Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

A Grandiosidade do Deus Todo-Poderoso

Você está aqui

A Grandiosidade do Deus Todo-Poderoso

Download (Baixar)
MP3 Audio (3 MB)

Download (Baixar)

A Grandiosidade do Deus Todo-Poderoso

MP3 Audio (3 MB)
×

“Assim diz o Alto e o Sublime, que habita na eternidade…” (Isaías 57:15 Isaías 57:15Porque assim diz o Alto e o Excelso, que habita na eternidade e cujo nome é santo: Num alto e santo lugar habito, e também com o contrito e humilde de espírito, para vivificar o espírito dos humildes, e para vivificar o coração dos contritos.
Almeida Atualizada×
)

Muita gente, nesta era profana e irreverente—até mesmo cristãos professos—parece ter perdido o sentido da divina majestade de Deus. Muitos se comportam com ignorância e irreverência desmedidas e com falta de respeito para com o nosso Criador. O Seu nome é proferido muitas vezes, mas de modo profano e desrespeitoso.

Mas o que dizer sobre aqueles que vislumbraram a majestade de Deus? Como reagiram? As Escrituras mostram que reagiram quase sempre com profunda humildade. Quando os profetas das Escrituras do Antigo Testamento e os apóstolos do Novo Testamento conheceram a Deus, então, como homens, eles se sentiram terrivelmente diminutos ao se comparar.

Contatos estreitos com a Divindade

Por exemplo, o patriarca Jó se conscientizou extremamente da sua insignificância quando Deus lhe revelou alguns aspectos da magnificência da Sua criação (Jó 38-41). A reação humilde de Jó foi imediata: “Então respondeu Jó ao Senhor, dizendo: ‘Bem sei eu que tudo podes, e nenhum dos teus pensamentos pode ser impedido . . . falei do que não entendia; coisas que para mim eram maravilhosíssimas, e que eu não compreendia. Escuta-me, pois, e eu falarei; eu te perguntarei, e tu ensina-me. Com o ouvir dos meus ouvidos ouvi, mas agora te veem os meus olhos. Por isso me abomino e me arrependo no pó e na cinza’” (Jó 42:1-6 Jó 42:1-6 [1] Então respondeu Jó ao Senhor: [2] Bem sei eu que tudo podes, e que nenhum dos teus propósitos pode ser impedido. [3] Quem é este que sem conhecimento obscurece o conselho? por isso falei do que não entendia; coisas que para mim eram demasiado maravilhosas, e que eu não conhecia. [4] Ouve, pois, e eu falarei; eu te perguntarei, e tu me responderas. [5] Com os ouvidos eu ouvira falar de ti; mas agora te vêem os meus olhos. [6] Pelo que me abomino, e me arrependo no pó e na cinza.
Almeida Atualizada×
).

Quando Moisés se encontrou pela primeira vez com Deus na sarça ardente, ele “encobriu o seu rosto, porque temeu olhar para Deus” (Êxodo 3:6 Êxodo 3:6Disse mais: Eu sou o Deus de teu pai, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó. E Moisés escondeu o rosto, porque temeu olhar para Deus.
Almeida Atualizada×
). No encontro de Josué com a divindade, ele “se prostrou sobre o seu rosto na terra, e O adorou, e disse-Lhe: Que diz meu Senhor ao seu servo?” (Josué 5:14 Josué 5:14Respondeu ele: Não; mas venho agora como príncipe do exército do Senhor. Então Josué, prostrando-se com o rosto em terra, o adorou e perguntou-lhe: Que diz meu Senhor ao seu servo?
Almeida Atualizada×
).

Em visão, Isaías viu o Senhor sentado no Seu trono entre Sua corte angelical (Isaías 6:1-4 Isaías 6:1-4 [1] No ano em que morreu o rei Uzias, eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e as orlas do seu manto enchiam o templo. [2] Ao seu redor havia serafins; cada um tinha seis asas; com duas cobria o rosto, e com duas cobria os pés e com duas voava. [3] E clamavam uns para os outros, dizendo: Santo, santo, santo é o Senhor dos exércitos; a terra toda está cheia da sua glória. [4] E as bases dos limiares moveram-se � voz do que clamava, e a casa se enchia de fumaça.
Almeida Atualizada×
). O profeta reagiu imediatamente dizendo: “Ai de mim, que vou perecendo! Porque eu sou um homem de lábios impuros . . . os meus olhos viram o rei, o Senhor dos Exércitos!” (versículo 5).

Quando Ezequiel viu “o aspecto da semelhança da glória do Senhor”, ele, como Josué e muitos outros, caiu sobre o seu rosto (Ezequiel 1:28 Ezequiel 1:28Como o aspecto do arco que aparece na nuvem no dia da chuva, assim era o aspecto do resplendor em redor. Este era o aspecto da semelhança da glória do Senhor; e, vendo isso, caí com o rosto em terra, e ouvi uma voz de quem falava.
Almeida Atualizada×
). Quando tiveram essa experiência direta com a majestade esplendorosa de Deus, que lhes foi revelada, imediatamente, esses profetas e patriarcas da antiguidade se humilharam. E essa experiência emocionante mudou a vida deles.

