Ajuda para hoje e esperança para o amanhã! 

A Oração que Deus Ouvirá

A Oração que Deus Ouvirá

Nem sempre!

Primeiro, deixemos que a Bíblia explique: “Eis que a mão do senhor não está encolhida, para que não possa salvar; nem o seu ouvido, agravado, para não poder ouvir. Mas as vossas iniquidades fazem divisão entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que vos não ouça” (Isaías 59:1-2 Isaías 59:1-2 [1] Eis que a mão do Senhor não está encolhida, para que não possa salvar; nem surdo o seu ouvido, para que não possa ouvir; [2] mas as vossas iniqüidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados esconderam o seu rosto de vós, de modo que não vos ouça.
Almeida Atualizada×
).

Jesus, semelhantemente, diz: “Quando vocês orarem, não sejam como os hipócritas. Eles gostam de orar de pé nas sinagogas e nas esquinas das ruas para serem vistos pelos outros. Eu afirmo a vocês que isto é verdade: Eles já receberam a sua recompensa” (Mateus 6:5 Mateus 6:5E, quando orardes, não sejais como os hipócritas; pois gostam de orar em pé nas sinagogas, e �s esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam a sua recompensa.
Almeida Atualizada×
, BLH).

Então, o que devemos fazer para que Deus escute as nossas preces?

Jesus continua: “Mas tu, quando orares, entra no teu aposento e, fechando a tua porta, ora a teu Pai, que vê o que está oculto; e teu Pai, que vê o que está oculto, te recompensará. E, orando, não useis de vãs repetições [dizendo as mesmas palavras repetidas vezes], como os gentios, que pensam que, por muito falarem, serão ouvidos” (versículos 6–7).

As Escrituras mostram que as orações em público só são apropriadas em situações específicas. Mas a maioria de nossas orações deve ser conversas sinceras e particulares apenas entre nós e Deus.

Deus prometeu nos ouvir se nós sinceramente nos aproximarmos dEle desta forma, com uma atitude de buscar fazer a Sua vontade e com a disposição para permitir que a Sua Palavra nos oriente e corrija. “Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos, E os seus ouvidos atentos às suas orações; mas o rosto do Senhor é contra os que fazem males” (1 Pedro 3:12 1 Pedro 3:12Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos, e os seus ouvidos atento � sua súplica; mas o rosto do Senhor é contra os que fazem o mal.
Almeida Atualizada×
).

Deus olha para as nossas atitudes e nosso coração (1 Samuel 16:7 1 Samuel 16:7Mas o Senhor disse a Samuel: Não atentes para a sua aparência, nem para a grandeza da sua estatura, porque eu o rejeitei; porque o Senhor não vê como vê o homem, pois o homem olha para o que está diante dos olhos, porém o Senhor olha para o coraçao.
Almeida Atualizada×
), não repara os nossos pecados passados. Ele pode ver a direção que queremos seguir, e é isso o que é importante para Ele.

E espera que tenhamos  que Ele nos escuta e que confiamos no Seu julgamento. “Peça-a, porém, com fé, não duvidando; porque o que duvida é semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte” (Tiago 1:6 Tiago 1:6Peça-a, porém, com fé, não duvidando; pois aquele que duvida é semelhante � onda do mar, que é sublevada e agitada pelo vento.
Almeida Atualizada×
).

Deus está muitíssimo consciente dos nossos motivos quando oramos. Se, com sinceridade, desejamos fazer o que Lhe é agradável e oramos de acordo com isso, Ele se alegra em nos ouvir. E responde segundo o Seu julgamento, de acordo com o que Ele sabe ser melhor para nós.

Lamentavelmente, nem todos oram pelos motivos corretos. “Pedis e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites” (Tiago 4:3 Tiago 4:3Pedis e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites.
Almeida Atualizada×
). Deus nem sequer considera os pedidos daqueles que estão interessados em satisfazer apenas os seus próprios desejos, mas não têm interesse em Lhe agradar.

Novamente, Deus presta atenção em nossas atitudes. Ele sabe por que pedimos e sabe o que está em nossos corações.

A oração é essencial para nossa relação com Deus. Por conseguinte, a Bíblia nos diz: “Regozijai-vos sempre. Orai sem cessar [habitualmente]. Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco” (1 Tessalonicenses 5: 16-18). Quando orarmos com esta atitude, então Deus nos ouvirá.