiros capítulos de Jó mostram a autoridade terrena do diabo e como ele se ajusta à supremacia de Deus sobre o universo. Embora o patriarca Jó tenha sofrido imensas tragédias por causa das ações do diabo, a narrativa mostra que, de nenhuma maneira, Satanás poderia fazer qualquer coisa que Deus não permitisse. Deus continua no controle de tudo.