Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

O Que é ‘Corbã’?

O Que é ‘Corbã’?

Jesus ensinou que declarar que algo era dedicado a Deus como desculpa para se esquivar de ajudar aos pais necessitados era um escárnio total do serviço a Deus, uma vez que violava diretamente um de Seus Dez Mandamentos.

Em um embate com os fariseus e os escribas sobre o ritual de lavar as mãos, Jesus condenou a cegueira espiritual que os levou a colocar as suas tradições acima da intenção da lei de Deus: “Bem profetizou Isaías acerca de vós, hipócritas, como está escrito: Este povo honra-me com os lábios, mas o seu coração está longe de mim; em vão, porém, me honram, ensinando doutrinas que são mandamentos de homens. Porque, deixando o mandamento de Deus, retendes a tradição dos homens; como o lavar dos jarros e dos copos, e fazeis muitas outras coisas semelhantes a estas.

“E dizia-lhes: Bem invalidais o mandamento de Deus para guardardes a vossa tradição. Porque Moisés disse: Honra a teu pai e a tua mãe e: Quem maldisser ou o pai ou a mãe, deve ser punido com a morte. Porém vós dizeis: Se um homem disser ao pai ou à mãe: Aquilo que poderias aproveitar de mim é Corbã, isto é, oferta ao Senhor, nada mais lhe deixais fazer por seu pai ou por sua mãe, invalidando, assim, a palavra de Deus pela vossa tradição, que vós ordenastes. E muitas coisas fazeis semelhantes a estas” (Marcos 7:6-13 Marcos 7:6-13 [6] Respondeu-lhes: Bem profetizou Isaías acerca de vós, hipócritas, como está escrito: Este povo honra-me com os lábios; o seu coração, porém, está longe de mim; [7] mas em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos de homens. [8] Vós deixais o mandamento de Deus, e vos apegais � tradição dos homens. [9] Disse-lhes ainda: Bem sabeis rejeitar o mandamento de deus, para guardardes a vossa tradição. [10] Pois Moisés disse: Honra a teu pai e a tua mãe; e: Quem maldisser ao pai ou � mãe, certamente morrerá. [11] Mas vós dizeis: Se um homem disser a seu pai ou a sua mãe: Aquilo que poderías aproveitar de mim é Corbã, isto é, oferta ao Senhor, [12] não mais lhe permitis fazer coisa alguma por seu pai ou por sua mãe, [13] invalidando assim a palavra de Deus pela vossa tradição que vós transmitistes; também muitas outras coisas semelhantes fazeis.
Almeida Atualizada×
).

O que é o “Corbã”, mencionado nesta passagem, e como ligar isso às palavras de Cristo? O termo significa literalmente “aquilo que é trazido para perto” (A Enciclopédia da Bíblia Internacional Padrão, 1913, “Corbã”). De acordo com o Dicionário Ilustrado Bíblico de Nelson, Corbã é “uma palavra aplicada a um presente ou uma oferta feita no templo, declarada como presente dedicado a Deus num sentido especial. Uma vez que um presente era oferecido sob a declaração especial de Corbã, não podia ser retirado ou levado de volta; era considerado totalmente dedicado para uso especial no templo. Jesus condenou os fariseus por incentivarem as pessoas a trazerem tais presentes para o templo, enquanto negligenciavam a responsabilidade de cuidar de seus pais” (1995, “Corbã”).

A Enciclopédia da Bíblia Internacional Padrão acrescenta: “Qualquer coisa dedicada ao templo pela pronunciação da palavra votiva ‘Corbã’ imediatamente pertencia ao templo, mas só idealmente [numa condição ideal]; na realidade aquilo podia permanecer na posse de quem fez o voto [dedicação]. Assim, um filho poderia se justificar por não sustentar os seus pais idosos simplesmente porque designou a sua propriedade ou parte dela como um presente para o templo, quer dizer, como ‘Corbã’. Não havia nenhuma necessidade de cumprir seu voto [dedicação], contudo ele estava de fato proibido de usar a sua propriedade para sustentar seus pais”.

Jesus ensinou que declarar que algo era dedicado a Deus como desculpa para se esquivar de ajudar aos pais necessitados era um escárnio total do serviço a Deus, uma vez que violava diretamente um de Seus Dez Mandamentos.