O Novo Testamento revela o grande Deus do universo na pessoa de Jesus Cristo. Nas ocasiões especiais em que os discípulos de Cristo vislumbraram o poder magnífico de Deus, revelado através dos milagres de Jesus, as suas reações refletiram o quanto foi espantoso o encontro com um mundo invisível e poderoso, e muito diferente do nosso.

Aconteceu, em uma ocasião que Pedro e outros não conseguiram pescar nada a noite toda. Contudo, quando Cristo lhes disse para lançarem as redes noutro lugar, eles subitamente pescaram tanto que as suas redes começaram a ceder e os barcos começaram a afundar (Lucas 5:4-7 Lucas 5:4-7 [4] Quando acabou de falar, disse a Simão: Faze-te ao largo e lançai as vossas redes para a pesca. [5] Ao que disse Simão: Mestre, trabalhamos a noite toda, e nada apanhamos; mas, sobre tua palavra, lançarei as redes. [6] Feito isto, apanharam uma grande quantidade de peixes, de modo que as redes se rompiam. [7] Acenaram então aos companheiros que estavam no outro barco, para virem ajudá-los. Eles, pois, vieram, e encheram ambos os barcos, de maneira tal que quase iam a pique.
Almeida Atualizada×
).

Pedro ficou impressionado. “E Quando Simão Pedro viu isso, prostrou-se aos pés de Jesus e disse: Afasta-te de mim, Senhor, porque sou um homem pecador!” (versículo 8, NVI).

Mais tarde, Pedro—junto com Tiago e João—teve uma breve antevisão da vida eterna no Reino de Deus. Deus deu-lhes a maravilhosa oportunidade de terem uma visão de Cristo transfigurado em glória com Elias e Moisés. Quando ouviram uma voz vinda do céu reagiram caindo por terra. “E tiveram grande medo” (Mateus 17:6 Mateus 17:6Os discípulos, ouvindo isso, cairam com o rosto em terra, e ficaram grandemente atemorizados.
Almeida Atualizada×
).

Muitos anos mais tarde, quando o apóstolo João escreveu o livro de Apocalipse, ele reagiu à visão de Cristo ressuscitado e glorificado caindo “a Seus pés como morto” (Apocalipse 1:17 Apocalipse 1:17Quando o vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo: Não temas; eu sou o primeiro e o último,
Almeida Atualizada×
).

Em certa altura do seu ministério, o apóstolo Paulo relatou que em visão “foi arrebatado ao paraíso e ouviu palavras inefáveis, de que ao homem não é lícito falar” (2 Coríntios 12:4 2 Coríntios 12:4que foi arrebatado ao paraíso, e ouviu palavras inefáveis, as quais não é lícito ao homem referir.
Almeida Atualizada×
). Ele também se sentiu apavorado.

Em tais circunstâncias, compreendendo a natural reação humana, muitas vezes Deus encorajou os Seus servos e disse-lhes para não terem medo. Cada um desses homens vislumbrou a glória de Deus e ficaram apavorados por causa de Sua grandiosidade.

O que pensamos sobre Deus

Será que vemos Deus como esses homens viram? Será que entendemos, como Salomão entendeu, que nós residimos na terra e Deus no céu (Eclesiastes 5:1-2 Eclesiastes 5:1-2 [1] Guarda o teu pé, quando fores � casa de Deus; porque chegar-se para ouvir é melhor do que oferecer sacrifícios de tolos; pois não sabem que fazem mal. [2] Não te precipites com a tua boca, nem o teu coração se apresse a pronunciar palavra alguma na presença de Deus; porque Deus está no céu, e tu estás sobre a terra; portanto sejam poucas as tuas palavras.
Almeida Atualizada×
) e que devemos ter respeito a Deus, proferindo Seu nome com dignidade, estando cientes de que Ele sabe exatamente o que fazemos e que um dia devemos prestar contas de tudo? (2 Coríntios 5:9-10 2 Coríntios 5:9-10 [9] Pelo que também nos esforçamos para ser-lhe agradáveis, quer presentes, quer ausentes. [10] Porque é necessário que todos nós sejamos manifestos diante do tribunal de Cristo, para que cada um receba o que fez por meio do corpo, segundo o que praticou, o bem ou o mal.
Almeida Atualizada×
).

Será que temos a atitude do apóstolo Paulo quando descreveu Jesus glorificado ao jovem evangelista Timóteo? “O bem-aventurado, e único Poderoso Senhor, Rei dos reis e Senhor dos senhores; Aquele que tem, ele só, a imortalidade, e habita na luz inacessível; a quem nenhum dos homens viu nem pode ver, ao qual seja honra e poder sempiterno” (1 Timóteo 6:15-16 1 Timóteo 6:15-16 [15] a qual, no tempo próprio, manifestará o bem-aventurado e único soberano, Rei dos reis e Senhor dos senhores; [16] aquele que possui, ele só, a imortalidade, e habita em luz inacessível; a quem nenhum dos homens tem visto nem pode ver; ao qual seja honra e poder sempiterno. Amém.
Almeida Atualizada×
).

A incrível glória de Deus Pai e Jesus Cristo excede muitíssimo a qualquer coisa que possamos sequer imaginar. E, esse fato, deve nos levar a um profundo sentimento de admiração e humildade!